LIFETIME - Destaques da programação de 25 de abril a 1° de maio



Conheça os destaques da programação do canal Lifetime de 25 de abril a 1° de maio. Entre elas, destaque para o final da primeira temporada de Jane the Virgin e episódio revelador de UnREAL. Também inéditos, os realities Dance Moms e Pequenas Grandes Mulheres. Já o LIfetime Movies estreia o longa de suspense Fugitiva aos 17.

25/4, segunda-feira, 22h30

Surpresas e revelações, na segunda parte da reunião das Pequenas Grandes Mulheres

A divertida série Pequenas Grandes Mulheres (Little Women: LA) cumpre sua terceira temporada no Lifetime, agora com duas novas integrantes e mais desafios. O reality acompanha as aventuras de um grupo único de amigas, espertas, sexy, engraçadas e com um grande coração, donas de personalidades fortes e de dramas ainda maiores. E, por acaso, acontece de elas também serem anãs. Nesta nova fase, apesar de todos os problemas, nada separa este singular grupo de amigas.

Terra Jolé, Tonya Banks, Elena Gant, Christy McGinity Gibel, Traci Harrison Tsou e Briana Manson agora têm a companhia da fofoqueira Brittney, sempre pronta para falar mal de todos, e de Jasmine, uma mãe que está sempre cercada de homens de estatura mediana, incluindo seu filho. Enquanto isso, Terra e Joe, de a Pequena Família de Terra, enfrentam problemas de pais de primeira viagem, Christy sofre para ficar grávida e Tonya continua em busca do homem ideal.

Em Reunião – Parte 2, a apresentadora Tracey Edmonds segue comandando a reunião das Pequenas Grandes Mulheres, que traz ainda mais surpresas. A irmã de Briana a desafia a se reconectar com a família e as meninas descobrem a verdade sobre o “caso” de Matt na internet.

25/4, segunda-feira, às 23h30

Equipe e Adam viajam ao Mississipi e descobrem o segredo de Faith, no inédito de UnREAL

Inspirada no premiado curta-metragem Sequiz Raze, de Sarah Gerttrude Shapiro, ganhadora do SXSW (South by Southwest Film Festival's), UnREAL rompe com todos os paradigmas das séries dramáticas da TV. A série aborda a manipulação dos participantes de um reality show, à frente e por trás das câmeras, em busca de mais audiência, sob o lema “gente má faz boa TV”. Cocriada por Marti Noxon (roteirista de Mad Men, Glee, Buffy, Grey´s Anatomy) e Sarah Gerttude Shapiro (produtora do reality The Bachelor durante seis anos), a série traz como protagonistas Shiri Appleby (Girls) e Constance Zimmer (House of Cards, Entourage).

UnREAL acompanha os bastidores de Everlasting – um famoso reality de namoro, em que um solteiro cobiçado deve encontrar o amor num grupo de mulheres – e mostra o que os produtores são capazes de fazer para o sucesso do programa. A jovem produtora Rachel Goldberg (Shiri Appleby), estimulada por sua inescrupulosa chefe Quinn King (Constance Zimmer, ganhadora do Critic’s Choice Awards de Melhor Atriz Coadjuvante em série Dramática, por seu papel nesta série, em 2016), deixa sua integridade de lado para manipular os participantes e conseguir fortes escândalos, para atrair o público e aumentar a audiência.

Filmada em Vancouver, a primeira temporada de UnREAL traz, em 10 episódios, um olhar revelador sobre o que acontece no escandaloso e manipulador mundo dos realities, em nome da audiência. A segunda temporada da série já está confirmada.

No quinto episódio, Verdade, a equipe de produção viaja para Mississippi, para o encontro de Adam (Freddie Stroma) com Faith (Breeda Wool) em sua cidade natal. Rachel descobre algo espantoso sobre Faith, e pede a ajuda de Adam para protegê-la. Jeremy (Josh Kelly) e Rachel dão o primeiro passo para reatar a amizade. E Quinn processa Chet (Craig Bierko), enquanto a produtora Shia (Aline Elasmar) toma medidas drásticas para aumentar a popularidade de uma garota.

