TV Brasil - Programação de Filmes de 20 a 28 de novembro

Divulgação

Confira a programação de filmes da TV Brasil de 20 a 28 de novembro.

Sábado, 20 de novembro

Cine Retrô – Jeca e seu Filho Preto
18h30, na TV Brasil

País: Brasil. Ano de estreia: 1978. Gênero: comédia. Direção: Pio Zamuner. Codireção: Berilo Faccio. Elenco: Amácio Mazzaropi, Geny Prado, Yara Lins, Elizabeth Hartman, Denise Assunção.

Em "Jeca e seu filho preto", o saudoso humorista Amácio Mazzaropi interpreta Zé, o pai de um rapaz (misteriosamente) negro. O fato nunca pareceu o atormentar, mas os vizinhos se incomodam quando o rapaz se enamora de uma moça branca, filha de um rico fazendeiro.

Em plenos anos 1970, Amácio Mazzaropi, com seu jeito simples, abordou no cinema a questão do preconceito racial.

Reprise. 104 min.
Classificação Indicativa: 12 anos
Horário: 18h30

Domingo, 21 de novembro

Cine DOC – Para Gostar de Ler
09h00, na TV Brasil

País: Brasil. Ano: 2017. Gênero: documentário. Direção: Eduardo Rajabally.

O documentário aborda a importância da leitura na primeira infância e sua influência na construção do mundo interior e na imaginação de crianças. O filme busca acessar essa dimensão mágica que é ativada e enriquecida através da leitura. Ao mesmo tempo, procura respostas lógicas e reflexões sobre o papel da leitura e dos livros atualmente.

A produção traz o depoimento de diversos especialistas, pensadores, especialistas em desenvolvimento infantil, neuropediatras, pedagogos e autores. O documentário ainda registra a forma intimista que crianças especialmente selecionadas em algumas cidades brasileiras interagem com a leitura, estimulando a imaginação e a fantasia infantil.

Reprise. 60 min.
Classificação Indicativa: Livre
Horário: 09h00

Domingo, 21 de novembro

Sessão Família – A Gangue Zip Zap
14h00, na TV Brasil

Título original: Zipi y Zape y el club de la canica. País: Espanha. Ano: 2013. Gênero: infantil, família, aventura. Direção: Oskar Santos. Roteiro: Oskar Santos e Jorge Lara. Elenco: Javier Gutiérrez, Raúl Rivas, Daniel Cerezo, Claudia Veja, Marcos Ruiz, Fran García.

Após serem punidos na escola, os irmãos gêmeos Zip (Raúl Rivas) e Zap (Daniel Cerezo) são enviados para um centro de educação conhecido pela rigidez de seus métodos corretivos. Muito severo, Falconetti (Javier Gutiérrez) é o diretor do centro que repudia qualquer forma de lazer e entretenimento.

Zip e Zap, cansados dessa situação, formam um grupo cujos princípios incluem a coragem, a amizade e a inteligência. Desse modo, conseguem desafiar os desmandos do diretor e se divertir.

O filme "A Gangue Zip Zap" é uma adaptação para o cinema dos quadrinhos "Zipi y Zape", do espanhol José Escobar Saliente.

O longa-metragem conquistou o Troféu Especial da Juventude no Festival de Seattle 2014. A produção foi indicada, ainda, ao Prêmio Goya nas categorias Melhor Roteiro Adaptado, Direção de Produção, Efeitos Visuais e Direção Artística.

Reprise. 97 min.
Classificação Indicativa: Livre
Horário: 14h00

Domingo, 21 de novembro

Cine Nacional – Boleiros - Era uma vez o futebol
16h00, na TV Brasil

País: Brasil. Ano: 1998. Gênero: comédia. Direção: Ugo Giorgetti. Elenco: Rogério Cardoso, Adriano Stuart, Flávio Migliaccio, Lima Duarte, Otávio Augusto, Cassio Gabus Mendes, Marisa Orth, Denise Fraga, João Acaiabe, Oswaldo Campozana, Antônio Grassi, André Abujamra, Elias Andreato, Cláudio Curi, Paulo Coronato, Bruno Giordano.

