TV paga termina março com quase 200 mil assinantes a menos

Divulgação

O serviço de TV paga teve seu pior mês desde janeiro de 2020. Foram 198,5 mil assinantes a menos em março, que fechou com pouco mais de 14,3 milhões de clientes. É uma aceleração significativa no ritmo de perda de base em relação ao mesmo mês de 2020, quando a queda de mercado foi de pouco menos de 90 mil assinantes. Em todos os meses de 2021 a queda mensal foi superior a 130 mil clientes, retomando uma trajetória de erosão registrada em 2019 e parcialmente contida no primeiro ano da pandemia.

A operadora que mais perdeu base foi a Sky, com 107 mil assinantes a menos, fechando março com 4,28 milhões de clientes. A Claro também teve uma queda de 81,7 mil assinantes, fechando o mês com 6,76 milhões de acessos (sendo 800 mil no DTH e 77 mil com fibra). A Vivo também teve uma queda de 10 mil assinantes , fechando com 1,22 milhão (sendo 914 mil com fibra). A Oi foi a única grande operadora a crescer, chegando a 1,72 milhão clientes (aumento de 10 mil assinantes em maio), dos quais 96 mil com fibra. *Com Informações Teletime.
Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Postagem Anterior Próxima Postagem