TV Cultura estreia nova série "Inspira.mov Brasil"



Ideias e comportamentos inspiradores são a matéria-prima da série inédita Inspira.mov Brasil, que estreia na TV Cultura quarta-feira, dia 15 de junho, à meia-noite, logo após o Cultura Livre. A GRIFA FILMES, premiada produtora brasileira que comemora 20 anos em 2016, criou o formato Inspira.mov Brasil para a TV com o patrocínio da 3M do Brasil. A série de TV, com 13 programas, foi concebida especialmente para alcançar o grande público e tem direção de Mara Mourão.

Com meia-hora de duração, Inspira.mov Brasil apresenta os pensamentos inovadores fundamentais que nortearam as trajetórias profissional e pessoal dos músicos Antonio Nóbrega e Negra Li, dos artistas plásticos Elifas Andreato e Eduardo Srur, da filósofa Viviane Mosé, dos empreendedores sociais Eduardo Lyra e Rodrigo Baggio, da sommelière de cervejas Cilene Saorin, dos jornalistas Paulo Lima e Mauro Beting, do radialista Edgard Piccoli,  do empresário da noite Facundo Guerra e da especialista em economia criativa Lala Deheinzelin. A série foi gravada no teatro Franco Zampari,  da TV Cultura, em São Paulo.  Os depoimentos são intercalados por imagens dos convidados nos locais onde desenvolvem suas atividades de criação e trabalho. 

“A série Inspira.mov Brasil é uma continuação natural do trabalho que venho desenvolvendo no sentido de usar a TV e o cinema como fonte de inspiração para a transformação social”, afirma a diretora Mara Mourão.  Para o Head de Marketing da 3M do Brasil, Luiz Serafim “Mergulhamos no projeto porque sempre queremos inspirar as pessoas a transformar seu mundo, com olhar criativo, vontade de aprender e experimentar, afinal são estes valores que fazem a 3M uma das empresas mais inovadoras”. O produtor executivo da série, Fernando Dias, complementa: “O projeto é pautado por uma tendência mundial de valorização de novos modelos de pensamento e de ação para responder aos desafios contemporâneos”.

A filósofa Viviane Mosé marca a estreia na TV Cultura, dia 15 de junho, à meia-noite

Radicada no Rio de Janeiro há muitos anos, a capixaba Viviane Mosé relembra sua origem simples em Vitória, no Espírito Santo, e a infância alegre que passou. "Nasci no subúrbio e nunca me achei pobre. Eu me achava rica e achava a vida linda". Para ela, sua personalidade forte explica muitas de suas decisões e sua trajetória. "Eu não sonho. Eu lido com as coisas na minha frente com muito ânimo e disposição", reconhece. "Eu nunca me furtei a nada, sempre fui uma pessoa muito corajosa. Eu gosto da vida e eu acredito na vida em si".

Viviane conta que atualmente está envolvida em pesquisas de gestão. Diz que está colaborando no desenvolvimento de ferramentas, como aplicativos para internet, para ajudar a efetivar a participação popular na busca de melhorias da administração dos serviços públicos e também privados. "Mudar o Brasil dá mais trabalho do que levantar um cartaz", afirma sobre as manifestações populares a partir de 2013. "O que me inspira hoje é utilizar a ferramenta web, que cria uma relação horizontalizada bastante democrática, e construir com esta ferramenta acessos para que cada um de nós possa participar da administração da cidade".

Confira os próximos programas Inspira.mov Brasil , sempre às quartas, à meia-noite após o Cultura Livre, a partir de 15 de junho:

22 de junho- Eduardo Lyra 
Empreendedor social, jornalista, autor do livro Jovens Falcões, um dos roteiristas do filme Na Quebrada e fundador do Instituto Gerando Falcões. Foi escolhido pela Revista Forbes, um dos 30 jovens mais influentes do Brasil com menos de 30 anos.

29 de junho - Antonio Nóbrega
Músico, dançarino, ator e produtor cultural pernambucano. Antonio Nóbrega começou sua carreira na década de 60 e, em 1971, foi convidado por Ariano Suassuna para integrar o Quinteto Armorial. No programa, conta como nasceu seu interesse por todo tipo de manifestação popular do Nordeste e como sua pesquisa sobre o tema inspira seu trabalho à frente do Instituto Brincante.

