Home Top Ad

Canal Brasil - Destaques da programação de 09 a 15 de novembro

Share:

Divulgação

Conheça os destaques da programação do Canal Brasil de 09 a 15 de novembro.

SEGUNDA-FEIRA, 09 DE NOVEMBRO  

AMORES CUBANOS 
INÉDITO e EXCLUSIVO 
Episódio: Episódio 01 
Horário: Segunda, 09/11, às 17h30 
Rebatidas: Quinta, 12/11, às 13h35; e sexta, 13/11, às 7h 
Classificação: 12 anos  

Sinopse: Logo após a dissolução da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS), o governo socialista de Cuba permitiu que alguns casais se casassem com um casamento caro e uma lua de mel de 72 horas. Em 1992, Alice de Andrade realizou o documentário “Lua de Mel” (1992), no qual os noivos compartilham suas experiências, sonhos e esperanças. 30 anos depois, a série “Amores Cubanos” mostra como estão aquelas histórias de amor, revela os protagonistas que ainda estão juntos, bem como as circunstâncias que levaram outros a se separarem e que, através dessa série, voltam a se encontrar para compartilhar suas histórias dentro e fora da ilha. 

Neste episódio: Alice de Andrade reencontra os casais filmados no documentário “Lua de Mel”, logo após a dissolução da União Soviética, para mostrar como estão essas histórias de amor cubanas. 

ROCKY & HUDSON – OS CAUBÓIS GAYS 
INÉDITO e EXCLUSIVO 
Episódio: Lua De Mel 
Horário: Segunda, 09/11, às 22h35 
Classificação: 12 anos  

Sinopse: Rocky e Hudson são dois caubóis gays criados pelo cartunista Adão Iturrusgarai para os quadrinhos em 1987. Em 1994, o cineasta Otto Guerra levou a história para as telonas e, mais de duas décadas depois, transformou, em parceria com Erica Maradona, os irreverentes personagens em uma série de animação. A cada episódio, os caubóis de sotaque gaúcho vão quebrar os estereótipos e o machismo relacionado à tradicional figura dos vaqueiros para solucionar problemas nada convencionais, como prender uma bela ladra de carregamentos que está atacando a cidade, convencer o pai de Rocky a não suspeitar da homossexualidade do personagem ou frequentar e garantir a parada gay do município. 

Neste episódio: Hudson prepara diversas surpresas para a segunda lua de mel com Rocky. Rumo a “Pau Grande”, o caminho deles até este local paradisíaco promete ser um turbilhão de prazer 

ANGELI – THE KILLER  
PRINCIPAL 
Episódio: Saudação À Mandioca 
1º Horário: Segunda, 09/11, às 22h45 
Rebatidas: Sexta, 13/11, às 7h30; sábado, 14/11, às 17h30; domingo, 15/11, às 11h05; segunda, 16/11, às 15h15; e terça, 17/11, às 14h10 
Classificação: 12 anos  

Sinopse: A série produzida e dirigida por Cesar Cabral nasceu do curta-metragem "Dossiê Rê Bordosa", filme que ganhou mais de 70 prêmios desde seu lançamento, em 2008. A construção do programa parte da mescla de uma estrutura documental, que tem início com entrevistas com o próprio cartunista, e com adaptações livres de seus personagens e de suas histórias. Cada episódio foi desenvolvido a partir de uma pauta específica inspirada em temáticas urbanas , com altas doses de críticas e tintas carregadas no humor ácido, características do trabalho de Angeli. 

Neste episódio: O episódio resgata a história de Angeli, relembrando o surgimento do cartunista na mídia. Personagens marcantes do artista soltam o verbo e falam o que pensam sobre seu criador. 

