Home Top Ad

Canal Brasil - Filmes em destaque na programação de 29 de outubro a 04 de novembro

Share:

Imagem/Divulgação Canal Brasil
Conheça os filmes em destaque na programação do Canal Brasil de 29 de outubro a 04 de novembro.

From Tokyo To New York (2018) (87’)
Horário: SEGUNDA, DIA 29, ÀS 22H
INÉDITO E EXCLUSIVO
Direção: Charles Gavin
Classificação: Livre

Sinopse: O compositor brasileiro Marcos Valle e a cantora americana Stacey Kent iniciaram uma parceria de grande sucesso depois de verem suas trajetórias se cruzarem no aniversário de 80 anos do Cristo Redentor em 2011. O encontro gerou uma química instantânea entre os artistas, e, para comemorar cinco décadas de carreira, o multi-instrumentista, produtor, cantor e autor carioca, um dos nomes fundamentais da segunda geração da bossa nova, convidou a intérprete para um disco de duetos. A turnê de divulgação do álbum rodou diversos países – o Canal Brasil exibiu, na Faixa Musical, a apresentação realizada no Birdland Jazz Club, em Nova Iorque – e chegou ao Japão em abril de 2014. O músico, pesquisador e apresentador do programa O Som do Vinil, Charles Gavin, assina a direção, produção e roteiro de um documentário com ares de making of da turnê internacional do duo.

O filme apresenta a recepção dos artistas na capital japonesa para shows no Tokyo Blue Note, casa de espetáculos de jazz reconhecida pela excelência no gênero. Entre imagens das apresentações realizadas no local e passeios pelas ruas da cidade, os músicos comentam detalhes de suas trajetórias e como seus caminhos se encontraram depois de tantos anos de carreira. Ao lado do marido e saxofonista Jim Tomlinson – que também participou do disco –, Stacey se derrete em elogios à bossa nova e reverencia a obra de Marcos Valle e de outros instrumentistas brasileiros, enquanto produtores e jornalistas nipônicos reafirmam a relevância do seu trabalho.

Tungstênio (2018) (80’)
Horário: TERÇA, DIA 30, ÀS 22H
INÉDITO E EXCLUSIVO
Direção: Heitor Dhalia
Classificação: 16 anos

Sinopse: O tungstênio é o mais pesado elemento químico da tabela periódica passível de utilização por seres humanos, sendo amplamente utilizado para fazer bombas. As duas características do metal inspiram título e roteiro da internacionalmente premiada e traduzida história em quadrinhos de Marcello Quintanilha, recheada de personagens explosivos de personalidades destrutivas, carregadores de fardos complexos e dilemas densos. O diretor Heitor Dhalia – especialista em trazer para o cinema publicações do gênero, como Nina (2004) e O Cheiro do Ralo (2006), ambas de Lourenço Mutarelli – dirige a adaptação do texto nesta coprodução entre o Canal Brasil e a Paranoid Filmes estrelada por Fabrício Boliveira, Samira Carvalho, José Dumont e Wesley Guimarães.

O filme traz quatro personagens em momentos de crise cujas trajetórias se cruzam em Salvador, explicitando os demônios da terra de todos os santos. Richard (Fabrício Boliveira) é um policial violento e de métodos pouco ortodoxos para realizar seu trabalho. Casado com Keila (Samira Carvalho), o oficial coloca o relacionamento em risco diversas vezes por manter uma rede de amantes sem saber da intenção da esposa em pedir o divórcio. Ney (José Dumont) é um sargento reformado do exército revoltado com a falta de ordem na capital baiana e saudoso do tempo quando era considerado uma autoridade. Sem saber dos trabalhos escusos de Caju (Wesley Guimarães), o militar aposentado causa um rebuliço na praia ao perceber dois homens pescando com bombas e conecta a história dos envolvidos na trama.

Cinemão: Que horas ela volta? (2015) (113’)
Horário: QUARTA, DIA 31, ÀS 22H
Direção: Anna Muylaert
Classificação: 12 anos

Sinopse: Val (Regina Casé) é a empregada doméstica de uma mansão no nobre bairro do Morumbi, zona oeste da capital paulista. Nordestina emigrada para a maior cidade do país em busca de uma melhor condição de vida, encontrou trabalho cuidando dos afazeres da casa de Carlos (Lourenço Mutarelli) e Bárbara (Karine Teles). Ele é herdeiro da fortuna do pai e um artista plástico frustrado, cuja carreira foi interrompida precocemente. Ela é uma estilista famosa, sempre vestida com roupas da moda e anfitriã de festas luxuosas para a alta sociedade. Val é tratada com carinho por ter cuidado do jovem Fabinho (Michel Joelsas), filho dos donos do casarão, como se fosse seu.

