Header Ads

Discovery Home & Health estreia a produção nacional 'MENOS É DEMAIS'


Novo programa 'Menos é Mais'. (Imagem/Divulgação)
Armário abarrotado, controle de gastos inexistente, pilhas de objetos sem uso, ansiedade e frustração – a vida dos consumistas inveterados não é fácil. A partir de 27 de abril, às 20h30, as “Quintas em Casa” do Discovery Home & Health oferecem alternativas para famílias que desejam viver com o necessário – e nada além dele – com a estreia da série MENOS É DEMAIS. Semanalmente serão exibidos dois episódios de meia hora, em sequência.

A série transforma espaços e rotinas dos participantes ao incentiva-los à prática do desapego e consumo consciente. Cada um dos 13 episódios da primeira temporada vai a uma casa onde as pessoas precisam descobrir como conter o impulso de compra e definir um destino para as centenas de bugigangas, eletrodomésticos, roupas e calçados que já possuem, mas pouco – ou nunca – usam.

A visita é feita por Chiara Gadaleta, especialista em moda sustentável e criadora do Movimento ECOERA, e Fe Cortez, empresária, ativista ambiental e especialista em consumo consciente. Elas são responsáveis por colocar em  prática soluções para um problema comum a todos os participantes: aquelas coisas que supostamente deveriam facilitar a vida só servem para ocupar espaços preciosos que poderiam ser agradáveis e funcionais.

Primeiro, as apresentadoras conversam com as famílias e visitam suas casas para descobrir a dimensão do problema. Depois de quantificar o consumismo com a contagem de peças e objetos, elas mostram o tamanho do acúmulo espalhando as coisas todas em um mesmo ambiente – momento em que as pessoas são confrontadas pela própria capacidade de gastar dinheiro com inutilidades que ficam por anos escondidas em armários.

Depois, as duas confabulam em busca de soluções específicas para cada caso. Os planos incluem o auxílio de estabelecimentos, empresas e especialistas convidados que embarcam na missão. Os próprios participantes separam os itens que manterão consigo, tendo o limite restrito estabelecido pela dupla de especialistas. Por fim, Chiara e Fernanda ajudam a organizar os espaços antes tomados por objetos sem uso. Surgem novas utilidades e consciência em relação à função do consumo.

Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.