Ad Code

discovery+ faz estreia global simultânea da nova série ''Amor na Selva''

EM SÉRIE INÉDITA, SOLTEIROS SE INSPIRAM NO REINO ANIMAL NA BUSCA PELO AMOR
Divulgação

A ciência explica o sucesso reprodutivo dos animais: cada uma das milhões de espécies desenvolveu suas próprias técnicas para encontrar parceiros, todas elas testadas e aprovadas pelo processo evolutivo. Seus rituais e espetáculos de acasalamento são diversos e eficientes. Essa eficácia instintiva levanta uma questão: acasalar, em vez de namorar, pode facilitar a busca pelo amor entre humanos?

AMOR NA SELVA (Love in The Jungle), série original do discovery+ que faz sua estreia global no domingo, 8 de maio, parte dessa pergunta e transporta a cena do namoro para o mundo da natureza selvagem. Quatorze solteiros, todos eles pessoas que não tiveram muita sorte nos relacionamentos, participam de rituais de acasalamento inspirados no reino animal – as interações com os parceiros em potencial acontecem com pouca ou nenhuma comunicação verbal. Para os participantes, essa é a chance de deixar aflorar o lado animal e aprimorar seus instintos na busca pelo amor verdadeiro.

Como se os ritos de acasalamento da sociedade moderna não fossem esquisitos o suficiente, AMOR NA SELVA acompanhará os participantes enquanto eles se esforçam para se conectar, se comunicar e flertar – tudo isso sem falar. Já na estreia, os perfis do discovery+ no Facebook, Twitter, Instagram, TikTok e YouTube trazem conteúdos exclusivos, como cenas dos bastidores e informações extra sobre os participantes de #LoveintheJungle.

EM SÉRIE INÉDITA, SOLTEIROS SE INSPIRAM NO REINO ANIMAL NA BUSCA PELO AMOR
Divulgação

Cada um dos solteiros se identifica com algum animal cujas características representam sua personalidade; depois, eles competirão em provas físicas dispostas em sete episódios semanais, todas elas com desafios inspirados nos rituais de acasalamento de diferentes espécies. O objetivo é um só: descobrir se eles conseguem identificar um parceiro apenas por meio da conexão física. Durante esse exercício e experimento, eles vão lutar como sapos territorialistas, se exibir como aves exóticas e berrar como primatas – tudo na esperança de encontrar o amor.

Filmado em uma reserva ecológica particular na Colômbia, AMOR NA SELVA é narrado como os documentários clássicos de história natural, oferecendo uma perspectiva observacional dos comportamentos dos humanos, como se esses mamíferos fossem vistos pela primeira vez na natureza.

Sem as distrações e complicações do namoro humano moderno, esses desiludidos conseguirão a tão sonhada chance do amor verdadeiro e duradouro? Ou abraçar seu lado selvagem enquanto renunciam à comunicação verbal apresentará mais problemas do que soluções?

AMOR NA SELVA é produzido para discovery+ pela Boat Rocker, através da Matador Content. A série tem como produtores executivos Todd Lubin e Sam Brown da parte da Matador Content, Jay Peterson da Boat Rocker Studios, Unscripted e Scott Jeffress. Para o discovery+, Gretchen Morning é a produtora executiva e Greg Wolf é o produtor coordenador.

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code