Canal Brasil conquista oito prêmios no 20º Grande Prêmio do Cinema Brasileiro

Divulgação

Foram anunciados na noite de ontem, 28 de novembro, os vencedores do 20º Grande Prêmio do Cinema Brasileiro, a maior e mais importante premiação do setor audiovisual no país. O Canal Brasil teve três coproduções vencedoras, com um total de oito estatuetas, na premiação. Ruy Guerra foi o grande homenageado da noite que teve como tema “preservação e memória”.

As séries originais do Canal Brasil "Milton e o Clube da Esquina" e "Rocky & Hudson: Os Caubóis Gays" ganharam, respectivamente, os prêmios de Melhor Série Documentário TV Paga/ Ott e Melhor Série Animação Tv Paga/ Ott. Com direção geral de Vitor Mafra, “Milton e o Clube da Esquina” é uma coprodução da Gullane e Canal Brasil. Já "Rocky & Hudson: Os Caubóis Gays" tem a direção geral assinada por Erica Maradona e foi coproduzida pela Otto Desenhos Animados e Canal Brasil.

O longa “BABENCO – Alguém tem que ouvir o coração e dizer: Parou”, de Bárbara Paz, foi destaque em quatro categoria: Melhor Documentário, Melhor Primeira Direção de Longa-Metragem, Melhor Montagem Documentário (Cao Guimarães e Bárbara Paz) e Melhor Som (Rodrigo Ferrante, Miriam Biderman, ABC e Ricardo Reis, ABC). O filme é uma é uma produção HB Filmes e produzido por Bárbara Paz, em coprodução com Gullane, BP Filmes, Lusco Fusco, Globo Filmes, GloboNews e Canal Brasil. O longa “Boca de Ouro” coproduzido pelo Canal Brasil, pela Globo Filmes e pela Lereby Produções levou o prêmio de Melhor Figurino (Kika Lopes) e Melhor Ator (Marcos Palmeira).
Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do O Universo da TV.

Postagem Anterior Próxima Postagem