Header Ads

Renda média familiar de assinantes de TV paga aumenta em 2016, aponta levantamento da Anatel


Poder aquisitivo do assinante de TV cresceu em 2016. (Imagem/Reprodução)
A Anatel divulga na próxima semana as condições de Aferição do Grau de Satisfação e da Qualidade Percebida junto aos usuários de serviços de telecomunicações referente ao ano de 2016. No estudo relativo à TV por assinatura (Serviço de Acesso Condicionado – SeAC), embora sejam consideradas apenas as operadoras com 10 mil acessos de pessoa física ativos em cada unidade federativa, se destacam as menores operadoras.

Poder aquisitivo

De 2015 para 2016, houve um aumento na renda média familiar dos assinantes do serviço. Em média, duas pessoas contribuem para a renda do domicílio, sendo a renda média familiar de R$5.203, contra R$ 4.597 em 2015.

A diferença de poder aquisitivo é substancial entre as operadoras. A maior renda média é dos assinantes da Net, com R$ 6.651. As operadoras de DTH, e geral, têm uma base com poder aquisitivo mais baixo, sendo que os clientes da Nossa TV e da Claro são os com menor renda média mensal – R$ 2.765 e R$ 3.584, respectivamente.

Satisfação geral

No total, observa-se uma média de satisfação geral de 7,00, em uma pontuação de 0 a 10, sendo:
  •  Na 1ª posição, Nossa TV (8,70);
  • Na 2ª posição, Cabo Telecom (7,76);
  • Na 3ª posição, Claro (7,25);
  • Na 4ª posição, Sky (7,06);
  •  Empate estatístico na 5ª posição entre Vivo (6,96) e Oi (6,94);
  •  Empate estatístico na 6ª posição entre Blue (6,85), NET (6,84) e Algar (6,79).

Numa escala de 0 a 10, foram avaliados atributos que compõem os indicadores de qualidade percebida, relativos às áreas de relacionamento do usuário com a prestadora, e atribuídas as seguintes médias para cada indicador:
  • Oferta e Contratação: 7,04. Os destaques positivos e negativos, respectivamente foram a NossaTV, com 9,03, e um empate entre Oi e Net, com 6,79.
  • Funcionamento: 8,09. NossaTV novamente é o destaque positivo, com nota 8,75. O negativo ficou com a Blue, com 7,3.
  • Cobrança: 7,33. Novamente com destaque para a NossaTV, com 9,4, seguida da Cabo Telecom, com 8,5. A pior nota, 6,97, foi da Oi.
  • Canais de Atendimento: 6,94, entre os entrevistados que utilizaram determinado canal nos últimos seis meses. Destaques positivo e negativo para NossaTV e Net, com 9,11 e 6,67, respectivamente.
  • Atendimento Telefônico: 6,41. 8,84 para NossaTV e 6,07 para a Oi.
  • Capacidade de resolução: 6,33. Mais uma vez, os destaque positivo e negativo ficaram com NossaTV e Oi – 8,59 e 6,15, respectivamente.
  • Reparo e Instalação: 7,51. A NossaTV se sobressaiu com 8,75, enquanto a pontuação mais baixa foi 7,16, para as operadoras Oi e Sky.
Confira o relatório abaixo completo:
Com Informações Telaviva e Anatel.


Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Imagens de tema por Ollustrator. Tecnologia do Blogger.