Header Ads

Série de fotografia dirigida por Silvio Tendler é a nova estreia do canal Curta!


Curta! estreia nova série. (Imagem/Divulgação)
As paixões que movem os cliques de fotógrafos de variadas correntes artísticas pelo mundo são investigadas na série “Caçadores da Alma”, produção dirigida pelo cineasta Silvio Tendler que estreia com exclusividade no Curta!, na Terça das Artes, 8, às 23h30. No primeiro episódio, Tendler visita um dos principais eventos de fotografia internacionais, a Paris Photo. Lá, o cineasta realizou entrevistas com artistas de diferentes gerações e tendências estéticas, mas foi interrompido pelos trágicos atentados que atingiram a capital francesa. Com a feira fechada, Silvio foi até Berlim, o que lhe proporcionou novos e inesperados encontros. “Caçadores da Alma” é uma série exclusiva do Curta!, produzida pela Caliban Produções com financiamento do Fundo Setorial do Audiovisual.

Na Quarta de Cinema, 9, às 23h30, a série exclusiva “Grandes Cenas” esmiúça a ‘cena do lençol’ no filme “A Ostra e o Vento” (1997). Na abertura do episódio inédito, Matheus Nachtergaele lê um trecho do romance homônimo de Moacir Costa Lopes, obra que inspirou o roteiro para o longa. Diretor da adaptação da história para as telonas, Walter Lima Jr. relembra o desafio técnico e poético de traduzir o enredo em filme, incluindo o vento como personagem, e conta como foi a escolha da atriz Leandra Leal para a personagem Marcela. “Eu vi muitas candidatas para esse filme. Quando eu encontrei a Leandra, no Rio de Janeiro, escondida atrás da porta, tímida, eu comecei a achar que era ela. A gente começou a conversar, e então eu percebi que ela conhecia o livro de trás para frente. Ela sabia de tudo. Eu fiquei tão emocionado que eu nem fiz teste com ela. Quando eu acabei de conversar com ela, eu não tinha a menor dúvida. Era ela”, conta o diretor. Além de Leandra Leal, “A Ostra e o Vento” também traz no elenco os atores Fernando Torres e Lima Duarte. Especificamente sobre a ‘cena do lençol’, Walter Lima Jr. detalha os desafios dos planos. Produzida pela Casa de Cinema de Porto Alegre, com direção de Ana Luiza Azevedo e Vicente Moreno, "Grandes Cenas" é produção exclusiva do Curta! financiada pelo Fundo Setorial do Audiovisual.

Também na Quarta de Cinema, mas um pouco mais cedo, às 20h, a faixa “A Vida é Curta” desta semana exibe histórias sobre as três fases de um relacionamento: o começo, o meio e o fim.  Abrindo a sequência, a estreia do curta “Uma Vida Inteira”. Com Alice Braga e Bruno Autran no elenco, a produção retrata anseios e preocupações de uma geração de jovens adultos independentes, focados em suas carreiras e carentes de afeto. Entre a primeira noite de um casal e a premonição do fim do relacionamento, pode caber uma vida inteira. Baseado na crônica "O Salto", de Antônio Prata, o curta-metragem é dirigido por Bel Ribeiro e Ricardo Santini. Na sequência, “Beijo de Sal”, de Fellipe Gamarano Barbosa. Numa ilha isolada na Costa Verde do Rio de Janeiro, o quarentão Rogério tenta trazer seu melhor amigo que acabou de ficar noivo a ter outras atitudes. Depois, “Noite de Sexta, Manhã de Sábado”, do renomado diretor de "Aquarius" e o "O Som ao Redor" Kleber Mendonça Filho, narra a dificuldade de um relacionamento entre um homem e uma mulher à distância. Encerrando a faixa, é a vez de “3 Minutos”. O curta da diretora Ana Luiza Azevedo mostra as reviravoltas que a vida pode dar em pouco tempo, apenas três minutos precisamente. Com roteiro de Jorge Furtado, o filme foi aclamado pela crítica nacional e internacional.

Ainda na Quarta de Cinema, 9, às 21h, importantes personagens que compõem o universo cinematográfico nacional entram em cena no canal. No episódio inédito da série “A Linguagem do Cinema”, o diretor Murilo Salles comenta a “dramaturgia da suspensão”, que inspirou a realização dos filmes que dirigiu, e explica como gostaria de ver implantadas formas de estímulo à produção que privilegiassem a qualidade. Idealizada e dirigida pelo cineasta baiano Geraldo Sarno, “A Linguagem do Cinema" traz, a cada episódio, o processo criativo de realizadores e técnicos do cinema brasileiro.

Na Sexta da Sociedade, 11, às 23h30, o episódio inédito da série exclusiva do Curta! “Retornados” debate como se estabeleceram os elos religiosos entre Brasil e África. Em “Mitos em Trânsito”, os diretores Maria Pereira e Simplício Neto apresentam desde as crenças que surgiram no Brasil a partir do encontro entre africanos, indígenas e europeus até a religiosidade vivida e percebida, hoje, pelos afro-brasileiros retornados. Produção da Praga Conexões e da Jurubeba com recursos do Fundo Setorial do Audiovisual, “Retornados” aborda, ao longo de oito episódios, o movimento histórico e cultural que surgiu a partir do retorno de escravos que foram libertados no Brasil do século XIX e voltaram para seus países de origem, na África.

Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Tecnologia do Blogger.