NATGEO - Destaques da programação de 15 a 21 de agosto



Conheça os destaques da programação do canal NATGEO de 15 a 21 de agosto.

SEGUNDA-FEIRA- 15 DE AGOSTO

No mundo que conhecemos vence o mais forte, o que tiver maior condicionamento físico e mais habilidade tática. Mas, como será a disputa entre os competidores animais mais selvagens e ferozes da natureza? Os competidores vêm de todo o mundo e todos têm uma coisa em comum: foram concebidos para matar e o prêmio é a própria vida. Acompanhe de perto as batalhas mais acirradas dos maiores lutadores do reino animal no especial “Jogos Selvagens” de segunda a sexta, na faixa das 18h!

18h45: Especial Jogos Selvagens

Felinos em Guerra: Leão vs. Guepardo: Este documentário apresenta imagens de arquivo de um sucesso único, uma sequência onde o conflito entre predadores se torna mortal. As cenas de luta entre o leão e o guepardo são impressionantes, mas finalmente, jogaram luz sobre a misteriosa relação que existe entre estes extraordinários felinos e sua luta mortal pela sobrevivência. Classificação Indicativa: livre.

22h: Aeroporto Colômbia- Episódio inédito!

Melhores Momentos Parte 2: Neste episódio, no Aeroporto Internacional El Dorado, os policiais da divisão antinarcóticos enfrentam uma missão vertiginosa: revistar a bagagem de cerca de 400 voos. Um passageiro holandês se atreve a levar um importante carregamento de cocaína em duas malas com fundos falsos, acreditando que, por ser cidadão europeu, não despertará suspeitas. Em seguida, os policiais desconfiam de um suposto casal que, na realidade, são dois transportadores, ou mulas, que levam drogas dentro de seus corpos apesar dos riscos desta modalidade de tráfico. O Comando Antinarcóticos também captura uma passageira que tenta levar quase 9 quilos de cocaína até Paris, divididos em 16 pacotes embrulhados como livros e cadernos. Além disso, eles desmascaram outra tentativa de tráfico quando descobrem que uma garrafa de vinho aparentemente normal tem um engenhoso fundo falso repleto de cocaína líquida. Por fim, de forma sagaz e precisa, os policiais detectam um carregamento de cocaína diluída nos que parecem ser inofensivos produtos para o cabelo. Classificação Indicativa: 14 anos.

22h45: As Piores Férias na Prisão- Documentário inédito!

“As Piores Férias na Prisão” relembra algumas das piores estadias em prisões vividas por viajantes que se encontraram do lado errado da lei e longe de casa. Quando Dwight Worker tenta levar cocaína para dentro dos Estados Unidos ele acaba no Palácio Negro, no México, lutando por sua vida. Brigene Young é enganada para levar heroína para as Ilhas Maurício e acaba quase enlouquecendo na solitária. Jayne e David Bladen vão para o Caribe para o que eles acreditam ser um trabalho. Ao invés disso, eles acabam transportando cocaína líquida, levando à um ataque brutal contra David. Classificação Indicativa: 14 anos.

TERÇA-FEIRA- 16 DE AGOSTO

18h45: Especial Jogos Selvagens

Clube da Luta Animal. Brigas Selvagens: Este episódio revela o que acontece quando as espécies mais ferozes do reino animal lutam com unhas e dentes, e te leva para mais perto do que nunca de brigas cheias de adrenalina na Austrália, América, Ártico e além. A Austrália é a casa de um grande número de animais mortais. Nenhum é mais assustador do que o tubarão e o crocodilo de água salgada. Ambos poderiam matar um ser humano, então o que acontece quando eles ficam cara a cara? O Clube da Luta Animal investiga um confronto completo, enquanto estes dois monstros brigam por uma enorme carcaça de tartaruga; tudo revelado em detalhes, golpe por golpe. Na África, dois rinocerontes negros, um dos mamíferos terrestres mais pesados da Terra, entram em uma batalha sangrenta por território. E então, um louva-deus fica violento... e está derrubando qualquer coisa em seu caminho. Dos enormes aos pequenos, dos assustadores aos peludos, as brigas mais selvagens do mundo abastecem o Clube da Luta Animal com adrenalina. Classificação Indicativa: 12 anos.