A comédia reúne veteranos do esporte em um típico bar paulistano onde fotos de jogadores estão espalhadas pelas paredes. Como acontece em quase todas as tardes, eles se encontram para relembrar antigas glórias e histórias curiosas do tempo em que ainda eram atletas profissionais.

O grupo tem algo em comum: todos são boleiros, profissionais e ex-profissionais do futebol. Eles costumam bater papo e recordar as memórias do passado, além de tecer comentários sobre jogos, atletas, times e juízes.

A partir dessas conversas surgem lembranças de fatos e personagens insólitos do futebol, em um clima de nostalgia debochada. Nessa lógica, o roteiro do diretor Ugo Giorgetti apresenta seis breves histórias. A produção nacional combina tramas engraçadas, divertidas e comoventes.

O premiado filme reúne astros da dramaturgia nacional. O elenco reúne personalidades exerrientes como Rogério Cardoso, Adriano Stuart, Flávio Migliaccio, Lima Duarte, Otávio Augusto, Cassio Gabus Mendes, Marisa Orth, Denise Fraga, João Acaiabe, Antônio Grassi e André Abujamra, entre outros.

Reprise. 98 min.
Classificação Indicativa: Livre
Horário: 16h00

Domingo, 21 de novembro

Cine Retrô – Um Caipira em Bariloche
03h30, na TV Brasil (madrugada de domingo, dia 21/11, para segunda-feira, dia 22/11)

País: Brasil. Ano: 1973. Gênero: comédia. Direção: Pio Zamuner e Amácio Mazzaropi. Elenco: Amácio Mazzaropi, Geny Prado, Beatriz Bonnet, Ivan Mesquista, Carlos Valone.

Amácio Mazzaropi é Polidoro, um fazendeiro ingênuo que cai na conversa do genro e vende suas terras para um vigarista. O larápio engana a todos, inclusive sua própria esposa, uma argentina honesta e desiludida com o amor.

Por pura armação, os dois acabam indo parar em Bariloche e lá na neve, em meio a confusões e gargalhadas no frio argentino, o caipira começa a juntar os fatos e retorna para desmascarar os vilões.

A comédia promete muitas risadas e momentos de diversão, intriga e suspense para o público. O longa "Um caipira em Bariloche" foi uma das maiores bilheterias de toda a carreira do saudoso humorista Amácio Mazzaropi.

Reprise. 100 min.
Classificação Indicativa: 14 anos
Horário: 03h30 (madrugada de domingo, dia 21/11, para segunda-feira, dia 22/11)

Segunda-feira, 22 de novembro

Sessão Família – Meu Maior Amigo
13h00, na TV Brasil

Título original: Cool dog. País: Estados Unidos. Ano: 2010. Gênero: aventura. Direção: Danny Lerner. Elenco: Jackson Pace, Cameron Ten Napel, Ryan Akin, Michael Paré, Jen Kober, David Jensen, Dane Rhodes, Christa Campbell, David Dahl.

O menino Jimmy (Jackson Pace) vive em uma pequena cidade nos Estados Unidos com sua família e seu querido cachorro de estimação, Rinty. Um dia, o pai do garoto é promovido e a família precisa se mudar para Nova York. Contudo, para transtorno deles, o prédio para o qual se mudam não aceita cães e Jimmy precisa deixa Rinty para trás.

O garoto se despede do querido pastor-alemão e deixa seu novo endereço na coleira do companheiro. Rinty, porém, não pretende deixar o seu dono e parceiro sozinho na cidade grande. O cãozinho embarca numa viagem repleta de surpresas para cruzar o país até encontrar seu maior amigo Jimmy em Nova York.

Reprise. 88 min.
Classificação Indicativa: Livre
Horário: 13h00 

Segunda-feira, 22 de novembro

Cine DOC – Paisagem, um Olhar Sobre Roberto Burle Marx
22h30, na TV Brasil
03h45, na TV Brasil (madrugada de segunda, dia 22/11, para terça-feira, dia 23/11)

País: Brasil. Ano: 2018. Gênero: documentário. Direção: Direção: João Vargas Penna.