PERDIDO  
PRINCIPAL 
Episódio: A Loja 
1º Horário: Segunda, 09/11 às 23h 
Rebatidas: Quinta, 12/11, às 20h30; e sábado, 14/11, às 4h 
Classificação: 14 anos  

Sinopse: Depois de estrelar um dos maiores sucessos de audiência do canal como um nada convencional chef de cozinha em “Larica Total”, Paulo Tifenthaler está de volta ao Canal Brasil como protagonista desta série original. Em “Perdido”, o ator interpreta Derek, um escritor de pouco sucesso que acaba de herdar de uma falecida tia a “Pérola da Princesa”, tradicional loja de roupas íntimas femininas de Copacabana, zona sul do Rio de Janeiro. Sem qualquer vocação para vender sutiãs e calcinhas e com a missão de continuar o legado da antiga dona, ele se vê obrigado a conviver com Roberto Clayton (Joana Couto), um jovem gay em processo de transição de gênero e fiel escudeiro da empresária. Não bastasse a confusão para tocar o negócio, ele acompanha o processo de adaptação de seu principal livro, Chicletes Cheirosos, pelas lentes de Bel (Tainá Medina), uma aspirante a diretora que vai focar seus esforços para ver a publicação ganhar forma nas telonas. 

Neste episódio: Quando Pérola, dona de uma antiga loja de calcinhas, morre, Derek, um escritor do submundo de Copacabana, se vê obrigado pelo testamento da tia a manter como empregado o fiel escudeiro dela. 

ESPELHO  
PRINCIPAL  
Convidado: Babu Santana 
1º Horário: Segunda, 09/11, às 23h30 
Rebatidas: Terça, 10/11, às 13h30; e quinta, 12/11, às 7h 
Classificação: Livre 

Sinopse: Lázaro Ramos comanda um dos programas de maior longevidade na grade do Canal Brasil. Há 14 anos, o diretor e apresentador promove entrevistas e debates com algumas das mais instigantes personalidades da cultura brasileira, entre atores, diretores e intelectuais dos mais diversos campos de conhecimento. Em 2020, o próprio realizador selecionou algumas de suas mais notáveis conversas. A partir do dia 05/10, o espectador pode conferir novamente as reflexões sobre os mais variados assuntos com os convidados do ator. A lista de entrevistados traz o professor e historiador Leandro Karnal, os religiosos Monja Coen, Henrique Vieira e os atores Jesuíta Barbosa, Fernanda Montenegro, Babu Santana, Taís Araújo, Leandra Leal e Pedro Cardoso, os cantores Criolo, Emicida e Iza e a professora Diva Guimarães. 

Neste episódio: Andando pelas ruas da comunidade do Vidigal (RJ), Lázaro conversa com o ator Bubu Santana. O convidado fala sobre sua trajetória profissional e a condição do negro na dramaturgia brasileira. 

TRANSMISSÃO  
PRINCIPAL 
Convidado: Maria Alcina 
Horário: Segunda, 09/11, à 0h  
Classificação: 12 anos  

Sinopse: Duas das mais revolucionárias personalidades da nova geração da cultura brasileira, Linn da Quebrada e Jup do Bairro estão de volta com episódios inéditos do talk show mais irreverente da TV, no qual questões de gênero, sexo e raça são frequentemente abordadas, mas não limitadoras da conversa. O programa reestreia no mês em que se comemora o Dia Internacional do Orgulho LGBTQI+ mundo afora. A dupla recebe na segunda temporada nomes como Dira Paes, Pedro Bial, Liniker, Criolo, Xico Sá, Matheus Nachtergaele, Rennan da Penha, Amara Moira, entre outros.  

Neste episódio: As sempre irreverentes Linn da Quebrada e Jup do Bairro recebem de braços abertos a cantora Maria Alcina para um bate-papo descontraído sobre a trajetória desta voz marcante da MPB.  

TERÇA-FEIRA, 10 DE NOVEMBRO  

302 
PRINCIPAL 
Convidada: Ana 
1º Horário: Terça, 10/11, à 0h15  
Rebatida: Sexta, 13/11, às 5h10 
Classificação: 14 anos  

Sinopse: Na série, o consagrado fotógrafo Jorge Bispo recebe mulheres anônimas comuns dispostas a tirarem a roupa para um projeto artístico e minimalista. O sétimo ano da atração dirigida por Helena de Castro aprofunda temas como aceitação, descoberta, libertação, violência e preconceito, e os novos episódios serão ainda mais femininos e espontâneos. 

Neste episódio: A carioca Ana fala sobre o resgate da autoestima feminina através da moda e comenta o quão poderoso e ameaçador é o processo de autoconhecimento das mulheres. 