QUARTA-FEIRA- 17 DE AGOSTO

18h45: Especial Jogos Selvagens

Clube da luta animal. Guerras Territoriais: Este episódio revela o que acontece quando as espécies mais impressionantes do reino animal brigam com unhas e dentes, e te leva para mais perto do que nunca de brigas cheias de adrenalina na América do Norte, América do Sul e além. Em uma corrida para vencer o frio, renas correm para o sul - mas perdem tempo ao brigar com seus chifres, lutando por direitos na linhagem. Um texugo encontra alguns filhotes de raposa saborosos no Parque Nacional de Yellowstone, mas então conhece o pai - que está disposto a brigar até o fim para protegê-los. Na Tailândia, dois peixes siameses estão em uma guerra de territórios... e ela pode não terminar até que um deles esteja morto. Barbatanas se batem e pelos voam quando alguns dos animais mais bravos do mundo entram no Clube da Luta Animal. Classificação Indicativa: 12 anos.

22h: Luta pelo Ouro 4 - Episódio inédito! Na Quarta Bruta do Nat Geo!

Chuva e Má Sorte: Nick, o ajudante novato de Chris e Nika, deixa o trator preso na lama enquanto abre uma fenda. Bernie leva seu equipamento ao limite. Karl sofre para manter-se numa maré de sorte quando a chuva atrapalha sua operação. Big Al abre um novo poço esperando conseguir mais ouro depois de momentos ruins. Classificação Indicativa: livre.

QUINTA-FEIRA- 18 DE AGOSTO

18h45: Especial Jogos Selvagens

Predadores Letais- Batalha Animal: Entre os animais, as batalhas geralmente são um jogo de soma zero. Em quase todas as lutas, existe um vencedor e um perdedor, tendo a vida frequentemente em risco. Os motivos para o combate são variados, mas costumam girar em torno de comida, território e sexo. Neste episódio, conferimos as batalhas épicas que acontecem quando os predadores resolvem fazer de suas presas uma refeição e elas, por sua vez, utilizam cada arma disponível para sobreviver. Além desta disputa primordial de “comer ou ser comido”, também observamos as disputas ocorridas dentro da própria espécie pelo domínio do grupo. Os machos brigam ferozmente entre si pela liderança e para defender seu território. Quem irá dominar a presa e o bando? É isso que saberemos neste episódio de “Predadores Letais”. Classificação Indicativa: livre.

21h15: Loucuras Animais 3- Episódio Inédito na Quinta Fera

Missões Impossíveis: A pior prova da Mãe Natureza de que você nem sempre pode ficar sozinho. Quando um filhote de búfalo é quase derrotado por um leão, o resto do rebanho corre para salvá-lo. Um homem e sua GoPro tropeçam em um ninho de cascavel e logo aprendem: “quanto maior a quantidade, mais assustador será. ” De destruições muito tensas e resgates improváveis, até selvageria na hora de conseguir alimento. Essas Missões Impossíveis mostram que quanto mais alto eles escalam... mais longe eles cairão. Classificação Indicativa: livre.

SEXTA-FEIRA- 19 DE AGOSTO

18h45: Especial Jogos Selvagens

Clube da Luta Animal- Rugidos Brutais: Este episódio revela o que acontece quando os maiores e mais loucos lutadores no reino animal ficam cara a cara, e te leva mais perto do que nunca de brigas cheias de adrenalina por todo o mundo. Há uma luta entre leoas e um leopardo em um grande confronto felino africano, e dois ursos marrons lutam por um lugar privilegiado para a pesca de salmão em um rio do Alasca. No mortal deserto do Saara, um infame texugo enfrenta dois chacais para proteger seu filhote, e no deserto de Sonora, um papa-léguas pode ter capturado mais do que ele pode comer. É uma luta sem limites até a morte. Classificação Indicativa: 12 anos.

20h45: Perdidos na Tribo – Episódio Inédito na Sexta No Limite

Episódio 4: Juliana chora ao cumprir seu castigo e discute com os Himbas ao ver suas roupas jogadas no chão. Natália Sackiewicz precisa aprender a tirar leite da cabra e ainda responder aos anseios de Duke, da tribo Hamer, que a quer a todo custo. O pai de Duke faz uma proposta a Larry por sua filha. Na tribo dos Mentawai, Felippe Oliva precisa matar um porco e seu pai terá um grande desafio pela frente. E ainda há espaço para um clássico do futebol! Classificação Indicativa: 12 anos

22h: Desafio Primitivo- Episódio Inédito na Sexta No Limite

Primeiros Americanos: Bill e Cat seguem os passos dos primeiros americanos a cruzar a ponte terrestre de Bering, 15.000 anos atrás. Sua caminhada começa na tundra do Alasca, onde uma tempestade de inverno os atinge. Nesta terra árida, os recursos são poucos e distantes entre si, e o trabalho cansativo castiga Bill e Cat, que não conseguem encontrar nada para comer. Finalmente eles encontram uma barragem de castores, mas, para montar uma armadilha, Bill precisa entrar na água quase congelante. Quando se aproximam da costa, seu obstáculo final é atravessar uma geleira. Enfrentando desmoronamentos de gelo e fendas escondidas, Bill e Cat questionam se eles têm tudo que é preciso para sobreviver à jornada dos primeiros americanos. Classificação Indicativa: 12 anos.