Ao traçar um panorama sobre a arte e a personalidade do paisagista, pintor e escultor brasileiro Roberto Burle Marx, o filme apresenta as ideias do homenageado em forma de reconhecimento, com uma sucessão de paisagens sensoriais.

Dirigido e escrito por João Vargas Penna, o documentário mostra toda a contribuição do paisagista brasileiro à flora nacional e revela facetas de Burle Marx pouco conhecidas pelo grande público.

Natural de São Paulo, Burle Marx foi precursor da ecologia e da defesa do meio ambiente. O paisagista valorizava as plantas nativas e descobriu muitas espécies novas, em viagens de coleta e pesquisa por todos ecossistemas brasileiros, que fazem parte de uma enorme coleção de plantas vivas localizada no sítio onde morou.

A narração do documentário, baseada em falas e textos de Burle Marx, acompanha imagens das obras do paisagista. Os destaques ficam para o Sítio Burle Marx, o Parque do Flamengo e o Instituto Moreira Salles, no Rio de Janeiro; a fazenda Tacaruna e Vargem Grande, além da Praça Euclides da Cunha, no Recife; o Ministério das Relações Exteriores, em Brasília; e projetos em países como França e Venezuela.

Reprise. 72 min.
Classificação Indicativa: Livre
Horário: 22h30
Horário: 03h45 (madrugada de segunda, dia 22/11, para terça-feira, dia 23/11)

Terça-feira, 23 de novembro

Sessão Família – Guiados pelo Coração
13h00, na TV Brasil

Título original: Le coeur en braile. País: França. Ano: 2016. Gênero: drama, comédia. Direção: Michel Boujenah. Elenco: Alix Vaillot, Jean-Stan Du Pac, Charles Berling.

A trama acompanha a amizade da talentosa violoncelista Marie (Alix Vaillot) que ajuda Victor (Jean-Stan Du Pac) a melhorar as notas no colégio. Quando ela começa a perder a visão, o garoto faz de tudo para que ninguém perceba.

Ótima aluna na escola, Marie tem de 12 anos e sonha ingressar em um importante conservatório para se tornar musicista. Ninguém sabe, porém, que a menina sofre de uma doença que afeta sua capacidade de enxergar.

Embora sua visão seja boa o suficiente para levar uma vida mais ou menos normal naquele momento, Marie está consciente de que um dia pode ficar na completa escuridão. Quando seus pais preocupados pensam em mandá-la a uma instituição de ensino para deficientes visuais, a jovem percebe que o sonho da sua vida pode estar em risco.

Junto com o amigo Victor, ela tenta desafiar seu destino. A estima entre eles cresce à medida que Marie contribui no aprendizado escolar do menino que se apaixona ela sem saber que Marie está perdendo a visão devido a uma doença.

Quando a adolescente revela a Victor seu segredo, um pacto é selado entre os dois jovens: Marie faz as lições de casa com o menino enquanto ela se tornar os olhos da garota. Assim, Victor a ajuda a esconder sua doença para que Marie possa ingressar em um renomado conservatório de música.

Reprise. 85 min.
Classificação Indicativa: 10 anos.
Horário: 13h00 

Terça-feira, 23 de novembro

Cine Retrô – Jecão... Um fofoqueiro no céu
22h30, na TV Brasil
03h45, na TV Brasil (madrugada de terça, dia 23/11, para quarta-feira, dia 24/11) 

Ano: 1977. Gênero: comédia. Direção: Amácio Mazzaropi e Pio Zamuner. Elenco: Amácio Mazzaropi, Geny Prado, Paulo Greven, Dante Ruy, Gilda Valença, Denise Del Vecchio, Edgard Franco, Elizabeth Hartman, João Paulo, Leonor Navarro, Rose Garcia, Armando Paschoalim.