FINAL DE TEMPORADA - 28/4, quinta-feira, 22h30

Primeira temporada de Jane the Virgin chega ao final, com o nascimento do bebê e outras emoções

Jane Villanueva é uma jovem de 23 anos que estuda para ser professora e sonha em ser escritora enquanto trabalha em um luxuoso hotel em Miami. Ensinada pela avó Alba que teria de proteger sua virgindade a qualquer custo, pretende chegar pura ao seu casamento com Michael, seu noivo de longa data. Porém, durante um exame ginecológico, Jane é inseminada por engano. Essa é a trama inicial de Jane the Virgin uma das séries mais aclamadas pela crítica especializada e sucesso de audiência nos Estados Unidos.

Baseada na clássica telenovela venezuelana Juana la Virgen, esta comédia dramática possui eventos surpreendentes e divertidos, que acontecem na vida da ingênua protagonista Jane. Ao descobrir que está grávida, ela tem diante de si várias decisões a tomar. Seguir adiante com a gravidez? Mas como contar ao noivo e à sua família? O que o pai biológico, Rafael, e sua mulher dirão? Apesar de ter sido sempre uma pessoa religiosa e responsável, Jane vê sua vida, toda programada, se transformar em um drama complicado e imprevisível, igualzinho às telenovelas que ela tanto ama.

No último episódio da primeira temporada, Jane insiste na ida de Silmara e Rogelio à Las Vegas, mas assim que eles partem, ela começa a sentir contrações. Silmara faz o possível para retornar a tempo de ajudar Jane no parto, mas acaba fazendo com que Rogelio sinta que não faz parte da família. E a avó Alba está ansiosa para contar a alguém especial sobre o nascimento do bebê.

ESTREIA - 28/4, quinta-feira, 23h30

Adolescente é acusada injustamente pela morte de amiga, no filme inédito Fugitiva aos 17

O longa que estreia nesta quinta, Fugitiva aos 17, traz a história de Holly Hamilton (Marie Avgeropoulos), uma adolescente independente com grande conhecimento em informática. Ela não tem medo de infringir um pouco a lei, desde que seja para ajudar alguém de quem goste. Mas a sorte de Holly sofre uma reviravolta quando ela e Blake (Cindel CHartrand), sua melhor amiga, vão a uma rave universitária. Um desconhecido conduz Blake a um local reservado, onde lhe dá uma droga que a leva à morte. Depois, o assassino também força Holly a ingerir a mesma droga que havia dado a Blake. Quando a polícia chega, Holly é presa por porte de drogas e acusada pela morte da amiga.

Um dia, quando está sendo transferida para uma prisão juvenil, Holly se vê obrigada a fugir. Em liberdade, e com a polícia absolutamente segura de que ela é a culpada, Holly decide que não vai descansar enquanto não seja feita justiça e o verdadeiro assassino posto atrás das grades.

1º/5, domingo, às 20h30

Pressão e excesso de competitividade causam guerra entre as mães em Los Angeles, em Dance Moms

Dance Moms, a série de sucesso do Lifetime que conquistou a América Latina e o Brasil, acompanha Abby Lee Miller, a apaixonada e superexigente instrutora de balé da escola que leva seu nome, localizada em Pittsburgh, nos Estados Unidos. Ela dirige sua escola com mão de ferro, mas sempre arruma tempo para ensinar suas jovens e talentosas alunas e também para lidar com as exigências das mães das garotas, que fazem todo o possível para que as filhas realizem seus sonhos profissionais.

Nesta temporada, Abby e sua equipe têm um início difícil; Chloe e Christi desaparecem, sem fazer contato com as meninas, nem com as mães. Depois de um telefonema de Abby, Kalani e Kira voltam ao grupo para ocupar o lugar deixado pelas duas meninas. A nova safra de episódios inéditos está cheia de danças, audições em estúdios competitivos e, claro, os gritos de Abby e as brigas das mães.

No episódio inédito Vídeo detonou a estrela, muita pressão na última competição da companhia em Los Angeles e, ainda por cima, Nia e Kendall estão gravando vídeos musicais na mesma semana. E o excesso de competitividade causa uma guerra entre as mães.

Nenhum comentário:

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Tecnologia do Blogger.