Fenômenos estranhos do planeta Terra estão em série inédita que estreia no canal BBC Earth



Animais com comportamentos inesperados, fenômenos aparentemente inexplicáveis e tecnologias usadas para fins surpreendentes são diariamente encontrados ao redor do mundo. A série de oito episódios Weird Wonders of the World (Maravilhas Estranhas do Mundo) mostra alguns casos em que são registrados momentos incomuns- e muitas vezes maravilhosos. A produção estreia no canal BBC Earth na próxima segunda-feira, 7 de março, às 23h55. O primeiro episódio também vai ao ar na terça-feira, 8 de março, às 12 horas e às 18 horas.

Narrado pelo naturalista de várias produções da BBC Chris Packham, o programa apresenta eventos curiosos que causam espanto naqueles que os presenciam. As teias de aranha, com suas diversas aplicações, são um exemplo. Para aumentar a produção de teias, o biólogo molecular Randy Lewis inseriu um gene de aranhas em cabras. Desta forma, os mamíferos passaram a produzir no leite a proteína da qual são formadas novas teias, muito semelhantes às originais.

O capítulo de estreia traz ainda o estranho caso de pequenas explosões registradas no céu dos Estados Unidos, que são, na verdade, um erro ambiental. No local, funciona a usina solar Ivanpah Solar Power Facility. De acordo com a coordenadora de energia do ‎US Fish and Wildlife Service (uma agência norte-americana de proteção ambiental), Amedee Brickey, os espelhos usados para captar a energia solar concentram o calor em um determinado ponto, fazendo com que o ar no local fique muito mais quente. Com isto, alguns pássaros que sobrevoavam a região acabaram sendo queimados vivos, causando a impressão das explosões.

O programa também mostra as impressionantes imagens de um macaco que usou técnicas similares às de ressuscitação cardiopulmonar para salvar a vida de outro macaco que havia sido eletrocutado numa linha férrea na Índia. A bióloga especialista em estudos com primatas Lisa Engel deduz que, por se tratar de uma espécie que vive em centros urbanos, provavelmente este animal já havia visto algum tipo de reanimação em humanos e, de alguma forma, aprendeu os procedimentos corretos. 

Nenhum comentário:

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Tecnologia do Blogger.