A vida da doméstica muda radicalmente com a chegada de sua filha Jéssica (Camila Márdila), de mudança para São Paulo em busca de uma vaga na concorrida Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (FAU-USP). Estudante de uma escola pública de quase nenhuma infraestrutura em Pernambuco e supostamente com poucas chances de frequentar uma instituição de prestígio reservada à elite, a menina encontra abrigo na casa em que a mãe mora e trabalha. Sua presença é o início de uma guerra entre classes no lugar.

Futebol de Várzea (2011) (82’)
Horário: QUINTA, DIA 01, ÀS 20H
Direção: Marc Dourdin
Classificação: 12 anos

Sinopse: Esqueçam os estádios recém-reformados, campos verdes e bem delimitados. Aqui, os jogadores não possuem salários milionários e as partidas não são televisionadas. Na chamada “várzea” – a outra face do esporte mais popular do mundo –, não há espaço para dinheiro ou fama.

Contemplado com o prêmio de finalização do Programa de Fomento ao Cinema Paulista em 2010 e exibido no Festival É Tudo Verdade no ano seguinte, o documentário retrata o universo fascinante do futebol amador em São Paulo. Por meio de depoimentos, histórias, imagens de arquivo, gols, dribles, comemorações e derrotas, o filme de Marc Dourdin apresenta o cotidiano, dentro e fora das quatro linhas, daqueles que fazem dessa prática a grande paixão de suas vidas.

Califórnia (2015) (90’)
Horário: SEXTA, DIA 02, ÀS 19H55
Direção: Marina Person
Classificação: 14 anos

Sinopse: Início dos anos 1980. Estela (Clara Gallo) é uma adolescente que vive os conflitos típicos da idade, de identidade, amizade e amor. Ela tem um ídolo, o tio Carlos (Caio Blat), jornalista musical que vive nos Estados Unidos. E o maior sonho da menina é visitá-lo na Califórnia, durante as férias. Os planos dela vão por água abaixo, no entanto, quando ela descobre que é ele quem está voltando para o Brasil, magro, debilitado por consequência de uma doença sobre a qual a medicina apenas começava a se debruçar.

A Luta do Século (2018) (78’)
Horário: SÁBADO, DIA 03, ÀS 22H
Direção: Sérgio Machado
Classificação: 12 anos

Sinopse: Vencedor do prêmio de Melhor Documentário do Festival do Rio de 2016, o filme de Sérgio Machado conta a história de ascensão e queda de dois boxeadores que foram ídolos do esporte na década de 1990: o pernambucano Luciano “Todo Duro” e o baiano Reginaldo “Holyfield”. Com uma lendária rivalidade, os lutadores colocaram seus estados em pé de guerra durante o período em que disputaram seis lutas e obtiveram três vitórias cada um. O longa mostra a última luta entre os dois inimigos que resolveram, durante as filmagens e já com mais de 50 anos de idade, se enfrentar novamente.

Tamara (2016) (115’)
Horário: DOMINGO, DIA 04, ÀS 22H
INÉDITO E EXCLUSIVO
Classificação: 16 anos

Sinopse: Teo (Luis Fernandez) é um advogado bem-sucedido, com uma carreira promissora nos escritórios de Caracas, capital venezuelana, e respeitado na academia com um dos principais professores universitários da cidade. Casado com Elena (Mimi Lazo), o catedrático vive uma rotina de suposta felicidade para muitos, com um relacionamento estável, filhos felizes e um emprego capaz de lhe dar um cotidiano confortável. Nada disso, no entanto, conforta o jurista. Em um eterno descompasso entre sua figura e sua identidade, o homem decide procurar apoio médico para fazer uma operação de troca de sexo e assumir uma figura feminina perante a sociedade. A cirurgia, complicada por natureza, traz uma série de adversidades; ele sofre as dores da intervenção, questões hormonais e ainda precisa lidar com o alto nível de preconceito da população.




Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.