Home Top Ad

Canal Prime Box Brasil estreia seriado sobre bastidores da produção de filmes no Brasil e as expectativas de seus realizadores

Share:


O canal de TV por assinatura Prime Box Brazil estreia no dia 3 de dezembro, às 20h30, o seriado ‘Cinema em Transe’. Assista ao trailer. Dirigido pelo cineasta Hermes Leal, a produção acompanha a jornada dos realizadores do cinema brasileiro para criar, gravar e exibir filmes, bem como o trabalho de atores e fotógrafos nos sets de filmagens, além de mostrar os desafios de cineastas na produção de seus trabalhos de estreia.

Em cada episódio, um set de filmagem. Um filme acontecendo, um aspecto da produção a ser explorado. A atração conta com série de depoimentos de personagens da indústria cinematográfica brasileira, entre eles os atores Marina Ruy Barbosa, Lázaro Ramos, Leona Cavalli e Matheus Nachtergaele, bem como dos cineastas João Moreira Salles, Cláudio Assis, Tata Amaral e Walter Carvalho. São 10 episódios que abordarão o cinema independente, animação, documentário e suas nuances, o cinema pernambucano, os atores de cinema e também como são feitas as comédias, gênero cinematográfico mais popular do Brasil.

“O objetivo é contribuir com a cultura brasileira através da difusão do cinema nacional, por meio de seus personagens e dos mecanismos de criação de uma obra de arte e seus efeitos”, define o diretor Hermes Leal. Ao longo de sua carreira, ele trabalhou em grandes canais de TV abertos e recentemente produziu documentários e seriados como “Pensamento Contemporâneo” (CineBrasilTV e Curta!/2018), baseado nos temas do programa Café Filosófico da TV Cultura; “Cineastas” (Prime Box Brazil/2017) e “Guerra do Araguaia” (CineBrasilTV/2017).

Mestre em cinema (ECA/USP) e doutor em linguística e semiótica pela FFLCH/USP (Universidade de São Paulo), Hermes Leal é escritor com seis livros publicados, especialista em roteiro e dramaturgia, e produtor dos filmes ‘Idade da Água, de Orlando Senna, e “Salve a Diversidade!”, com Gilberto Gil. 

SINOPSES DOS EPISÓDIOS

Episódio 1 – As nuances do cinema documental

Este episódio mostra como o cinema documental tem uma imensa variedade de gêneros e formatos, através de seus realizadores e seus novos filmes, como João Moreira Salles, com seu último filme “No Intenso Agora”; Eryk Rocha, e seu filme “Cinema Novo”; e Joel Pizzini, com sua mais recente obra, “Rio da Dúvida”.

Episódio 2 – As possibilidades do cinema independente

Mostra o que é o cinema brasileiro independente, no set de filmagem de “Sequestro Relâmpago”, novo filme de Tata Amaral, e nos trabalhos de Marco Dutra e Cavi Borges. E como equilibrar a liberdade de ideias e poucos recursos para fazer um filme, além do desafio de fazer ele chegar ao mercado.

Episódio 3 – Território da animação

O trabalho criativo do diretor de animação e o processo específico da realização de um filme; as diferentes técnicas, as curiosidades e desafios que este tipo de cinema requer, com depoimentos de Alê Abreu, que conta como foi o processo criativo e de realização de “O Menino e o Mundo”, Rafael Ribas e seu filme “Lino – Uma Aventura de Sete Vidas”, além da dupla Kiko Mistrorigo e Célia Catunda, criadores de “Peixonauta”.

Episódio 4 – Atores no cinema

Este episódio objetiva mostrar, nos sets de filmagem, a contribuição dos atores para o resultado de um bom filme, suas técnicas e como se transformam em personagens. Quem nos conta isso são os atores Lázaro Ramos, Matheus Nastchergaele, Leona Cavalli, Marina Ruy Barbosa e Daniel Rocha.

Episódio 5 – A linguagem da fotografia

Episódio que aborda a produção do filme brasileiro através de sua imagem e do trabalho do profissional de fotografia, destacando a sua importância no resultado de um filme, com a análise dos fotógrafos Walter Carvalho, Marcelo Durst e Carlos Zalasik.

Episódio 6 – O premiado cinema pernambucano

O episódio documenta o vigor criativo dos cineastas pernambucanos, que têm cada vez mais chamado a atenção no cenário cinematográfico brasileiro, reconhecidos internacionalmente com uma produção constante e inovadora. Participam deste episódio Cláudio Assis, Lírio Ferreira, Kleber Mendonça Filho, Paulo Caldas e Cecília Araújo.

Episódio 7 – Exibição: Os filmes na tela

Este episódio mostra as expectativas finais da trajetória de um filme, quando precisa chegar às salas, e as estratégias de marketing para se conseguir um bom público, acompanhando os lançamentos dos filmes “Amor.com”, de Anita Barbosa, “Meus 15 Anos”, de Caroline Fioratti, e “Mulher do Pai”, de Cristiane Oliveira.

Episódio 8 – Festival de Cinema: onde os filmes aparecem

Os bastidores e as expectativas dos diretores, elenco e profissionais na competição de festivais de cinema. O episódio acompanha os bastidores do Festival de Cinema de Brasília, onde é grande a expectativa de bons personagens com a premiação própria e para seus filmes, e do Cine PE – Festival do Audiovisual, tradicional evento de Recife.

Episódio 9 – Comédia à Brasileira

Este episódio documenta o processo de criação de um filme de comédia, acompanhando os sets de filmagem de “Mulheres Alteradas”, de Luis Pinheiro, “Amor sem Fronteiras”, de Marcelo Santiago, e “Amor Dá Trabalho”, de Ale McHaddo, com depoimento ainda do diretor de “Minha Mãe É uma Peça 2”, César Rodrigues.

Episódio 10 – O desafio do primeiro longa-metragem

As expectativas dos diretores iniciantes que, pela primeira vez, realizam um longa-metragem de ficção, acompanhando o processo de criação do filme, do roteiro às filmagens, com as experiências dos estreantes Fabio Meira, diretor de “As Duas Irenes”, Cristiane Oliveira, diretora de “Mulher do Pai”, e Eduardo Albergaria, que estreou na direção com “Happy Hour”.




Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.