Jecão Espinheiro vê-se envolvido com problemas relacionados à sua sorte com dinheiro. Ele e o filho Martinho ganham na Loteria "Espiritiva" e vão para São Paulo receber o prêmio. Quando voltam para cidadezinha onde moram, são recebidos pela população fanfarra, faixa de boas-vindas e muita festa mas também por olhos cobiçosos.

A fortuna desperta o interesse de um latifundiário da região, Chico Fazenda, que, com seus capangas, assalta Jecão e o mata. Graças às suas boas ações, Jecão vai parar no céu, um achado cenográfico bem ao estilo popular do caipira. Há no filme sequências impagáveis das sessões espíritas. Em uma delas, o protagonista volta à Terra para realizar seu próprio enterro, provocando confusão, medo e correria em praça pública.

Para desespero dos santos, toda vez que volta ao céu, Jecão promove bailinhos para animar os anjos e é punido pelo pecado da indisciplina. Diante das estripulias do Jecão no céu, realiza-se uma reunião de cúpula entre os santos para decidir sua sorte. Como ele não pode ficar mais lá, nem ser mandado para o inferno, o conselho decide-se pela única saída: a reencarnação.

Reprise. 98 min.
Classificação Indicativa: Livre
Horário: 22h30
Horário: 03h45 (madrugada de terça, dia 23/11, para quarta-feira, dia 24/11)

Quarta-feira, 24 de novembro

Sessão Família – O Jardim Secreto
13h00, na TV Brasil

Título original: The Secret Garden. País: EUA. Ano: 2017. Gênero: drama, fantasia, infantil. Direção: Owen Smith. Roteiro: Frances Hodgson Burnett. Elenco: Glennellen Anderson, Amanda Waters, Erin Leigh Bushko, Max River, Sacha A. Dzuba, Mark Ashworth, Hannah Fierman, Paden Garrett Anderson, Michael Vaughn.

Mary Lennox (Glennellen Anderson) conhece personagens maravilhosos nessa trama que atualiza o clássico. Um deles é Martha Sowerby (Amanda Waters) que a jovem encontra quando chega à fábrica de Archibald Craven (Michael Vaughn).

Há uma tragédia associada à fábrica: Lily (Hannah Fierman), a esposa de Craven, morreu alguns anos atrás. O viúvo permite que apenas algumas das caldeiras sejam acesas, deixando a fábrica fria. Sua esposa adorava o local quando estava viva e trabalhou em criações maravilhosas e mágicas em seu "jardim secreto".

Em pouco tempo, Mary explora a fábrica e fica intrigada quando se depara com o jardim misterioso. Ela está convencida de que há muito mais no jardim do que aparenta.

O filme é uma adaptação do clássico romance homônimo de Frances Hodgson Burnett. No conto de fadas, a adolescente órfã Mary Lennox descobre a magia e o mistério de um jardim secreto.

Reprise. 90 min.
Classificação Indicativa: 12 anos
Horário: 13h00

Quinta-feira, 25 de novembro

Sessão Família – O Jeca e a Freira
13h00, na TV Brasil

País: Brasil. Ano de estreia: 1968. Gênero: comédia. Direção: Amácio Mazzaropi. Elenco: Amácio Mazzaropi, Geny Prado, Mauricio do Valle, Elizabeth Hartman, Carlos Garcia, Ewerton de Castro 

Em uma fazenda localizada numa cidadezinha no interior do Brasil, no século XIX, um senhor de terras responsabiliza-se pela educação da filha de um dos seus colonos. Ele se afeiçoa a menina como se fosse sua própria filha.

Anos mais tarde, quando a jovem regressa do colégio em companhia de uma freira, o fazendeiro faz de tudo para que ela não reconheça seus verdadeiros pais.

Neste longa, o humorista Amácio Mazzaropi vive o protagonista e também dirige a comédia.

Reprise. 102 min.
Classificação Indicativa: 12 anos
Horário: 13h00

Quinta-feira, 25 de novembro

Cine Retrô – Marido de Mulher Boa
22h30, na TV Brasil
03h45, na TV Brasil (madrugada de quinta, dia 25/11, para sexta-feira, dia 26/11)

País: Brasil. Ano: 1960. Gênero: comédia musical. Direção: J. B. Tanko. Elenco: Zé Trindade, Renata Fronzi, Otelo Zeloni, Renato Restier, Lilian Fernandes, Luely Figueiró, Celso Faria, Wilson Grey, Isa Rodrigues, Paulette Silva, Darcy de Souza, César Viola.

