Home Top Ad

Economia criativa: Amazônia Legal investiga manejo do capim dourado no Tocantins

Share:

Divulgação TV Brasil
O sexto episódio inédito da série Amazônia Legal acompanha a coleta de uma matéria-prima peculiar, o capim dourado, na edição desta quinta (12) para sexta (13), à meia-noite, na TV Brasil.

O apresentador Ramom Morato vai até a comunidade quilombola do Mumbuca, no limite da Amazônia Legal, no Tocantins, para investigar o manejo dessa planta da família das sempre-vivas.

A espécie tem um grande valor ambiental, social e cultural para o Tocantins já que é um recurso que nas veredas do Jalapão se transforma nas mãos dos artesãos quilombolas da região.

Essa população faz artesanato a partir do capim dourado e da seda do buriti. Esses produtos manufaturados pela comunidade encantam os turistas brasileiros e estrangeiros.

A série mostras que no Jalapão, a economia criativa é fomentada pelo turismo. A partir dessa demanda, também vieram as associações de lojistas que garantem a compra de boa parte do artesanato produzido.

Esse recurso finito está cada vez mais escasso. Com o apoio de pesquisadores e organizações não governamentais, os moradores apostam no manejo e no uso racional da matéria-prima.

A dúvida é: Estas comunidades tradicionais podem contribuir para a conservação dos recursos naturais na medida em que se utilizam deles para melhorar as suas condições de vida?