Home Top Ad

Escritor Miguel del Castillo conversa sobre romances de formação no Trilha de Letras da terça na TV Brasil

Share:

Divulgação TV Brasil
No Trilha de Letras inédito que a TV Brasil exibe às 23h30 de terça, dia 3, a apresentadora Katy Navarro bate um papo com o escritor carioca Miguel del Castillo sobre os chamados “romances de formação”, vertente de romance em que o leitor acompanha diferentes momentos na vida de um protagonista e seu amadurecimento ao longo da obra.

Castillo ainda conta como concebeu seu primeiro romance, "Cancún" (2019, Companhia das Letras), que narra a pré-adolescência e vida adulta de um jovem no Rio de Janeiro. O escritor optou pelo uso de duas vozes narrativas – primeira e terceira pessoas – para trabalhar os distintos momentos da história do personagem. De acordo com o autor, o uso da primeira pessoa foi um modo de “fazer o personagem olhar para a própria história. Isso evidencia uma certa construção psicológica. E quando se torna terceira pessoa, você consegue narrar um pouco de fora o que está acontecendo. A escrita do presente, em primeira pessoa, também é uma maneira quase diarística de você escrever pensamentos ou emoções”, observa.

O programa conta ainda com depoimento da escritora Carola Saavedra, para quem “o romance de formação passa por um ideal, por uma ideia que essa cultura tem do que é tornar-se adulto. Por definição, começa contando a história de uma criança ou de um adolescente e vai acompanhando esse personagem no decorrer dos anos. Então, é sempre um romance sobre como você se torna adulto. E, é claro, vai depender de o que é tornar-se adulto e para qual cultura”, ressalta

Quando perguntado a respeito de suas influências literárias, Castillo diz ter tido leituras importantes em sua formação. “Tive ótimos professores de literatura, que traziam os clássicos, mas também coisas diferentes. Na faculdade, li muito Clarice Lispector e Jorge Luis Borges, são dois autores que talvez tenham me acordado para a possibilidade de escrever ficção.”

O quadro Leituras traz um trecho de “Ponciá Vicêncio”, da escritora Conceição Evaristo (editora Pallas, 1999).

Em sua terceira temporada, o programa Trilha de Letras está no ar às terças, às 23h30. Com o slogan "Trilha, o caminho da literatura passa aqui", a atração tem horário alternativo na madrugada de domingo para segunda-feira, à 1h.