Canais infantis são os que mais dão espaço aos programas nacionais na TV paga


Canais infantis são os mais exibem conteúdos nacionais. (divulgação)
A produção nacional na TV paga em 2015 foi expressivamente maior do que o estipulado pela lei 12.485. De acordo com dados revelados pela Ancine nesta quarta-feira (29), os conteúdos dos canais de espaço qualificado, com e sem programação infantil, superaram as 3h30 da lei. 

Considerando 57 canais sem programação infantil, eles dedicaram, em média, 9h semanais às produções nacionais, ou 5,4% da programação. No horário nobre, foram 5h57 horas semanais de conteúdos brasileiros, correspondendo a 12,2% do total.

Entre os canais infantis (9 ao todo) o período concedido aos programas brasileiros foram ainda maiores, com média de 10h48 horas de espaço semanal e 6h12 no horário nobre, ou, respectivamente 6,4% e 12,4% da programação.

Ainda de acordo com o órgão, a emissão de CRTs, registros das obras exibidas na TV, para produções brasileiras cresceu 245% entre 2012 e 2015. Só até maio deste ano, houve a emissão de 1270 CRTs, contra 3662 de 2015 inteiro.

Segundo a diretora do órgão Rosana Alcântara, porém, a agência detectou o surgimento de um "horário nobrissimo" entre os canais, já que a maioria dos conteúdos brasileiros são exibidos nas primeiras faixas do horário: 43,14% passam entre as 18h e as 19h30, e 26,73% das 19h30 às 21h. As faixas das 21h às 22h30 e das 22h30 à 0h ficaram, respectivamente, com 15,39% e 14,74%.

Nenhum comentário:

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Tecnologia do Blogger.