Ad Code

Exclusivo: Roberto Cabrini entrevista médico acusado de negligência e investiga uma série de denúncias contra o profissional

Divulgação Record TV

No Câmera Record deste domingo, 10/04, Roberto Cabrini investiga a morte da jovem Natacha Lopes Silvério, de 28 anos, que faleceu após uma cirurgia de implante de silicone nos seios, no interior de São Paulo. O médico responsável pelo procedimento, Pietro Petri fala pela primeira vez sobre as denúncias de negligência e abandono da paciente. No programa, o jornalista apresenta uma ampla investigação da trajetória do profissional, que teria deixado sequelas em diversas pacientes. Questionamentos, locais, vítimas, testemunhas, circunstâncias: Cabrini investiga cada detalhe dessa história.

Na entrevista tensa, o médico se defende das acusações: “Jamais me apresentei como cirurgião plástico. Cirurgia estética, mas jamais como cirurgião plástico”.

Todas as questões são levadas ao médico, inclusive uma denúncia grave: a de que ele realiza cirurgias estéticas sem a autorização do Conselho Federal de Medicina.

Indignados, os familiares de Natacha clamam por justiça. Todos têm a certeza que a jovem ainda estaria viva se não tivesse sido deixada sozinha no centro cirúrgico. Ela sofreu uma paralisia pulmonar, e como não foi socorrida imediatamente, o quadro evoluiu para uma parada cardiorrespiratória, causando uma grave lesão cerebral. Ela morreu dez dias depois da cirurgia estética.

A equipe de Roberto Cabrini também vai ao Paraná, e descobre que Pietro Petri é acusado por outras pacientes de imprudência e má prática médica, causando inclusive sequelas físicas e emocionais.

O Câmera Record vai ao ar às 23h. A apresentação é de Roberto Cabrini.

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code