Header Ads

Discovery Turbo estreia a quarta temporada de Carros Lendários


Novos episódios de "Carros Lendários". (Imagem/Divulgação)
Nesta terça-feira, 8 de agosto, às 22h no Discovery Turbo, Ray Evernham volta a percorrer os Estados Unidos em busca de ícones sobre rodas com a estreia da quarta temporada de CARROS LENDÁRIOS (Americarna). A série leva o telespectador de carona em uma jornada que retoma os adventos automotivos e automobilísticos, revivendo glórias do passado.

Em cada um dos sete novos episódios de uma hora, Ray garimpa um modelo que resgata a história da indústria, investigando a relação entre o automóvel e o contexto no qual ele se tornou célebre. Ao lado dele está Rick Hendrick, ex-piloto e dono de equipe na NASCAR que, além disso, é amigo e mentor de Ray.

Memórias e mecânica se alternam enquanto Ray e Rick revelam detalhes sobre carros que entraram para a história. A dupla mostra a imensa carga cultural que esses automóveis carregam sob seus capôs e como eles foram protagonistas de acontecimentos que sobrevivem na memória por gerações.

Ray trabalhou como chefe de equipe na NASCAR, foi piloto e construtor de carros. Ficou formoso por conseguir “interpretar” as necessidades das pistas e transformá-las em aprimoramentos mecânicos certeiros.

Em CARROS LENDÁRIOS, ele segue a vocação de intérprete e dá voz a veículos icônicos – se cada um dos modelos mostrados na série pudesse falar, as incríveis histórias que eles contariam são as mesmas que a série destaca por meio de entrevistas com colecionadores, estudiosos e personalidades.

No episódio que inaugura a safra inédita, CARROS LENDÁRIOS revisita um capítulo especial no passado de uma das mais famosas provas do automobilismo internacional: as 500 Milhas de Indianápolis.

Ray e Rick retornam à década de 1960 para lembrar os segredos do carro Brawner Hawk, utilizado pela equipe Dean Van Lines – construído a seis mãos, o modelo foi companheiro de pistas definitivo na carreira do piloto Mario Andretti.

O próprio Mario fala às câmeras sobre como o Brawner Hawk foi um divisor de águas nas 500 Milhas. Ray descobre uma réplica com 90% das peças originais e, na comemoração de 100 anos da prova, Mario assume o volante da máquina em uma volta que celebra dois ícones que entraram juntos para o hall da fama do automobilismo.

Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.