22h45: Travessia Africana- Episódio Inédito na Sexta No Limite

Pouca Comida: O grupo está no seu 19º dia da jornada e já caminhou 196km de seu desafio épico – seguir a grande migração de gnus pelo Serengeti. Mas eles ficaram presos às margens do cheio rio Orangi pelos dois últimos dias. Determinados a recuperar o atraso em relação aos gnus, o grupo segue para o leste na esperança de encontrar um ponto de travessia. Para fazer isso, eles precisam caminhar às margens do rio em uma densa vegetação – e território de predadores. E não demora para que eles encontrem um dos mais perigosos animais da África: um hipopótamo. Jens, guia do rio, nota uma forma de atravessar, mas eles precisam tomar cuidado para não perturbar os territoriais hipopótamos – ou chamar a atenção dos crocodilos-do-Nilo. A falta de comida começa a ter efeitos drásticos em Robin, que tem diabetes, e ameaça o grupo. Para ter chances de alcançar os gnus, o grupo precisa se mover rapidamente em direção ao norte – mas será que conseguirão fazer isso juntos? Classificação Indicativa: 12 anos.

 SÁBADO- 20 DE AGOSTO

21h: Câmera Selvagem- Episódio inédito!

O Ataque da Onça: A onça-pintada é um dos animais mais respeitados da fauna brasileira. Sua potência, furtividade e sagacidade são características que a colocam no topo da cadeia de predação dos habitats em que ela é encontrada. Para gravar um ataque desse que é o maior felino das Américas do ponto de vista da presa, o trio do Câmera Selvagem decide fabricar uma capivara para ser “oferecida de bandeja” a ela. Com a ajuda de uma cenógrafa eles conseguem uma réplica bem fiel, capaz de enganar capivaras de verdade em um teste preliminar. Após ajustes e mais testes, Cristian Dimitrius e Daniel seguem para o Pantanal, para ver se também conseguem enganar a onça. Classificação Indicativa: 10 anos.

23h: Anos 70- Episódio Inédito!

Uma nova televisão: Por conta de uma nova sofisticação na programação e da introdução de novos formatos, foi nos anos 70 que a televisão amadureceu para se tornar a mídia que conhecemos hoje. Havia uma nova abordagem na programação dos canais abertos, e isso se refletia em programas como MASH, The Mary Tyler Moore Show e as comédias de meia hora de Norman Lear: All in the Family, Maude e The Jeffersons. Novos formatos que se tornariam padrões televisivos surgiram, como os filmes feitos para TV (Brian’s Song, Duel, That Certain Summer), e as minisséries (Rich Man Poor Man, Roots, I, Caudius). E duas das maiores franquias televisivas da história, Monday Night Football e Saturday Night Live, nasceram nos anos 70. Além disso, a PBS e alguns canais pagos como ESPN, HBO e Show time foram lançados. Classificação Indicativa: livre.

DOMINGO - 21 DE AGOSTO

22h15: Desafio Primitivo

Jornada no Deserto: Bill e Cat seguem os passos dos primeiros Homo sapiens enquanto atravessam o Deserto da Arábia – o segundo maior do mundo. Sua missão é localizar leitos de rios secos e segui-los até a área das monções sazonais ao longo da costa. Mas para isso, eles precisam enfrentar o calor e a areia escaldantes. É praticamente impossível encontrar comida, e Bill e Cat são forçados a caçar pequenas criaturas que criam seus abrigos nas pedras e na areia: lagartos, insetos e ratos. Enquanto caminham pelo deserto, seu estoque de água rapidamente fica baixo, e não há sinal das monções. A areia queima seus pés e o sol machuca seus olhos. Sua única esperança é recriar as ferramentas e o modo de vida dos Homo sapiens que viveram aqui há 75.000 anos. Mas com pouca água e longe do fim do caminho, eles se perguntam se conseguirão chegar à costa. Classificação Indicativa: 12 anos.

Nenhum comentário:

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Tecnologia do Blogger.