A Bahia vive o ''pior momento da pandemia'', diz governador Rui Costa

Divulgação

A Bahia vive o ''pior momento da pandemia'', diz o governador Rui Costa. Em entrevista exclusiva a José Luiz Datena, na Rádio Bandeirantes, ele defendeu a ampliação do toque de recolher no Estado. A restrição será aplicada a partir desta segunda-feira, das 20h às 5h do dia seguinte. O transporte metropolitano passa a funcionar só até 20h30 e, em bares e restaurantes, o atendimento presencial se encerra às 18h.

Rui Costa justifica que é preciso dar fôlego ao sistema de saúde e faz um apelo à consciência das pessoas. “Na sexta-feira nós tínhamos iniciado a restrição somente a partir das 22h, mas o que vimos desde então foram bares lotados, todo mundo sem máscara, restaurantes cheios. Nós precisamos que as pessoas compreendam que a humanidade está vivendo a maior crise sanitária em 100 anos”.

O governador da Bahia critica a demora da Anvisa para autorizar o uso de mais vacinas no Brasil. Na avaliação de Rui Costa, está faltando “sensibilidade” à agência. “O que justifica a Anvisa não regulamentar e não aceitar algumas vacinas, como a da Pfizer, da Moderna, a vacina russa ou mesmo a indiana? Vamos chegar a 250 mil mortes. Quantas mortes serão necessárias para sensibilizar a Anvisa?”.

No caso das vacinas da Pfizer e da Moderna, a demora é ainda mais incompreensível, segundo Rui Costa, porque elas já foram liberadas na Europa e nos Estados Unidos.

A íntegra da entrevista está disponível no canal da Rádio Bandeirantes no YouTube.
Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Postagem Anterior Próxima Postagem