6 de julho - Paulo Lima
Há mais de 30 anos, o jornalista Paulo Lima fundou a revista Trip, uma fórmula inovadora no mercado editorial brasileiro. Hoje ele comanda a Trip Editora, onde sua equipe produz também publicações customizadas, programas de rádio e reportagens em vídeo. No programa, Paulo conta as experiências de vida que mais o inspiraram – como o surfe e as viagens pelo mundo – para criar a identidade que caracteriza até hoje seus projetos.

13 de julho - Negra Li
Cantora, compositora, rapper e atriz. Tornou-se conhecida a partir da década de 90 com o grupo RZO (ou Rapaziada da Zona Oeste). Desde então, aventurou-se por outros gêneros musicais, encarnou Maria Madalena no musical Jesus Cristo Superstar e estrelou no cinema e na TV. Neste programa, ela conta quais foram as influências que moldaram sua vida pessoal e sua carreira e que até hoje a inspiram.

20 de julho - Elifas Andreato
Artista plástico com mais de 40 anos de carreira, ele é especialmente reconhecido como ilustrador de inúmeras capas de discos nos anos 70. Elifas Andreato relembra sua origem humilde, a experiência como operário e a descoberta do desenho e da pintura, decisiva para o rumo que daria à sua vida.

27 de julho- Rodrigo Baggio
Empreendedor social. Está à frente do Comitê de Democratização da Informática, ONG cuja missão é transformar vidas e fortalecer comunidades de baixa renda por meio da utilização de tecnologias da informação e da comunicação.

3  de agosto- Lala Deheinzelin
Especialista em economia criativa, idealizadora do movimento Crie Futuros, atriz e coreógrafa. Foi uma das fundadoras do Núcleo de Estudos do Futuro da PUC, parte do Millenium Project das Nações Unidas.

10 de agosto - Facundo Guerra
Empresário da noite, nascido na Argentina, trabalhou por alguns anos como executivo no mundo corporativo e cursou doutorado em ciência política. Com o fim da bolha da Internet, perdeu o emprego e foi obrigado a se reinventar. Atualmente, em São Paulo, comanda, com sucesso, alguns bares, restaurantes e clubes de música. Cada local se diferencia pela atenção aos aspectos culturais e sociais, revitalizando pontos significativos do centro da cidade.

17 de agosto - Eduardo Srur
Artista plástico que se destaca por intervenções urbanas que utilizam o espaço público para chamar a atenção para questões ambientais e o cotidiano nas metrópoles. Com o bom humor que permeia suas obras, Eduardo Srur indica neste programa as fontes de inspiração para sua arte.

24 de agosto - Cilene Saorin
Uma das poucas mulheres no mundo sommelière de cervejas, com graduação na Espanha e na Alemanha, Cilene abriu caminho em profissões tradicionalmente consideradas masculinas. Integra o time da Associação Brasileira dos Profissionais em Cerveja e Malte desde 1999. Além de consultorias, também ministra cursos dentro e fora do país. Neste programa, ela explica o que a levou a se apaixonar pela cultura da cerveja, e porque a bebida deveria ser tão valorizada quanto o vinho.

31 de agosto - Mauro Beting
Jornalista que atua em mídia impressa, internet, rádio e televisão. Escreveu 15 livros e dirigiu três documentários para cinema e TV. Foi curador do Museu da CBF e um dos curadores do Museu Pelé. A paixão pelo futebol e pelo jornalismo esportivo são o tema principal de sua participação.

7 de setembro - Edgard Piccoli
Radialista e músico formado em Publicidade e Propaganda, Edgard ficou conhecido do grande público como vj da MTV. Em seus programas Garagem do Edgard (MTV) e Circo do Edgard (Multishow), ele entrevistava e tocava com grandes nomes da música brasileira. Atualmente, apresenta o Morning Show, na rádio Jovem Pan, e produz o programa de música e entrevistas Sala de Som. Nesta série, ele conta os momentos decisivos de sua trajetória no mundo da comunicação.

Nenhum comentário:

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Tecnologia do Blogger.