Header Ads

Canais SporTV bateram recorde geral nas Olímpiadas, somente em TV, 38 milhões de pessoas


Em balanço geral, Canais SporTV são recorde absoluto nas Olimpíadas. (Divulgação)
Na TV por assinatura, a canais SporTV alcançou, com mais de 2,4 mil horas de transmissão ao vivo em 17 dias, 38 milhões de pessoas. Segundo a programadora, são 29% mais telespectadores do que o obtido em Londres-2012, e 27% a mais do que a soma do desempenho de todos os canais fechados concorrentes esportivos no mesmo período (em número de telespectadores impactados). Em termos de audiência, a vantagem dos canais SporTV sobre os concorrentes (canais esportivos pagos) foi de 258%.

O crescimento se deu em todos os targets. Não importa o gênero ou a idade, a rede SporTV pelo menos triplicou a sua audiência em todos os recortes da população durante o evento esportivo. Entre homens, o crescimento foi de 227% e, entre mulheres, 410%. Analisando as faixas de idade, o crescimento entre crianças de 4 a 11 anos foi de 235%; entre adolescentes de 12 a 17 o aumento foi de 267%; na faixa de jovens de 18 a 24 crescimento de 316%; e junto ao público adulto (25 anos em diante), aumento de 286% na audiência.

Em relação a Londres, cada modalidade esportiva apresentou aumento de audiência médio de 168%. A canoagem teve grande destaque de crescimento, tendo resultado 635% superior ao de quatro anos atrás. Outras 17 modalidades tiveram mais do que o dobro da audiência obtida na última olimpíada, inclusive a ginástica olímpica, que mesmo já tendo sido a 6ª modalidade mais vista em Londres, conseguiu crescer 176%.

Assim como em Londres, vôlei e futebol foram, na ordem, as duas modalidades com maior participação na audiência da TV por assinatura nessa Olimpíada. Completam o 'top 5': o atletismo, o basquete (que inverteram suas posições em relação ao último evento) e a ginástica, que superou o vôlei de praia e assumiu a quinta colocação. As cinco modalidades atingiram 27 milhões de pessoas nos canais pagos.

As maiores audiências da Olimpíada na TV por assinatura foram, na ordem, a final dos 100 metros rasos masculino, vencida pela jamaicano Usain Bolt; a semifinal do vôlei masculino entre Brasil e Rússia; a goleada sobre a Dinamarca no futebol masculino; e as finais de vôlei e do futebol masculino. Com esses cinco eventos, o SporTV atingiu 8 milhões de pessoas. Na média dos horários dessas transmissões, o SporTV foi o segundo canal mais visto da TV brasileira entre assinantes, atrás apenas da Globo.

Fora das partidas, o programa "É Campeão" se destacou, com 9 milhões de pessoas acompanhando os comentários dos medalhistas olímpicos. De acordo com a programadora, o programa conseguiu liderança absoluta no segmento esportivo tendo, na média, 198% mais audiência do que a emissora concorrente melhor colocada.

O resultado da ampla cobertura online que o SporTV fez dos Jogos Olímpicos Rio 2016 reforça a potência dos esportes na programação ao vivo: foram 6,8 milhões de horas de conteúdo assistidos em simulcast (98%) e 114 mil horas de vídeo sob demanda (2%), segundo informações fornecidas pela Globosat.

Nesta Olimpíada, pela primeira vez, todas as modalidades esportivas puderam ser acompanhadas pela audiência, graças aos canais temporários abertos nos line-ups das operadoras e, sobretudo, à transmissão pela Internet. Com isso, até 65 transmissões simultâneas foram realizadas.

Apenas no online, o SporTV contabilizou 6,8 milhões de horas consumidas via live streaming, entre SporTV Play e o aplicativo SporTV Rio 2016, incluindo desktops e mobile. A cerimônia de abertura do evento foi o o conteúdo mais acessado por demanda: mais de um milhão de minutos consumidos.

O horário comercial, como esperado, foi quando o conteúdo online foi mais demandado. O período entre 9h00 e 18h00 foi quando ocorreu 69% do consumo de conteúdo em outras telas. Entre as modalidades, futebol e vôlei foram as mais acessadas.

Olimpíada móvel

Embora a maior parte do consumo de conteúdo online tenha se dado pelo computador, o volume de downloads do aplicativo SporTV Rio 2016 impressiona. O computador foi a tela escolhida pelos assinantes em 72% do conteúdo assistido, contra 18% do celular e 9% do tablet.

Houve 1,1 milhão de downloads do app SporTV Rio 2016, nas lojas de aplicativos dos sistemas iOS e Android. O sistema operacional do Google foi responsável por 73% dos downloads, contra 27% do iOS.
Canais temporários

Os 13 canais extras lançados especialmente para a Olimpíada também foram destaque de audiência. Os canais alcançaram 42 milhões de telespectadores, que puderam acompanhar seus esportes favoritos transmitidos pela equipe de 35 narradores e 110 comentaristas do SporTV.

Com 16 canais comentados e narrados na TV paga e 56 sinais na Internet, foram mais de 4 mil horas de transmissão. O projeto contou com o envolvimento de 1.591 profissionais.

Publicidade

Para o Projeto Rio 2016, foram comercializadas todas as seis cotas disponíveis: Bradesco, Claro, Correios, McDonald's, Nissan e Samsung. Ao final do projeto, serão no total mais de 25,9 mil inserções. Desde janeiro deste ano, as marcas dos patrocinadores estão presentes em uma programação dedicada aos Jogos Olímpicos Rio 2016 e o plano estende-se até o final de agosto. O projeto conta com programas especiais e cobertura jornalística. O valor de tabela de cada cota é de R$ 82.261.628,36.


Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.