Home Top Ad

Documentário "Gilda Brasileiro – Contra o Esquecimento" estreia no Canal Brasil no Dia da Consciência Negra

Share:

Divulgação Canal Brasil
Na quarta-feira, dia 20/11, estreia no Canal Brasil, às 18h, o documentário “Gilda Brasileiro – Contra o Esquecimento”, de Roberto Manhães Reis e Viola Scheuerer, que narra a trajetória da personagem título, uma professora de química carioca que pesquisa a história de uma estrada clandestina, usada por traficantes de escravos no século XIX. Coprodução entre Brasil, Suíça e Alemanha o filme foi selecionado para a Mostra Internacional de São Paulo e para o Festival do Rio, em 2018.

Filha de pai afrodescendente e mãe judia-alemã, Gilda Brasileiro vivia de forma confortável na Zona Sul do Rio de Janeiro, mas largou a rotina de professora de química e migrou para a pequena cidade de Salesópolis (SP) com um objetivo na bagagem: provar a utilização da Rota Dória, estrada escondida no Vale do Paraíba (SP), no contrabando clandestino de escravos no final da década de 1830. O longa-metragem caminha pelo esforço de Gilda em conseguir informações com pessoas de sua cidade sobre a origem da estrada. Sob a posse de documentos antigos cujo teor comprovam a sua tese, a mulher se vê desamparada pelos moradores, mais preocupados em não vasculhar esse capítulo obscuro da localidade. Aliado a essa procura, Roberto Manhães Reis expõe os próprios anseios em descobrir suas origens – o cineasta é afrodescendente -. Com esse objetivo em vista, a montagem se utiliza de registros feitos na região pelo fotógrafo Marc Ferrez explorando o cotidiano dos africanos escravizados nas lavouras de café. A partir dessas buscas que se complementam, o documentário faz um trabalho de resistência contra o esquecimento da história.