A BÊNÇÃO 
INÉDITO 
Episódio: Sacrifício 
1º Horário: Terça, 10/11, à 21h  
Rebatida: Sexta, 13/11, às 0h30; e terça, 17/11, às 1h55 
Classificação: 14 anos  

Sinopse: A vida de sete pessoas muda profundamente ao se envolverem na criação de um medicamento capaz de suprimir o medo mais fundamental do ser humano: o medo da morte.     

Neste episódio:  Júlio aceita ser uma cobaia no estudo para encontrar um antídoto para a “Bênção”. Juarez se desespera ao ver o estado de Nina. Arthur e Lerner se encontram para um acerto de contas. 

QUARTA-FEIRA, 11 DE NOVEMBRO 

NOITES DE FESTIVAL  

INÉDITO e EXCLUSIVO 
Episódio: O Princípio do Fim: "Sabiá" 
1º Horário: Quarta, 11/11, às 19h30 
Rebatidas: Sexta, 13/11, às 15h30; e segunda, 16/11, às 12h30 
Classificação: Livre 

Sinopse: A série promove um profundo mergulho em imagens de arquivo e traz entrevistas especiais com ícones dos palcos para mostrar como os festivais de música popular brasileira foram fundamentais para o surgimento de novos talentos. Caetano Veloso, Gilberto Gil e Chico Buarque, entre outros, lembram suas participações no evento, as polêmicas geradas a cada apresentação e os momentos diversos vividos nos bastidores do evento. Cada capítulo passeia cronologicamente pelos especiais rememorando seus capítulos mais marcantes. Há menções à avassaladora performance de Elis Regina em Arrastão, que levou o primeiro prêmio; o embate entre A Banda, de Chico Buarque, e Disparada, de Theo de Barros e Geraldo Vandré, defendida por Jair Rodrigues; o lendário e raivoso discurso de Caetano Veloso depois da apresentação de É Proibido Proibir, ao lado de Os Mutantes, e o encontro da música com política e música com Pra Não Dizer Que Não Falei das Flores, de Geraldo Vandré, entre outras cenas que eternizaram os festivais na história da televisão e da música brasileira. 

Neste episódio: O episódio caminha pelo histórico Festival Internacional da Canção de 1968 e a polêmica vitória inundada de vaias da canção “Sabiá”, de Chico Buarque e Tom Jobim. 

NOTURNOS  
INÉDITO e EXCLUSIVO 
Episódio: A Mulher na Sombra 
1º Horário: Quarta, 11/11, às 22h 
Rebatidas: Sexta, 13/11, às 1h20; e terça, 17/11, às 2h45 
Classificação: Livre 

Sinopse: A série “Noturnos” vai explorar um lado menos popular, mas fascinante da obra de Vinícius de Moraes. Os episódios adaptam poemas e contos curtos do Poetinha num gênero surpreendente: o terror. Com narrativas sombrias, a minissérie tem seis episódios e cada um deles  tem uma história independente, mas os personagens e a narrativa estão interligados - presos num teatro por conta de uma tempestade que inundou a cidade, os atores de uma cia. teatral trocam experiências e histórias que fazem referência a vários subgêneros dentro do terror, do gore ao psicológico. A partir de uma ideia original de Renato Fagundes, a criação e direção-geral é da dupla Marco Dutra & Caetano Gotardo (de As Boas Maneiras). Escritos por Caetano Gotardo, Marco Dutra, Gustavo Vinagre e Alice Marcone, em "Noturnos" cada episódio tem um diretor convidado, todos surgidos na nova geração terror nacional. Fazem parte da lista nomes como Gabriela Amaral Almeida, Vinícius Silva e Rodrigo Aragão. No elenco, intérpretes como Andrea Marquee, Ícaro Silva, Marjorie Estiano, Rafael Losso e Vaneza Oliveira, entre outros. 

Neste episódio: Anderson conhece uma misteriosa mulher de vermelho e óculos escuros na praia. O rapaz não suporta que ela não se encaixe nos padrões que criou. 

QUINTA-FEIRA, 12 DE NOVEMBRO  

FAIXA MUSICAL - Margareth Menezes –  Voz Talismã 
PRINCIPAL 
Horário: Quinta, 12/11, às 9h40  
Classificação: Livre  

Sinopse: Margareth Menezes sobe ao palco em que se apresentou pela primeira vez na comemoração pelos 25 anos de carreira. A cantora levanta a plateia ao som de hits como “Elegibô” e “Dandalunda”. 

