A cantora, compositora, rapper e atriz Negra Li conta sua história no “Inspira.movBrasil”



A jovem Liliane de Carvalho tinha 16 anos quando a música aconteceu na sua vida. Negra Li é o nome artístico, e 2016 marca os 20 anos de sua carreira de cantora, rapper, compositora e atriz. A paulistana, nascida na Vila Brasilândia, bairro de periferia da Zona Norte da capital, revela momentos marcantes de sua vida no Inspira.mov Brasil, produção inédita da GRIFA FILMES, que a TV Cultura exibe quarta-feira, dia 13 de julho, à meia-noite, logo após o Cultura Livre. 

Ideias e comportamentos inspiradores são a matéria-prima da série inédita de 13 programas Inspira.mov Brasil. A GRIFA FILMES, premiada produtora brasileira que comemora 20 anos em 2016, criou o formato do programa para a TV com o patrocínio da 3M do Brasil. A direção é da premiada diretora de documentários e filmes Mara Mourão.

Negra Li- Respirar música e fazer a arte até o fim da vida- dia 13 de julho

Negra Li tornou-se conhecida no mundo do rap e hip hop ao integrar o grupo RZO (Rapaziada da Zona Oeste) cantando “A Paz Interior”. Fundado no final dos anos 80, o RZO teve sua origem no distrito de Pirituba, periferia da Zona Oeste de São Paulo. Mas sua carreira mudou quando Chorão (falecido em 2013),  líder do Charlie Brown Jr., a convidou para participar de uma música. Negra cantou no CD, gravou um clipe e sua voz chegou a novos públicos. A partir daí, surgiram convites para se apresentar em programas de TV, e ela foi a primeira mulher do rap a assinar contrato com uma gravadora multinacional.  Chorão a incentivou, afirmando que “ela não era uma rapper, mas sim uma cantora, que pode cantar tudo”. 

Negra revela no programa que sua dedicação e disciplina foram fundamentais na sua trajetória de vida. Ela investiu na sua carreira e, aos 16 anos, começou a estudar música. Entrou para o Coral da USP, onde foi solista e cantou do erudito ao popular. Também começou a estudar instrumentos e diz que, ainda hoje, continua a estudar música para ter sua liberdade artística. Relembra as dificuldades da infância e a importância da religião como base estrutural da vida em família. Ela tem na mãe a maior inspiração e exemplo de vida. “É uma guerreira, que me ensinou o que é ser mulher de verdade”, comemora. Do pai, conta, com muito carinho, que ele a aconselhou a valorizar muito a liberdade, e que  ela se inspirou e compôs uma música sobre o tema.

Confira os convidados dos próximos programas:
  • 20 de julho - Elifas Andreato
  • 27 de julho- Rodrigo Baggio
  • 3  de agosto- Lala Deheinzelin
  • 10 de agosto - Facundo Guerra
  • 17 de agosto - Eduardo Srur
  • 24 de agosto - Cilene Saorin
  • 31 de agosto - Mauro Beting
  • 7 de setembro - Edgard Piccoli

Com meia-hora de duração, Inspira.mov Brasil apresenta os pensamentos inovadores fundamentais que nortearam as trajetórias profissional e pessoal dos músicos Antonio Nóbrega e Negra Li, dos artistas plásticos Elifas Andreato e Eduardo Srur, da filósofa Viviane Mosé, dos empreendedores sociais Eduardo Lyra e Rodrigo Baggio, da sommelière de cervejas Cilene Saorin, dos jornalistas Paulo Lima e Mauro Beting, do radialista Edgard Piccoli, do empresário da noite Facundo Guerra e da especialista em economia criativa Lala Deheinzelin. A série foi gravada no teatro Franco Zampari,  da TV Cultura, em São Paulo.  Os depoimentos são intercalados por imagens dos convidados nos locais onde desenvolvem suas atividades de criação e trabalho. 

Nenhum comentário:

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Tecnologia do Blogger.