Header Ads

Eduardo Sterblitch faz sua estreia no Multishow como apresentador de "Humoristinhas"


Eduardo Sterblitch estreia seu primeiro no Multishow. (Imagem/Divulgação)
Atuação, piadas, esquetes, músicas, paródias, stand up, números de mágica, improviso, imitações, mímicas e outras performances estão entre as atividades que 24 crianças apresentam em “Humoristinhas”, primeiro show de talentos infantil do Multishow. Para colocar ordem na casa, ou não, Eduardo Sterblitch faz sua estreia no canal como o apresentador da atração. Os jurados fixos Fernanda Souza, Titi Müller e Gabriel Louchard possuem a difícil missão de eleger ao longo de 12 episódios apenas um vencedor. O projeto possui direção geral de Lilian Amarante e produção da Floresta. A estreia está marcada para o dia 25 de setembro, com exibição de segunda a sábado, às 21h45.

O show de talentos com crianças é uma nova aposta na programação do canal. Para Christian Machado, Diretor de Conteúdo, o Multishow possui em sua essência a característica de revelar talentos. “Já temos um histórico significativo em projetos com este objetivo, seja no humor ou na música, e existem muitas crianças talentosas. Elas têm o dom de fazer divertir, que é o grande propósito do canal”, conta.

Mais de 800 crianças de todo o Brasil, na faixa etária de sete a onze anos de idade, foram inscritas através do site do Multishow. Após processo seletivo, 24 foram selecionadas para participar da atração. O vencedor garante o cargo de protagonista de uma nova websérie para o YouTube do canal, o Humor Multishow (https://www.youtube.com/humormultishow), e apresenta uma edição especial de Dia das Crianças do TVZ Ao Vivo, ao lado de Eduardo Sterblitch.

Para Eduardo Sterblitch, que comanda seu primeiro programa solo, trabalhar com crianças é algo que sempre o instigou ao longo da carreira. “Eu já fiz muitas peças infantis e projetos sociais com crianças. Conviver com elas sempre dá uma renovada e eu senti que precisava me renovar artisticamente. Esse público é muito sincero e interessante. A brincadeira do programa é exatamente essa, é uma grande troca de afeto e graciosidade. Eu estava muito disponível às crianças presentes e meu papel como apresentador foi aprender, errar junto e deixar que todas fossem elas mesmas, com total liberdade de criação. Senti que virei um tio. Estou muito feliz”, acredita.

Humoristinhas é o novo programa. (Imagem/Divulgação)
A dinâmica de “Humoristinhas” acontece em três estágios. Na primeira fase, a cada episódio, dois participantes são escolhidos para seguirem na atração. Na semifinal chegam os 12 participantes que mais se destacaram e as apresentações passam a ser temáticas, até o momento da grande final. Em todas as fases está presente o Laboratório, um espaço criativo em que as crianças interagem entre si e com Eduardo Sterblitch, participam de experiências, fazem exercícios e começam a desenvolver seus números individuais, que serão apresentados no palco. A diretora geral Lilian Amarante revela o cuidado minucioso para conduzir os talentos mirins. “É muito mais difícil dirigir crianças, com certeza, pois precisamos de mais cuidado, atenção e delicadeza. As performances têm mais relação com o se divertir, ser espontâneo e brincar. E foi isso que buscamos, tanto que boa parte dos episódios não se passa no palco, mas no Laboratório, um espaço de criação e brincadeira que elas dividem com o Eduardo Sterblitch, que é um artista genial e extremamente generoso”, explica.

Titi Müller, Gabriel Louchard e Fernanda Souza são os jurados fixos do programa. (Imagem/Divulgação) 
Fernanda Souza, Titi Müller e Gabriel Louchard são os jurados fixos da atração. Ao longo dos episódios, convidados especiais também ocupam o cargo, como Larissa Manoela, Ludmilla, Leticia Lima, Simone Gutierrez, Catarina Abdalla, Tom Cavalcante, Helio de la Peña, Murilo Couto e Lucas Salles.

A atriz Fernanda Souza, que começou a carreira muito jovem, revela a surpresa com o nível de maturidade artística de cada criança ao longo das gravações: “O Multishow também teve uma ideia genial, que foi de não fazer as crianças viverem um momento de julgamento, dando um tom muito mais leve e de diversão para a competição. Há todo um cuidado na hora de fazer com que a criança entenda a mensagem que você quer passar. Elas estavam muito desenvoltas. Queria levá-las para a casa de tão fofas”, conta.

Com forte ligação para o público infantil desde o início de sua carreira como mágico, Gabriel Louchard declara que um dos pontos altos da atração é a espontaneidade dos participantes diante das câmeras: “Eu comecei a trabalhar como animador de festa infantil. Me apaixonei e aprendi desde cedo a me relacionar com esse público. No programa nós encaramos tudo como brincadeira e não como disputa, tínhamos a preocupação de lidar a cada etapa com cada criança. O Edu é muito carismático e fez um trabalho extraordinário, o programa é espontâneo e totalmente verdadeiro”.

A proximidade com os pequenos também faz parte da vida de Titi Müller, que teve a experiência de trabalhar como recreadora aos 12 anos. A apresentadora gaúcha acredita que o formato é inovador na televisão brasileira e que pode se estender para todas as faixas etárias. “As crianças já tinham um entendimento do processo e fiquei muito feliz com isso, em vê-las de forma versátil também. O nosso papel como jurado era apontar, de maneira construtiva sempre, exaltando e incentivando as partes boas. O público vai se surpreender bastante, pois é um concurso de amplos talentos infantis que ainda não foi mostrado na TV”.

Entre as performances do primeiro episódio estão um stand up comedy sobre o sonho de um dos participantes em ser um jogador de basquete, uma esquete de dança com referência a Sidney Magal, uma apresentação de piadas com fantoches de Chapeuzinho Vermelho e Lobo Mau e uma paródia sobre a paixão por comida. O apresentador Edu e os jurados Fernanda, Titi e Gabriel, recebem a participação especial do ator Lucas Salles.

Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.