Home Top Ad

Canais da Conmebol TV incomodam operadoras rivais de TV paga

Share:

Reprodução

O novo serviço de pay-per-view da entidade que comanda o futebol sul-americano, a Conmebol TV causou um incômodo no mercado de TV paga. Isso porque o canal, que mostra parte dos jogos da Libertadores e todos os duelos da Copa Sul-Americana e Recopa, é exclusivo para assinantes de Claro e Sky.

De acordo com informações apuradas pelo site Notícias da TV, as operadoras como Vivo, Oi e operadoras regionais ficaram surpresas com a rapidez com que o novo streaming foi lançado. E, ao consultarem a Conmebol, as companhias descobriram que há um acordo de exclusividade com as duas concorrentes, que contam com cerca de 12 milhões de clientes pelo país. 

A Associação Neo, que reúne cerca de 150 empresas do setor de TV por assinatura e banda larga, aponta esse acordo como algo ruim para os consumidores, considerando que a Claro e a Sky não chegam em algumas regiões do Brasil. 

"É ruim para o mercado. Até mesmo porque você pode perde todo o potencial que pode ser explorado através da banda larga, que é o nosso grande forte, não é mais a própria TV por assinatura. É um problema quando você determina exclusividade de um conteúdo tão interessante quanto esse", aponta Alex Jucius, presidente da Neo. 

Claro e Sky se apresentam como "patrocinadoras" da Conmebol TV. A produção do conteúdos e as equipes das transmissões são do BandSports, que fez uma parceria com a entidade sul-americana, dona do pay-per-view. 

A lei da TV por assinatura (ou Lei do SeAC) proíbe que uma empresa distribua e produza conteúdo ao mesmo tempo. Ou seja, não é permitido que as operadoras tenham os seus próprios canais. A Claro, no entanto, tem atuado para mudar esse cenário. 

Com Disney e Globo liberadas para distribuírem seus canais e produções originais em plataformas online, a Claro lançou um produto que leva os canais de TV paga à internet (a Claro Box) e pretende potencializar o alcance do Now, plataforma de vídeo sob demanda, com a possibilidade de assinatura digital de seus serviços exclusivos, como a própria Conmebol TV.

Novo serviço de pay-per-view da entidade que comanda o futebol sul-americano, a Conmebol TV causou um incômodo no mercado de TV paga brasileira. Isso porque o canal, que mostra parte dos jogos da Libertadores e todos os duelos da Copa Sul-Americana, é exclusivo para assinantes de Claro e Sky.

Empresas do setor têm atuado nos bastidores para que o streaming do futebol sul-americano também fique disponível para compra online, sem a necessidade de o cliente ter vínculo com determinada operadora. "É possível distribuir o produto para a banda larga, pelo pay-per-view, como funciona o Premiere Play", aponta o presidente da Associação Neo. 

A Conmebol TV tem o valor mensal de R$ 39,90 e pode ser acessada na TV por assinatura e no streaming da Sky (Sky Play) e da Claro/Net (Now). O serviço foi criado como uma consequência do fim do acordo do Grupo Globo com a Libertadores, os jogos da TV aberta foram negociados com o SBT, e os que eram do SporTV agora pertencem ao pay-per-view. O acordo de distribuição tem um modelo inédito envolvendo uma confederação esportiva e é válido para as próximas três temporadas. Além dos 27 jogos da fase de grupos da Libertadores e algumas partidas no mata-mata do torneio, também abrange jogos da Sul-Americana e da Recopa, outras duas competições organizadas pela entidade que comanda o futebol na América do Sul.



Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.