Home Top Ad

Edição temática do Sem Censura celebra o Dia das Mães nesta sexta na TV Brasil

Share:

Divulgação TV Brasil
Para reverenciar o Dia das Mães, comemorado neste domingo (12), o programa Sem Censura desta sexta (10), ao vivo, às 17h, na TV Brasil apresenta uma edição especial que recebe quatro mães.

Vera Barroso bate um papo sobre amamentação com a jornalista Joana Dale enquanto a estilista Alessa Migani explica como é a maternidade após os 40 anos. A médica Sílvia Veiga destaca o trabalho do hospital Carmela Dutra. A sambista Mariene de Castro conta como concilia carreira e maternidade e festeja 20 anos do disco "Santo de Casa" com show no Rio de Janeiro.

Os desafios e os preconceitos que precisam ser vencidos pelas mães que insistem em estender ao máximo a amamentação é tema da conversa com a jornalista Joana Dale que também é mãe. Ela traça um panorama sobre a situação das mulheres que buscam oferecer aos filhos leite materno por mais tempo.

Mãe de gêmeos aos 46 anos, a estilista Alessa Migani vem ao Sem Censura falar sobre a maternidade após os 40 anos. Ela relata o que mudou na rotina de trabalho, enumera os desafios enfrentados na vida profissional e revela que inclusive fez uma coleção especial para bebês.

Diretora da Maternidade Carmela Dutra, a médica Sílvia Eurides Soares Veiga é mãe de dois filhos que têm 7 e 16 anos. A trajetória na medicina com os cuidados com a mulher remete à residência no próprio hospital.

A obstetra e ginecologista conta que a entidade é uma das maiores e mais importantes maternidades da rede municipal e também uma das pioneiras na política de humanização do parto. Segundo Sílvia, há 20 anos profissionais do hospital trazem crianças ao mundo.

Apesar de no momento estar na direção da Maternidade Carmela Dutra, a médica continua a fazer atendimento e realizar partos. Também atua na formação de novas obstetras já que o hospital tem uma das residências em obstetrícia mais antigas da cidade.

Mariene de Castro comemora os 20 anos de "Santo de Casa"

Cantora e mãe, a sambista Mariene de Castro desembarca no Circo Voador para recordar as duas décadas de estrada com o show especial de um discos mais emblemáticos da sua carreira. Ela apresenta uma turnê com o espetáculo do álbum "Santo de Casa".

Durante essa edição do programa Sem Censura, a artista também explica para as demais convidadas no papo com Vera Barroso como tenta conciliar as atividades de sua agenda profissional como artista com a maternidade.

Considerada uma das mais importantes vozes da nova geração do samba, Mariene é natural de Salvador, mas escolheu o Rio de Janeiro como segunda casa. Com um repertório que intercala sambas de roda poucos conhecidos e clássicos repaginados, os shows da baiana lavam a alma do público com vibração e intensidade.

Para essa celebração, a cantora escolheu resgatar o elogiado projeto "Santo de Casa". Gravado na sua terra natal, o trabalho escancara as raízes da artista ao percorrer o folclore baiano e combinar sambas de roda, de raiz, marujada e ciranda.

Sob o comando de Vera Barroso com Bruno Barros e Carol Rocha, o Sem Censura está há 34 anos no ar, desde 1985. O programa tem uma hora de duração na telinha e extensão de quinze minutos no Facebook.

O tradicional bate-papo apresenta número de convidados variado de acordo com as pautas do dia. Os assuntos em discussão trazem uma perspectiva mais jornalística com temas atuais. A produção ainda tem a participação de colunistas que abordam temas específicos.

A interação com o público é garantida através da hashtag #semcensura no Twitter, Instagram e Facebook. O programa foi um dos primeiros da televisão brasileira a abrir espaço para a participação dos telespectadores ainda nos anos 1980. A atração também é transmitida por streaming pelo Facebook.