Canal Brasil - Destaques da programação de 12 a 18 de julho

Divulgação

Conheça os destaques da programação do Canal Brasil de 12 a 18 de julho.

SEGUNDA-FEIRA, 12 DE JULHO

O CANGACEIRO - A SÉRIE
INÉDITO
Episódio: 02
Horário: Segunda, 12/07, às 22h
Rebatidas: Quinta, 15/07, às 21h e sábado, 17/07, às 4h30
Classificação: --------- 

Sinopse: A série adaptada do filme “O Cangaceiro”, de Aníbal Massaini Neto, narra a história dos cangaceiros liderados pelo Capitão Galdino, saqueando cidades e espalhando medo. 

Neste episódio: O bando do Capitão Galdino invade uma festa na cidade e leva a sobrinha do prefeito como refém, apesar dos alertas de Teodoro. A polícia oferece recompensa para quem matar um cangaceiro. 

COPA HOTEL
INÉDITO
Episódio: Bill, The Kid
Horário: Segunda, 12/07, às 23h
Rebatidas: Quinta, 15/07, às 20h30; e sábado, 17/07, às 4h
Classificação: 16 anos  

Sinopse: A série conta a história de Frederico Gonzales. Um carioca que viveu muitos anos longe do Brasil e retorna para assumir a propriedade do recém-falecido pai: um hotel em Copacabana. 
 
Neste episódio: Juliana é assediada por um hóspede novo. Fred e Ernesto discutem após o investidor conversar com os funcionários do hotel. David e a esposa tentam se reconciliar após as traições. 

TRANSGENTE
PRINCIPAL
Episódio: Alexya
Horário: Segunda, 12/07, às 23h30 
Rebatidas: Terça, 13/07, às 17h30 e quinta, 15/07, às 7h 
Sinopse: Série documental aborda seis histórias de luta e sobrevivência do universo
transgênero no Brasil

Neste episódio: “O meu corpo não me faz mulher, e sim como me coloco no mundo”. Alexya se declara desertora de gênero e denuncia a higienização cultural promovida pelo incentivo à morte de transgêneros.

TRANSMISSÃO
INÉDITO
Convidada: Erika Hilton
Horário: Madrugada de segunda (12/07) para terça (13/07), à 0h 
Rebatidas: Terça, 13/07, às 13h50; quarta, 14/07, às 17h40; quinta, 15/07, às 17h20; sexta, 16/07, às 15h15; e domingo, 18/07, às 6h30

Sinopse: Linn da Quebrada e Jup do Bairro estão de volta ao Canal Brasil com a 3ª temporada do programa “TransMissão”. Dirigidas por Claudia Priscilla e Kiko Goifman, Linn e Jup, duas plurais artistas trans, comandam um talk show irreverente sobre questões de gênero, sexo e raça, além de outros temas do cotidiano. Por conta da pandemia da COVID-19, o programa foi gravado com as apresentadoras em estúdio, com um novo cenário, mas conversando com os entrevistados remotamente.

Neste episódio: “Durante muito tempo o meu corpo não me pertencia”. Erika Hilton fala sobre o direito de sonhar, destaca a importância da representatividade e reflete sobre a sua função na política. 
  
TERÇA-FEIRA, 13 DE JULHO

PORNOLÂNDIA
PRINCIPAL
Episódio: A Presença Marcante do Corpo Trans
Horário: Terça, 13/07, à 0h15 
Rebatidas: Quarta, 14/07, às 1h50; sábado, 17/07, às 3h15; e domingo, 18/07, às 4h20

Sinopse: A musa da pornochanchada, Nicole Puzzi, compartilha com o espectador suas descobertas eróticas em entrevistas reveladoras abordando o sexo contemporâneo de forma irreverente.

Neste episódio: O universo LGBTQI não aceita mais a clandestinidade. Nicole Puzzi conversa com Leona Jhovs, uma atriz e diretora cheia de talentos que luta pelo protagonismo do corpo trans no audiovisual.  

FAIXA MUSICAL
PRINCIPAL
Episódio: João Bosco - Abricó-De-Macaco
Horário: Terça, 13/07, às 11h35
Classificação: Livre 

Sinopse: João Bosco traz novas versões de músicas que marcaram sua carreira, como "Cordeiro de Nanã" e "Profissionalismo É Isso Aí", além de dar nova roupagem à "Água de Beber", de Tom Jobim e Vinicius de Moraes. 

QUARTA-FEIRA, 14 DE JULHO

PARA ONDE VAMOS?
INÉDITO
Episódio: Como Estamos Atuando?
Horário: Quarta, 14/07, às 19h30
Rebatida: Quinta, 15/07, às 13h30; sexta, 16/07, às 15h30; e terça, 20/07, às 7h
Classificação: ------

Sinopse: Minissérie que apresenta o movimento de mulheres negras no Brasil através da história de ativistas que estão liderando verdadeiras revoluções no modo de fazer e pensar políticas públicas no país. Com entrevistas e imagens dos bastidores da atuação de mulheres negras, PARA ONDE VAMOS apresenta uma narrativa de ação, potência e perspectiva positiva que desconstrói e subverte os espaços marcados por exclusão e violência. Áurea Carolina (Minas Gerais), Elaine Ferreira do Nascimento (Piauí), Paula Beatriz de Souza Cruz (São Paulo), Anielle Franco (Rio de Janeiro) e Vilma Reis (Bahia) são as personagens que, de dentro da política institucional ou na sociedade civil, atuam em seus territórios e são representantes da maior força de progresso e renovação hoje no Brasil.

