Ad Code

'Conversa com Bial' fecha a semana com temáticas culturais e recebe hoje, dia 14, a cantora Agnes Nunes

Divulgação Globo

Hoje tem música no 'Conversa com Bial', além daquele papo em questões profundas sob o comando de Pedro Bial. A cantora baiana Agnes Nunes, de apenas 19 anos, que começou fazendo sucesso na internet e chegou a gravar com Ivete Sangalo e Xamã, conquistou a admiração de Caetano Veloso e cantou com Elza Soares, divide sua história com o apresentador e conta, a exemplo, como se apaixonou por música ainda criança enquanto morava na Paraíba – uma espécie de “escape” para o racismo que sofria na escola - e as influências da mãe e avó para suas referências musicais.
 
Entre os assuntos, ela comenta ter conhecido Elza Soares: “O que me marcou foi o olhar de Elza. Ela olhava muito, dos pés à cabeça, como quem diz ‘deixa eu ver essa menina que está aqui’. Me pediu pra não deixar o samba morrer, e eu ei de cumprir. Lembro que ela me chamava de ‘minha netinha’”, diz. “A Elza pra mim é um dos maiores símbolos de força da mulher. Ela perdeu um filho pra fome e continuou. Acho que uma coisa em comum que nós duas temos no quesito artista é querer cantar até o fim”, completa.
 
E, fechando a semana ainda num tom cultural, Pedro Bial recebe amanhã, dia 15, Rodrigo Lombardi. O ator fala de sua trajetória, desde o apreço pela profissão por influência de seus pais, passando pelo início no teatro, e na televisão como parte do elenco da novela “Meu Pé de Laranja Lima” ainda adolescente, até projetos atuais. Ele comenta os testes e convites para personagens de destaque, como Raj Ananda na trama ‘Caminho das índias’ e o escritor João Guimarães Rosa na minissérie ‘Passaporte para Liberdade’.
 
Atualmente, além de estar no programa ‘The Masked Singer’ como um dos jurados, assumiu o desafio do musical Sweeney Todd, história que ficou famosa ao ganhar as telas do cinema num longa homônimo de Tim Burton. “Este é um sonho antigo. A primeira vez que eu fui ao teatro foi meu pai quem me levou, e vimos um musical. Eu tinha 9 ou 10 anos de idade, e fiquei maluco. Muito tempo depois chegaram os grandes musicais da Broadway, e fui assistir Les Misérables, e disse ‘quero fazer isso aí’”, comenta. O espetáculo Sweeney Todd está em cartaz em São Paulo.
 
Com direção artística de Monica Almeida, o ‘Conversa com Bial’ vai ao ar na TV Globo de segunda a sexta, após o ‘Jornal da Globo’. O programa também é exibido no canal internacional da Globo e em simulcast no Globoplay. As entrevistas também podem ser acompanhadas no podcast ‘Conversa com Bial’, disponível no Globoplay ou em qualquer plataforma de áudio.

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code