Header Ads

A&E - Destaques da programação de 16 a 22 de outubro


Destaques da programação A&E. (Imagem/Divulgação)
Conheça os destaques da programação do canal A&E de 16 a 22 de outubro. Nesta semana, o canal estreia a produção nacional FDP (20) e apresenta o último episódio da temporada de 60 Dias Infiltrados na Prisão: Atlanta. No período, estão de volta os inéditos de Polícia 24H, e o canal exibe ainda episódios inéditos de Vidas Interrompidas, Nascidos na Prisão e NCIS: New Orleans, além do longa Machete.

ESTREIA - 16/10, segunda-feira, 21h35

Episódios inéditos de Polícia 24H retornam ao A&E nesta segunda

As câmeras serão testemunhas do trabalho que os profissionais da Segurança Pública realizam dia após dia em pleno exercício de suas funções. Sem maquiagem, atores ou roteiros, a série Polícia 24H traz casos em que os protagonistas são a comunidade e a polícia. Eles fazem parte de um espetáculo no qual, apesar de o objetivo ser o bem-estar geral da população, as histórias nem sempre têm um final “feliz”.

No episódio desta segunda, uma moto com dois indivíduos foi abordada, o condutor era menor de idade e o maior estava com habilitação vencida, ambos tinham passagem pela polícia, um por tráfico e outro por roubo. A ocorrência foi de um menor que roubou o celular de uma garota. Todos foram para delegacia e lá descobriram que o parceiro do menor, que também estava no caso, foi pego por outra equipe do GTOP. Um motociclista é abordado em atitude suspeita e, ao fazer a averiguação, descobriu-se que o indivíduo está em regime semiaberto e que a moto tinha queixa de roubo e estava com a cor adulterada.

17/10, terça-feira, 20h

Ex-showgirl de Las Vegas é condenada pelo assassinato de seu marido, em Vidas Interrompidas

Segundo dados do FBI, aproximadamente 17 mil pessoas são assassinadas nos EUA anualmente, sendo que 7% destes crimes são cometidos por mulheres. Vidas Interrompidas (Snapped), do A&E, analisa casos de mulheres que empunharam uma arma como uma saída “fácil” para seus problemas, pelos mais diferentes motivos, como ciúmes, ganância de abocanhar um bom seguro de vida ou pelo  cansaço de anos de violência doméstica. Cada episódio da série narra a vida dessas mulheres e  mostra que mesmo aquela que nunca seria apontada como suspeita do menor delito pode, sim, ser capaz de matar.

No episódio inédito Marjorie Orbin, a polícia desvenda o mistério envolvendo uma ex-showgirl de Las Vegas, um corpo desmembrado e um homem desaparecido. Após um julgamento que durou oito meses, Marjorie foi condenada pelo brutal assassinato de seu marido, Jay Orbin.

17/10, terça-feira, 23h15

Maranda se cansa de seu trabalho como babá e abandona a penitenciária, no episódio inédito de Nascidos na Prisão

Em formato de documentário, a série Nascidos na Prisão (Babies Behind Bars) (imagem), exclusiva do A&E, apresenta as histórias de cinco presidiárias que participam de um programa controverso, na penitenciária de Indiana (EUA), que permite que algumas detentas criem seus bebês dentro da prisão. As presas, no entanto, devem se adaptar às regras para manter seus filhos por perto, ou correm o risco de perder essa ‘regalia’.

Segundo estatísticas, cerca de dez mil bebês nascem atrás das grades, anualmente, nos Estados Unidos. Na maioria dos casos,  são separados de suas mães imediatamente após o parto. No entanto, em alguns estados, programas inovadores permitem que as mulheres fiquem com suas crianças. A Penitenciária Feminina de Indiana mantém um desses programas, intitulado Wee Ones.

Ao longo dos episódios de Nascidos na Prisão, a produção acompanha as histórias de cinco presidiárias, cada uma em um estágio diferente do programa de dezoito meses de duração. Algumas estão prestes a dar à luz ou estão na metade do programa, e outras se aproximam do final. Todas estão lutando para se adequar às regras, visando uma vida melhor para elas e seus bebês. A série também acompanha as babás que cuidam dos  bebês das presidiárias  e os profissionais a quem é confiado o futuro dessas mulheres.

Em Temos uma emergência, o pior pesadelo de Jeanie se torna realidade quando seu pequeno filho Nollan deixa de respirar. Enquanto isso, Maranda se cansa de seu trabalho como babá e abandona a unidade. E Taylor consegue ver seus filhos gêmeos prematuros pela primeira vez desde o parto.

FINAL DE TEMPORADA - 18/10, quarta-feira, 23h

Último episódio de 60 Dias Infiltrados na Prisão: Atlanta mostra como estão os participantes após o programa

A série 60 Dias Infiltrados na Prisão (60 Days In)  mostra  a rotina de falsos detentos na penitenciária de Fulton County, uma das mais perigosas dos Estados Unidos, em Atlanta. A casa de detenção lida com problemas crescentes de drogas, gangues poderosas e constantes ameaças de violência.

Nesta edição, nove infiltrados, inocentes e voluntários, participaram desse experimento do A&E para conhecer de perto o sistema de justiça criminal, mesmo que isso acarrete enfrentar os perigos do mundo  carcerário. Os participantes foram treinados por agentes penitenciários para aprenderem a se defender e, principalmente, não chamarem a atenção. Para cada um foi criada uma história de vida falsa usada como disfarce. Grande parte de sua segurança dependia de suas habilidades em manter o disfarce e em não se contradizer.

