Header Ads

Sky muda de ideia e começa a negociar com a Simba Content, após um período irredutível


SKY deixa ser irredutível e começa a negociar com o grupo Simba. (Imagem/Reprodução)
Nos últimos dias, a operadora segunda maior operadora de TV paga Sky começou negociar com os representantes da Simba Content que representa emissoras de TV aberta. A empresa era a única do setor que se recusava ouvir qualquer proposta para remuneração dos sinais da RecordTV, SBT e RedeTV!, como informa o site Natelinha.

A modificação da estratégia da Sky coincide com a entrada do executivo Ricardo Miranda Silva, ex-presidente da empresa via satélite, na Simba.

No mercado, o que se comenta é que a negociação com a joint-venture pode estar refletindo uma nova percepção entre as operadoras, de que o carregamento dos canais em seus line-ups precisa ser de alguma forma remunerada. Em parte, essa mudança tem relação com a pressão que as teles vêm recebendo de diversos órgãos de regulamentação de radiodifusores.

No última quinta-feira (08), a Associação Brasileira de Defesa do Consumidor, a Proteste, apoiou a denúncia realizada pelo Instituto Nacional de Defesa do Consumidor, o Inadec, que entrou com uma representação contra as operadoras de TV paga por terem cortado a exibição dos canais da Simba, sem ofertarem um desconto aos assinantes.

Ainda de acordo com site, a Proteste recebeu inúmeras reclamações de clientes que pleiteavam um desconto ou reposição com outros canais retirados. A entidade fez diversas notificações extrajudiciais às operadoras e não obteve resposta satisfatória até o momento.


Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Imagens de tema por Ollustrator. Tecnologia do Blogger.