Home Top Ad

Estrelas da música revelam suas expectativas para o show do 'Criança Esperança'

Share:

Divulgação Globo

Está chegando a hora! O show da 35ª edição do ‘Criança Esperança’ será exibido nesta segunda-feira, dia 28, reunindo um time de estrelas da música. Este ano, por conta da pandemia de Covid-19 e da necessidade de distanciamento social, a campanha se reinventou e os números foram produzidos remotamente, lançando mão de soluções criativas e tecnológicas para promover os tradicionais encontros no palco.  
 
Em um ano repleto de desafios, a expectativa dos artistas para o show é ainda maior. Ludmilla, que faz o dueto de abertura do 'Criança Esperança' com Luan Santana, revela que a pandemia a fez pensar sobre a importância ainda maior da campanha. "É clichê, eu sei, mas as crianças são o nosso futuro e precisam se desenvolver com o máximo de ferramentas possível para se tornarem adultos com muito mais condições de brigarem por um lugar ao sol. O ano atípico me fez pensar ainda mais em como a campanha é importante na vida dessas pessoas". O dueto foi gravado respeitando os protocolos de segurança. "Gravar um dueto à distância é bem diferente do que estamos acostumados a fazer. Sentir a vibração do público. Cantar olhando no olho do colega de trabalho. Abraçar e comemorar aquele momento são coisas que fazem muita falta. Mas, graças à tecnologia, ficou incrível e tenho certeza de que o público de casa vai sentir a mesma emoção que eu senti. Gravamos nas alturas, vendo São Paulo ali, aquela cidade imensa, a maior metrópole do país... Pensava o tempo todo naquela cidade cheia de luzes acesas, quantas famílias, em cada uma daquelas casas, quantas histórias, cidade que abraça tantos, símbolo de gente que busca a esperança. Pensei tanta coisa...”, pondera Luan Santana.

Iza comemora a oportunidade de reeditar a parceria com Alcione e também celebra a importância do 'Criança Esperança' em reforçar a importância da doação há 35 anos. “É um presente poder realizar algo tão incrível em um momento tão complicado. Ter uma campanha como essa alertando as pessoas da importância de se doar, de doar esperança, é muito especial. Estou muito feliz, principalmente, por cantar ao lado da nossa diva Alcione. Espero muito que todo mundo goste do nosso número". O dueto prestará uma homenagem à força da mulher brasileira, em uma apresentação que contará com a participação de Ana Maria Braga.  
 
Já Larissa Manoela, em seu número, vai homenagear os profissionais que estão na linha frente do combate à Covid-19 e os trabalhadores essenciais, aqueles responsáveis por manter as cidades funcionando na quarentena. “Fiquei muito feliz de poder participar do ‘Criança Esperança’. É um projeto que há anos vem ajudando as pessoas que mais precisam. E, nesse ano, veio com uma proposta muito especial, que é doar esperança. Esse tem sido um ano muito difícil, em que as desigualdades ficaram ainda maiores. Um ano de muitas incertezas, medos e perdas. E esperança é o sentimento que faz com que a gente não desista, faz com que a gente levante todo o dia à espera de um futuro melhor. Essa é a primeira vez que participo do programa e sei que é um momento fora do comum. Ajudar o próximo é fundamental. E, muitas vezes, uma mensagem de amor e positividade, ela aquece o coração e renova as forças de quem está mais precisando. Vamos doar esperança nessa edição. Doar amor. Vai ser uma edição linda, eu tenho certeza”, contou Larissa Manoela. 
 
Sandy e Péricles vão interpretar a versão em português de “Heal the world”, sucesso de Michael Jackson, em um número ecumênico com a participação de representantes religiosos, num chamado pela paz, com foco na fé do povo brasileiro. "Realmente estamos vivendo um período jamais vivido ou pensado. Mas é também época de se reinventar, e aproveitar para dar valor a tudo o que não percebíamos por causa da falta de tempo. O ‘Criança Esperança’ faz com que lembremos de que muito mais pessoas estão necessitando ainda mais da ajuda de todos, e que estamos todos juntos no mesmo barco, lutando por um mundo bem melhor", ressalta Péricles. "Eu espero um espetáculo cheio de emoção, mas acima de tudo, espero ver mais uma vez a solidariedade de todo o povo brasileiro se manifestando", celebra o cantor.  “Que privilégio participar do Criança Esperança mais uma vez! Um evento lindo e necessário, principalmente nesse momento em que precisamos de uma dose a mais de esperança. Sou muito grata por fazer parte dessa história e fico feliz em participar de um musical focado na paz, esperança e amor!”, acrescenta Sandy.
 
O show também terá uma batalha de hits entre a dupla Zé Neto e Cristiano e o cantor Dilsinho. No repertório, eles se enfrentarão cantando clássicos do sertanejo e do samba. Ivete Sangalo gravou um número que conta com um recurso de rotoscopia, no qual ela entra na TV para cantar ao lado de Tim Maia. Em um encontro com uma pegada familiar, Chitãozinho e Xororó fazem, com a Família Lima, um número ao vivo. E Xande de Pilares faz o encerramento, onde serão exibidos vídeos enviados pelos apresentadores, artistas que participaram do show, além de anônimos e outros talentos.
 
O show conta com apresentação de Fátima Bernardes, Luís Roberto, Tiago Leifert, Jessica Ellen, Luciano Huck e Maju Coutinho, e participação especial de Pedro Bial, Serginho Groisman e Ana Maria Braga.
 
O programa conta com direção geral de Antonia Prado e supervisão artística de Rafael Dragaud e será exibido logo após 'A Força do Querer'.   


Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.