Ad Code

Especial inédito do LIFETIME explora o caso Epstein e o envolvimento do príncipe Andrew

Divulgação

A conexão da socialite britânica Ghislaine Maxwell e do financista Jeffrey Epstein – ambos condenados por tráfico sexual - com o Príncipe Andrew, um dos filhos da rainha Elizabeth II e o nono na linha de sucessão ao trono inglês, é abordada no documentário que o Lifetime estreia no dia 27 de março, Ghislaine, Príncipe Andrew e a Pedofilia (Ghislaine, Prince Andrew and the Paedophile), ás 21h.

O especial mostra como Ghislaine, a filha de um bilionário, mergulhou na vergonha e no crime por meio de sua amizade com o pedófilo Jeffrey Epstein. Enquanto isso, o Príncipe Andrew se viu envolvido no escândalo de Epstein e, recentemente, fez um acordo com a americana Virginia Giuffre para encerrar o processo sobre a acusação de abuso sexual.

O julgamento e condenação de Ghislaine, em dezembro de 2021, jogaram luz no estilo de vida dela e seu circulo de amizades, que incluía jatinhos particulares, mansões em Nova York e ilhas exóticas e luxuosas. Ghislaine, Príncipe Andrew e a Pedofilia explora a rede de contatos de Ghislaine e Epstein, de amigos ricos e famosos, com depoimentos de alguns deles. Também examina evidências apresentadas no julgamento, como registros de voos dos aviões particulares de Epstein, listando passageiros famosos.

A produção traz ainda depoimentos de sobreviventes dos esquemas de Ghislaine e Jeffrey, que contam suas experiências de abuso. E também revelam como a socialite usou de sua influência como mulher para persuadir as vítimas.

Preso em 2019, condenado por envolvimento em esquema de tráfico e abuso sexual de menores, Jeffrey Epstein foi encontrado morto na cadeia, apenas um mês após a prisão. Além do Príncipe Andrew, sua lista de amigos inclui os ex-presidentes dos Estados Unidos, Donald Trump e Bill Clinton.

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code