Canal Universal exibe os dois últimos inéditos de The Good Wife


Dois episódio em sequência de TGW. (Divulgação)
O Canal Universal exibe no dia 30 de setembro, sexta-feira, às 20h05, os últimos episódios da sétima temporada de The Good Wife em sequência. Estes são os momentos finais da série vencedora do Globo de Ouro pela atuação de Julianna Margulies, que interpreta a protagonista da série, Alicia Florrick, desde a primeira temporada. The Good Wife ainda levou o Emmy em 2010, 2011, 2012, 2013 e 2014.

Em "Verdict", Peter Florrick (Chris Noth) é levado a julgamento. O promotor do caso, Connor Fox (Matthew Morrison), faz sua declaração inicial e pede para o júri não se iludir com a fama de bom moço do governador e acusa Alicia (Julianna Margulies) de conspiração. Após, a testemunha Lloyd Garber (Howard McGillin) conta que Peter salvou seu filho da acusação de assassinato depois de sumir com as provas. 

Diane (Christine Baranski) trabalha como advogada de defesa de Peter e questiona Lloyd sobre a conversa que teve com o governador sobre seu filho. Após, Lloyd tenta oferecer um acordo de oito anos de prisão a Peter, mas ele recusa. Ele também conta a Alicia que tem uma testemunha surpresa e leva Geneva Pine (Renée Elise Goldsberry) a julgamento. 

Alicia pede que Jason Crouse (Jeffrey Dean Morgan) investigue Geneva e ele descobre que ela irá depor contra Peter porque ele terminou um relacionamento de anos com ela. Após, o promotor Matan Brody (Chris Butler), com quem Peter trabalhava, conta que ele esteve no local onde as evidências foram guardadas no dia do assassinato e tentou impedir que o suspeito confessasse o crime. Diane diz que apenas 2% dos casos de Peter foram retirados, provando que ele não é culpado. 

Já em "End", Peter decide aceitar o acordo de Connor para cumprir pena de dois anos. Eles são chamados ao tribunal, mas o juiz Richard Cuesta (David Paymer) informa que o júri não chegou a um veredicto e tem uma pergunta para o governador. Eles pedem para ouvir a gravação da chamada da vítima do caso que foi arquivado. 

Após, o júri pergunta o que aconteceu em um momento da gravação em que o som fica inaudível. Jason descobre que é uma chamada de celular de outra pessoa que estava na casa da vítima, já que ela estava usando seu aparelho para ligar para a emergência. 

Lucca pede para Alicia agradecer a Jason por ter ajudado no caso e diz que, se Peter for condenado, Alicia nunca vai pedir o divórcio. A amiga também diz que Alicia precisa decidir se ela quer estar com Peter ou Jason. Entretanto, ela começa a imaginar sua vida com seu antigo amor, Will Gardner (Josh Charles). 

No dia seguinte, Diane leva uma testemunha querida pelo juiz, pois Jason precisa de tempo para descobrir de quem é o celular que estava tocando no local do crime e, para isso, sugere que eles perguntem à Cary. Eles o encontram dando aula em uma universidade e Jason também questiona a razão pela qual não houve uma busca pelas pistas perdidas após Peter deixar a promotoria. Ele diz que não valeria a pena pois demoraria muito tempo e o caso já havia sido arquivado. 

Nenhum comentário:

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Tecnologia do Blogger.