Anacleto (Zé Trindade) e Frederico (Otelo Zeloni) são sócios da firma Pardal e Pardal, uma casa de modas e alta-costura. Anacleto é casado com Arminda (Renata Fronzi), ex-atriz de teatro, que o preferiu a Frederico, seu ex-noivo. Ainda assim, Anacleto continua sendo um mulherengo.

Os dois sócios compram de Giovanni (César Viola) o bilhete de um grande prêmio de turfe. Anacleto distribui pedaços entre quatro mulheres: Sueli (Luely Figueiró), Marlene (Paulette Silva), Virginia (Isa Rodrigues) e Sofia (Lilian Fernandes), na esperança de conquistá-las.

O bilhete do cavalo azarão ganha a corrida para sorte de Frederico que, agora, pretende se casar com Sofia. Desesperado, Anacleto tenta reaver os fragmentos distribuídos entre as mulheres, mas Arminda, sabendo do golpe, antecipa-se ao marido, reavendo três pedaços do bilhete. Faltando apenas o de Sueli, que já o tinha repartido entre todas as colegas de trabalho.

A produção conta com diversos números musicais com Sílvia Teles, Lúcio Alves, Aracy Costa e Juca Chaves, além da Orquestra Raul de Barros. A comédia ainda traz performances interpretadas por profissionais do elenco como os atores Zé Trindade, Lilian Fernandes e Luely Figueiró.

Reprise. 102 min.
Classificação Indicativa: 12 anos
Horário: 22h30
Horário: 03h45 (madrugada de quinta, dia 25/11, para sexta-feira, dia 26/11)

Sexta-feira, 26 de novembro

Sessão Família – Meu Querido Elfo
13h00, na TV Brasil

Título original: Domovoy. País: Rússia. Ano: 2019. Gênero: aventura, fantasia. Direção: Evgeniy Bedarev. Elenco: Sergey Chirkov, Ekaterina Guseva, Dmitriy Bedarev, Dmitriy Belotzerkovskiy, Mikhail Bespalov, Olga Ostroumova-Gutschmidt, Alexandra Politic, Anastasiya Abadzhidi.

A trama russa de contos de fadas acompanha uma família que acaba de comprar um flat em um arranha-céu de Moscou. Eles não sabem que uma criatura mítica – um elfo doméstico – vive na residência há mais de um século.

A arquiteta Vika (Ekaterina Guseva), mãe solteira da pequena Alina (Alexandra Politic), precisa encarar o misterioso ser dotado de poderes mágicos que se esconde e há anos usa truques contra os inquilinos no apartamento do antigo e imponente edifício.

O elfo Domovoy (Sergey Chirkov) é contra moradores no local por causa de uma maldição imposta por uma bruxa contratada pela agente imobiliária para tirá-lo da residência. Agora, os novos donos da casa tentam fazer amizade com ele. A criatura mantém a propriedade e seu tesouro protegidos da perigosa feiticeira.

Assim, além de travar uma verdadeira batalha contra o habitante indesejado, mãe e filha também precisam resistir às investidas da bruxa Mama Fima (Olga Ostroumova-Gutschmidt). A feiticeira quer se apossar da preciosidade escondida pelo elfo sob o assoalho do flat.

Com direção de Evgeniy Bedarev, o filme russo de aventura e fantasia leva às telas a figura do "Domovoy", criatura típica do folclore eslavo. Esse espírito doméstico é semelhante a um elfo, porém ainda mais travesso.