FAIXA MUSICAL - Milton Nascimento - Uma Travessia 
PRINCIPAL 
Horário: Quinta, 12/11, às 11h10  
Classificação: Livre  

Sinopse: Milton Nascimento revisita momentos marcantes da sua trajetória. O cantor interpreta clássicos como “Clube da Esquina 2”, “O Trem Azul” e “Canção da América”. 

O PAÍS DO CINEMA 
PRINCIPAL 
Episódio: A Vida Invisível 
1º Horário: Quinta, 12/11, à 0h 
Rebatidas: Sábado, 14/11, às 13h; e quarta, 18/11, às 7h 
Classificação: 14 anos 

Sinopse: Andréia Horta comanda um mergulho na história do cinema brasileiro na quinta temporada de O País do Cinema. Na atração, a atriz recebe realizadores, diretores e intérpretes e coloca em pauta uma abordagem crítica e informativa da produção nacional recente. Para este ano, o programa dirigido por Marcello Ludwig Maia passeia por clássicos e produções mais recentes do cinema brasileiro. Os episódios entram em cartaz logo após a exibição dos filmes a que se referem e a anfitriã traz para o estúdio profissionais envolvidos com a produção, em nomes como Matheus Nachtergaele, Cleo, Mauro Lima, Carol Duarte, Gregorio Duvivier, Dira Paes e Alexandre Nero, entre outros. 

Neste episódio: Carol Duarte e Gregório Duvivier, atores em “A Vida Invisível”, falam sobre o peso do machismo que roubava o destino das mulheres e a força dessa opressão ainda presente no universo feminino. 

SEXTA, 13 DE NOVEMBRO  

LARICA TOTAL 
PRINCIPAL 
Episódio: A Herança da Guerrilha 
1º Horário: Sexta, 13/11, às 22h 
Rebatidas: Sábado, 14/11, às 13h30; domingo, 15/11, às 1h30 e às 9h40; e terça, 17/11, à 0h30 
Classificação: 10 anos 

Sinopse: Está de volta ao Canal Brasil a terceira e última temporada da sátira a programas de culinária descolados exibidos por canais de televisão por assinatura. Ao contrário dos apresentadores experientes, treinados nas cozinhas de sofisticados restaurantes –, Paulo Oliveira (Paulo Tiefenthaler) é um solteirão que se vira como pode. Seu objetivo é apresentar receitas de pratos fáceis, capazes de satisfazer pessoas sem paciência, vontade, ingredientes ou equipamentos adequados no preparo de refeições. 

Neste episódio: Paulo vai a Araruama partilhar e receber a herança de seu tio Michael. Dormindo no apartamento vazio do recém-falecido, nosso herói é salvo pela incrível Tortilha de Guerrilha da Batata Blade Runner. 

TIM MAIA – VALE O QUE VIER  
PRINCIPAL 
Episódio: Um Artista Onde O Povo Está 
1º Horário: Sexta, 13/11, às 22h30 
Rebatidas: Sábado, 14/11, às 13h55; domingo, 15/11, às 1h55 e às 10h05; e terça, 17/11, à 0h55 
Classificação: 12 anos 

Sinopse: A minissérie estrelada por Babu Santana, Robson Nunes, Alinne Moraes, George Sauma, Cauã Reymond, Luis Lobianco, entre outros, remonta a biografia de Tim Maia (vivido por Robson Nunes na adolescência e por Babu Santana na fase adulta), uma das maiores vozes da história da música brasileira. A atração, que mescla cenas ficcionais com depoimentos de grandes nomes da cultura nacional que conviveram com o cantor, percorre toda a história do artista, desde a infância, o início conturbado da carreira, a consolidação com seu timbre inconfundível no topo das paradas nacionais e os problemas causados por sua personalidade difícil. 

Neste episódio: Durante a juventude, Tim Maia faz entregas para ajudar em casa. O interesse pela música surge quando ele ganha um violão de presente. Com a morte do pai, o jovem artista deixa o Brasil.     


Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.