Neste episódio: Com a ausência do Estado, mulheres negras ao redor do país vêm atuando na garantia dos direitos, no combate às desigualdades e no fortalecimento da autoestima de outras mulheres na periferia.  

QUINTA-FEIRA, 15 DE JULHO
 
O PAÍS DO CINEMA
PRINCIPAL
Episódio: Bruna Surfistinha
Horário: Quinta, 15/07, à 0h 
Rebatidas: Sábado, 17/07, às 13h, e quarta, 21/07, às 7h
Classificação: 14 anos

Sinopse: Andréia Horta comanda um mergulho na história do cinema brasileiro na quinta temporada de O País do Cinema. Na atração, a atriz recebe realizadores, diretores e intérpretes e coloca em pauta uma abordagem crítica e informativa da produção nacional recente. 

Neste episódio: Roberto Berliner e Raquel Pacheco, produtor e autora do livro que inspirou o filme “Bruna Surfistinha”, falam sobre a hipocrisia dos que criticam a obra que representa o dilema de milhares de meninas no Brasil. 

MARIELLE, O DOCUMENTÁRIO
PRINCIPAL
Episódio: 03
Horário: Quinta, 15/07, às 14h
Rebatida: Terça, 20/07, às 7h30
Classificação: 12 anos  

Sinopse: Na noite de 14 de março de 2018, Marielle Franco e o motorista Anderson Gomes foram assassinados. Dois anos depois, os mandantes do crime ainda não foram identificados. 

Neste episódio: O episódio caminha pela investigação no caso do assassinato de Marielle e Anderson, fala sobre o trabalho jornalístico para informar a população e relembra a entrada da vereadora na política

MARIELLE, O DOCUMENTÁRIO
PRINCIPAL
Episódio: 04
Horário: Quinta, 15/07, às 14h50
Rebatida: Terça, 20/07, às 8h20
Classificação: 12 anos
  
Sinopse: Na noite de 14 de março de 2018, Marielle Franco e o motorista Anderson Gomes foram assassinados. Dois anos depois, os mandantes do crime ainda não foram identificados. 

Neste episódio: A investigação sobre o envolvimento das milícias no assassinato de Marielle e Anderson e a entrada da Polícia Federal para apurar a atuação da Polícia Civil do Rio de Janeiro no caso.

SEXTA-FEIRA, 16 DE JULHO

COLÔNIA
INÉDITO
Episódio: Trevas 
Horário: Sexta, 16/07, às 21h30
Rebatidas: Sábado, 17/07, às 14h15; domingo, 18/07, às 5h30; e quarta, 14/07, às 23h30
Classificação: 16 anos  

Sinopse: Série original Canal Brasil que retrata a história do hospício Colônia de Barbacena, hospício que existiu por quase um século, através das aventuras da personagem Elisa, vítima, como tantos outros, de uma internação injustificada.

Neste episódio: Elisa é torturada após tentativa de fuga e Dr. Carlos vive um dilema. Um rapaz visita o hospício em busca de informações sobre a mãe. Soraya e Wanda tentam encontrar Elisa. 

COLÔNIA
INÉDITO
Episódio: Tudo Vem, Tudo Vai
Horário: Sexta, 16/07, às 22h
Rebatidas: Sábado, 17/07, às 14h45; domingo, 18/07, às 6h; e quarta, 21/07, às 23h55
Classificação: 16 anos  

Sinopse: Série original Canal Brasil que retrata a história do hospício Colônia de Barbacena, hospício que existiu por quase um século, através das aventuras da personagem Elisa, vítima, como tantos outros, de uma internação injustificada.

Neste episódio: Elisa ainda sofre as consequências da tortura e tem visões com a amiga. Pedro finalmente encontra a amada. O prefeito descobre sobre a morte de Valeska. 

OS ÚLTIMOS DIAS DE GILDA
PRINCIPAL
Episódio: Andam Dizendo Por Aí
Horário: Sexta, 16/07, às 22h30
Rebatidas: Domingo, 18/07, às 2h15 e terça, 20/07, às 2h05 
Classificação: 12 anos

Sinopse: Série original do Canal Brasil criada e dirigida por Gustavo Pizzi. Gilda (Karine Teles) é uma mulher livre, no mais amplo sentido da palavra. Dona de excelentes dotes culinários, cria porcos e galinhas no quintal de sua casa para o abate e produz receitas capazes de encantar seus amigos, familiares e amantes. Sua independência incomoda a vizinhança, principalmente Cacilda (Julia Stockler), esposa de Ismael (Igor Campanaro) que está se candidatando a um cargo público através de um partido ligado a um grupo religioso. 

Neste episódio: Baseada na obra de Rodrigo Roure, a série dirigida por Gustavo Pizzi caminha por temas como o conservadorismo e a aliança entre a religião e o poder público. 
Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do O Universo da TV. OBS: Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Postagem Anterior Próxima Postagem