Reprise. 90 min.
Classificação Indicativa: 12 anos
Horário: 13h00

Sexta-feira, 26 de novembro

Festival de Cinema – Criação
22h30, na TV Brasil
03h45, na TV Brasil (madrugada de sexta-feira, dia 26/11, para sábado, dia 27/11)

Título original: Creation. País: Reino Unido. Ano: 2009. Gênero: drama biográfico. Direção: Jon Amiel. Elenco: Paul Bettany, Ian Kelly, Guy Henry, Martha West, Anabolena Rodriguez, Paul Campbell, Zak Davies, Teresa Churcher, Jennifer Connelly, Freya Parks, Jim Carter.

Charles Darwin (Paul Bettany) revolucionou a história da humanidade com sua extraordinária obra "A Origem das Espécies". Inicialmente, suas ideias chocaram a sociedade, mas ao lado de sua família, em especial de sua esposa, Emma (Jennifer Connely), Darwin encontrou os maiores desafios a sua teoria. O pesquisador viveu um dilema entre fé e razão, amor e verdade.

A trama acompanha a pacata vida de Charles Darwin em uma vila inglesa. Apesar de ser devotado à família, ele é, ao mesmo tempo, bastante distante deles. O filme destaca o relacionamento do estudioso com sua filha mais velha, Annie (Martha West), enquanto ele se dedica a escrever o clássico livro que marcou sua pesquisa.

"Criação" mostra a incrível trajetória de Darwin e a ideia mais revolucionária da história. Dirigido por Jon Amiel a partir do roteiro de John Collee, o longa-metragem é baseado no livro "A Caixa de Annie", de Randal Keynes, sobre a vida de seu tataravô, o cientista mais proeminente do mundo: Charles Darwin.

Reprise. 109 min.
Classificação Indicativa: 10 anos
Horário: 22h30
Horário: 03h45 (madrugada de sexta-feira, dia 26/11, para sábado, dia 27/11)

Sábado, 27 de novembro

Cine Retrô – Meu Japão Brasileiro
18h30, na TV Brasil

País: Brasil. Ano: 1965. Gênero: comédia. Direção: Glauko Mirko Laurelli. Elenco: Amácio Mazzaropi, Geny Prado, Célia Watanabe, Zilda Cardoso, Carlos Garcia, Reynaldo Martini, Adriano Stuart Elk Alves, Francisco Gomes, Judith Barbosa, Bob Junior, Ivone Hirata, Luiz Tokio, Luzia Yoshigumi.

Em uma comunidade rural nipo-brasileira, Amácio Mazzaropi vive um agricultor chamado Fofuca que enfrenta a exploração descarada do "seu" Leão, responsável por intermediar os negócios entre os produtores e o comércio na cidade.

Após muito penar em suas mãos, Fofuca articula com os camponeses a formação de uma cooperativa agrícola. Leão e seus filhos, entretanto, não vêem com bons olhos esta iniciativa e vão fazer de tudo para impedir Fofuca e seus amigos de conseguirem se dar bem neste Japão brasileiro.

Reprise. 102 min.
Classificação Indicativa: 12 anos.
Horário: 18h30

Domingo, 28 de novembro

Cine DOC – Pelé – A Origem
09h00, na TV Brasil

País: Brasil. Ano: 2017. Gênero: documentário. Direção: Luiz Felipe Moura.

O documentário conta a história do pequeno garoto Edson Arantes do Nascimento. Natural de uma cidade no interior do país, o menino decide superar todos os limites impostos pelo racismo e se torna o primeiro ícone global de pele negra. O craque ultrapassa as fronteiras do Brasil para ser reconhecido e amado por toda a humanidade.

Ao resgatar os primeiros passos no esporte do menino que sonhava em jogar futebol, a produção combina registros históricos e encenações de passagens marcantes da carreira de Pelé até se tornar o Rei do Futebol.

Reprise. 43 min.
Classificação Indicativa: Livre
Horário: 09h00

Domingo, 28 de novembro

Sessão Família – Agente Mirim
14h00, na TV Brasil

Título original: Ace the Case. País: Estados Unidos. Ano: 2016. Gênero: infantil, aventura. Direção e roteiro: Kevin Kaufman. Elenco: Susan Sarandon, Ripley Sobo, Lev Gorn, Aaron Sauter, Marc Menchaca.