A penitenciária de Fulton County, chefiada pelo Coronel Mark C. Adger, está contaminada por gangues rivais, drogas e corrupção. Depois de saber do grande sucesso dos experimentos anteriores em Clark County, Indiana, o Coronel Adger decidiu utilizar o mesmo modelo para chegar à raiz desses problemas.

Os participantes de 60 Dias Infiltrados na Prisão: Atlanta incluem um professor de educação especial que trabalha com jovens em situação de risco; um homem que acredita que o sistema prejudica os afro-americanos e quer ajudar a combater a discriminação; um ex-oficial de carceragem que queria ver como é quando os papeis se invertem; uma mulher que conheceu seu marido quando ele estava na cadeia e esperava entender o comportamento institucionalizado; e um oficial da Marinha que pretende trabalhar na polícia, entre outros.

No último episódio da temporada, Especial: onde estão agora?, depois de terminado o programa na prisão, o que aconteceu com a vida dos participantes? Como a experiência os afetou, quais os traumas e lembranças que ficaram, e como está sua nova vida agora?

ESTREIA - 20/10, sexta-feira, 21h35

Nova série nacional FDP acompanha a história do juiz de futebol Juarez, dentro e fora de campo

A série nacional FDP, apresentada pelo A&E, acompanha a história do juiz de futebol Juarez Gomes da Silva, que é convocado para a Taça Libertadores da América e sonha apitar a final da Copa do Mundo. No entanto, sua vida pessoal é cheia de derrotas. Uma delas é seu casamento com Manuela, mãe de seu filho Vini, desfeito por causa de uma traição.

A vida de Juarez não é fácil, tanto dentro como fora dos gramados, mas ele não deixa a bola cair e enfrenta tudo com humor. É considerado um árbitro correto e tecnicamente bom, apesar dos altos e baixos nas situações e emoções. Em 13 episódios, FDP conta com a participação especial de jogadores e especialistas em futebol.

O elenco de FDP é composto por Eucir de Souza (Juarez), Cynthia Falabella (Manuela), Victor Moretti (Vini), Maria Cecília Audi (Rosali), Paulo Tiefenthaler (Carvalhosa, o bandeirinha), Gustavo Machado (Rui), Fernanda Franceschetto (Vitória) e Saulo Vasconcelos (Serjão), entre outros. A série é uma produção da Pródigo Filmes para a HBO; tem roteiro de José Roberto Torero e Marcus Pimenta, e direção geral de Adriano Civita.

O A&E exibirá dois episódios por semana, às sextas-feiras.

No episódio de estreia, Juiz x juiz, depois de ter sido chutado para fora de casa por causa de uma traição, Juarez Gomes da Silva, juiz de futebol, disputa judicialmente com sua ex-esposa Manuela a guarda de seu filho Vini. Para complicar a situação, o juiz de Direito, encarregado do julgamento e torcedor fanático de um dos times da partida que Juarez vai apitar, dá a entender que o resultado do jogo vai influenciar sua decisão no tribunal.

Em seguida, em A mãe, sem dinheiro para continuar no flat, Juarez volta a morar com a mãe e passa a conviver com o namorado dela, o argentino Guzmán, torcedor de um dos times da partida que ele vai apitar. Como resultado de sua boa fase, Juarez é convidado pelo cartola Caponero para apitar a Taça Libertadores da América, sua maior conquista profissional.

21/10, sábado, 21h35

Equipe investiga soldado da Marinha que atacou seis pessoas durante uma briga, no inédito de NCIS: New Orleans

NCIS: New Orleans acompanha a rotina de agentes especiais do departamento do Serviço de Investigações Criminais e Navais enquanto desvendam crimes relacionados  a militares, em uma das cidades mais festivas dos Estados Unidos. A diversidade cultural de New Orleans é um dos diferenciais da produção, também repleta de ação.

Quem lidera os investigadores é o agente especial Dwayne Pride (Scott Bakula, de Behind the Candelabra e Looking), um nativo  determinado a fazer o que é correto. Seus parceiros são os agentes especiais Christopher Lasalle (Lucas Black), que brinca o tempo todo, mas também trabalha pesado, e Meredith ‘Merry’ Brody (Zoe McLellan), uma interrogadora carismática e durona, que veio do departamento de Great Lakers em busca de um recomeço. Dando suporte a eles, está a médica legista Dr. Loretta Wade (CCH Pounder), tão excêntrica quanto esperta. A colorida e turística cidade de New Orleans é um imã para pessoas que estão em busca de diversão e, quando os excessos são seguidos de problemas, o time de Pride entra em ação.

No episódio deste sábado, Ágil, silencioso e letal, durante uma briga em um bar, seis homens são atacados por um soldado da Marinha. Agora, a equipe de NCIS deve tomar as medidas necessárias para encontrar e interrogá-lo.

22/10, domingo, 18h30

A&E Movies exibe o filme Machete, que reúne ação, traição e vingança em sua trama

No domingo, a faixa A&E Movies apresenta o filme Machete, com direção de Robert Rodriguez e estrelado por Robert DeNiro, Jessica Alba, Don Johnson e Steven Seagal. Rodriguez se tornou cult com filmes como El Mariach, A Balada do Pistoleiro, Um Drink no Inferno, Era Uma Vez no México e Sin City, entre outros, e ficou conhecido por alcançar sucesso com produções de baixo orçamento. Em Machete, ele divide a direção com Ethan Maniquis.

Machete (Danny Trejo) é contratado para assassinar o senador John McLaughin (Robert DeNiro), que planeja expulsar os imigrantes ilegais do México. Mas na hora de atirar, ele percebe que o alvo é ele e que tudo foi uma emboscada, na realidade uma conspiração contra o povo mexicano. Após sobreviver às balas do atirador, ele busca vingança com a ajuda hesitante do irmão (Cheech Marin), que é padre.

Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.