Home Top Ad

Canal Brasil - Filmes em destaque na programação 24 a 30 de agosto

Share:

Divulgação Canal Brasil
Conheça os filmes em destaques da programação do Canal Brasil de 24 a 30 de agosto.

SEGUNDA-FEIRA, 24 DE AGOSTO

Uma Noite Não É Nada (2019) (90’)
Horário: Segunda, 24/08, às 21h
Classificação: 18 anos
Direção: Alain Fresnot

Sinopse: São Paulo, meados da década de 80. Agostinho, um decadente professor de física de um supletivo noturno, acaba se apaixonando por uma de suas alunas, Márcia, uma mulher bem mais jovem que ele, emocionalmente perturbada e soropositiva. Eles começam um relacionamento e logo a coisa se torna séria, fazendo com que Agostinho comece a arriscar seu casamento com Januária.

TERÇA-FEIRA, 25 DE AGOSTO

Bia 2.0 (2018) (90’)
ESTREIA 
Horário: Terça, 25/08, às 18h
Classificação: 12 anos
Direção: Cristiano Calegari e Lucas Zampieri

Sinopse: Bia (Maju Souza) está se aproximando dos 20 anos, como sugere o título do filme, e enfrenta uma crise amorosa; ela recentemente se deparou com a infidelidade do namorado. A vida não lhe traz muitas emoções e ela começa a ajudar a mãe a gerenciar uma pequena floricultura. Com a ajuda de alguns amigos, sua rotina começa a mudar e ela finalmente toma a coragem de participar de uma trupe de palhaços que se dedica a levar alegria para as ruas. Com a mudança no rumo do seu a dia a dia surge também um novo amor; ela se apaixona por Dan (Ghilherme Lobo), que interpreta um palhaço mudo. O que parece ser uma retomada, no entanto, se torna um dilema quando ela precisa optar entre investir no seu amor ou seguir para a Europa e estudar canto.

QUARTA-FEIRA, 26 DE AGOSTO

A Turma do Pererê.doc (2018) (77’) 
INÉDITO e EXCLUSIVO 
[É Tudo Verdade] 
Horário: Quarta, dia 26/08, às 20h
Classificação: 10 anos
Direção: Ricardo Favilla

Sinopse: “A Turma do Pererê”, primeira revista em quadrinhos brasileira, é o tema do documentário dirigido por Ricardo Favilla. O longa-metragem resgata a história da publicação criada por Ziraldo em 1959 e pioneira no gênero no país, protagonizada por uma lenda típica do nosso folclore, o Saci, e sua importância para a cultura nacional por abordar temas como inclusão social, ecologia e seu posicionamento com relação aos acontecimentos políticos da época. Referência para diversos autores do gênero que a sucederam e para ícones do estilo editorial como Maurício de Souza e Laerte Coutinho, a revista antecipou traços da pop art com suas cores vibrantes e trouxe tonalidades verdes e amarelas para um mercado cujas únicas referências eram gibis de heróis norte-americanos.

QUINTA-FEIRA, 27 DE AGOSTO

Legalidade (2019) (121’)
Horário: Quinta, 27/08, às 20h15
Classificação: 14 anos
Direção: Zeca Brito

Sinopse: Em 1961, o presidente Jânio Quadros renuncia ao posto mais importante da república. Seu sucessor, João Goulart, era taxado como comunista e malvisto pela alta cúpula do exército. Cabe ao então governador do Rio Grande do Sul, Leonel Brizola (Leonardo Machado), liderar a campanha da legalidade, cujo objetivo era garantir o direito do vice-presidente de assumir o cargo. Em meio a esse momento de grande turbulência, o caudilho reúne forças para garantir a posse de Jango e acaba sendo o elo de ligação para um triângulo amoroso formado por Cecília (Cleo Pires), uma jornalista de um veículo norte-americano, Luis Carlos (Fernando Alves Pinto), um famoso antropólogo, e seu irmão, Tonho (José Henrique Ligabue).

SEXTA-FEIRA, 28 DE AGOSTO

Boi Neon (2016) (100’)
[Festival de Veneza]
Horário: Sexta, 28/08, às 23h15
Classificação: 16 anos
Direção: Gabriel Mascaro

Sinopse: Iremar (Juliano Cazarré) é um vaqueiro de curral que viaja pelo Nordeste, ao lado de Galega (Maeve Jinkings) e a pequena Geise (Samya de Lavor). Por onde passa Iremar recolhe revistas, panos e restos de manequins, já que seu grande sonho é largar tudo para iniciar uma carreira como estilista no Pólo de Confecções do Agreste.

SÁBADO, 29 DE AGOSTO

Deslembro (2019) (96’) 
[Festival de Veneza]
Horário: Sábado, 29/08, às 23h15
Classificação: 14 anos
Direção: Flávia Castro

Sinopse: O Rio de Janeiro não é nada familiar para Joana (Jeanne Boudier), adolescente que teve o pai refém como prisioneiro político durante os anos de ditadura no Brasil. Ela passou quase toda a sua vida em Paris, cidade onde o resto de sua família se exilou. Tendo sido decretada a Lei da Anistia, a menina agora está, a contragosto, de volta a sua cidade natal. As memórias amargas de tempos difíceis vêm à tona, causando um forte desconforto.

DOMINGO, 30 DE AGOSTO

Nico, 1988 (2018) (91’) 
INÉDITO e EXCLUSIVO
Horário: Domingo, 30/08, às 23h10
Classificação: 16 anos
Direção: Susanna Nicchiarelli 

Sinopse: Vencedor da Mostra Horizontes no Festival de Veneza, o filme da cineasta italiana Susanna Nicchiarelli dramatiza os últimos anos da vida de Christa Päffgen (vivida por Trine Dyrhol), cantora e compositora de grande sucesso nos anos de 1960 ao lado da banda Velvet Underground. Duas décadas após o auge, a complicada e plural artista tentar retomar a carreira solo e projetar seu futuro, mas se depara novamente com problemas do passado, como o vício em drogas, a depressão nunca completamente curada e o péssimo relacionamento com o filho, Ari (Sandor Funtek), cuja paternidade nunca foi reconhecida pelo ator francês Alain Delon. Dividido em três capítulos, nomeados a partir dos últimos anos da vida da protagonista, a obra mostra os derradeiros momentos de uma mulher obstinada a voltar ao topo.


Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.