A mãe de Olivia (Ripley Sobo) sai numa viagem de negócios e deixa a menina sozinha em casa com seu irmão mais velho, o jovem Miles (Aaron Sauter) no comando da casa. Durante a primeira noite, Olivia adormece no sofá.

A garotinha acorda e não percebe que já é muito tarde. Olivia decide sair para caminhar com seu cachorro Charlie sem que Miles note sua ausência. Ela acaba testemunhando uma mulher sendo sequestrada nas ruas de Nova York.

Olivia corre para casa e avisa a Miles que a vizinha foi levada como refém, mas o rapaz não acredita na irmã. Na manhã seguinte, a menina explica o que aconteceu a polícia, mas os oficiais também não a levam a sério.

Apenas a detetive cínica Dottie Wheel (Susan Sarandon) escuta Olivia, mas mesmo assim também é cética quanto ao sequestro. Destemida, Olivia bravamente lança sua própria investigação e mostrar seu valor. A garota coloca sua vida em risco para desvendar o crime e salvar sua vizinha.

Reprise. 94 min.
Classificação Indicativa: 12 anos.
Horário: 14h00

Domingo, 21 de novembro

Cine Nacional – Insônia
16h00, na TV Brasil

País: Brasil. Ano: 2013. Gênero: comédia romântica. Direção: Beto Souza. Elenco: Lara Rodrigues, Daniel Kuzniecka, Luana Piovani.

O filme narra os conflitos de Cláudia (Lara Rodrigues), uma adolescente de 15 anos, órfã de mãe desde os cinco e que mora com o pai, Rafael (Daniel Kuzniecka). A família veio da Argentina para o Brasil após a perda.

Cláudia tenta viver uma vida normal enquanto aprende a cuidar de uma casa e de seu pai, além de precisar lidar com o mundo. Ela não namora ninguém e o pai não se casa de novo. Foi desta forma que os dois se organizaram tacitamente para lidar com as perdas do passado.

Tudo pode mudar quando sua amiga Andreia (Luana Piovani), de 28 anos, conhece Rafael e os dois começam a namorar, apesar da diferença de 20 anos entre os dois. A relação deixa Cláudia ainda mais desconfortável e confusa. A jovem se vê obrigada a amadurecer muito cedo e acaba dividida entre a amizade e o ciúme.

Baseado no livro homônimo de Marcelo Carneiro da Cunha, o longa-metragem acompanha o olhar da adolescente Cláudia, que fica perplexa com tantas novidades na vida: uma nova amiga, uma mulher para o pai viúvo e um menino para, finalmente, namorar.

Reprise. 91 min.
Classificação Indicativa: 12 anos
Horário: 16h00

Domingo, 28 de novembro
 
Cine Retrô – O Jeca Macumbeiro
03h30, na TV Brasil (madrugada de domingo, dia 28/11, para segunda-feira, dia 29/11)

Ano: 1974. Gênero: comédia. Direção: Amácio Mazzaropi e Pio Zamuner, com Amácio Mazzaropi, Gilda Valença, Joffre Soares, Selma Egrei, Ivan Lima, José Mauro Ferreira, Maria do Roccio.

No filme "O Jeca Macumbeiro", Amácio Mazzaropi é Pirola, um caboclo paupérrimo que vive em um casebre na fazenda de seu patrão, o coronel Januário.

A filha de Pirola, Filomena, é casada com Mário, filho do coronel. Um dia, Pirola recebe de Nhonhô, um velhinho amigo, a notícia de que será herdeiro e quando aceita um saco cheio de dinheiro, resolve deixá-lo na guarda do patrão.

Para apropriar-se do dinheiro de Pirola, o Coronel Januário se passa por um pai-de-santo pra lá de fajuto. O filme foi uma sátira ao enorme sucesso de "O Exorcista" e bateu a arrecadação deste nos cinemas do Brasil.

Reprise. 87 min.
Classificação indicativa: 12 anos
Horário: 03h30 (madrugada de domingo, dia 28/11, para segunda-feira, dia 29/11)
Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do O Universo da TV.

Postagem Anterior Próxima Postagem