Ad Code

Sinfonia imperdível! Davi Campolongo mostra seu talento com piano e comenta momentos da novela ''Poliana Moça''

Divulgação Lourival Ribeiro/SBT

Davi Campolongo mostra que o jovem pode gostar sim de música clássica. O intérprete de Bento em ''Poliana Moça'' é o convidado do ''PoliCast'' desta terça-feira (30), com seu teclado musical, ele mostra seu talento com algumas trilhas sonoras, além de falar sobre seu personagem na novela e a convivência com sua irmã da vida real, Mari Campolongo, na trama. O episódio vai ao ar às 21h30, no canal da novela do YouTube e nas plataformas de áudio.

Bento é um menino generoso e amigável, mora com a sua tia, a diretora Ruth [Myrian Rios] e João [Igor Jansen], com quem considera um irmão. O garoto anda muito com Éric [Lucas Burgatti], rival de João, o que acaba provocando ciúmes no parente. Diferente de Éric, Bento é um garoto mais discreto e tranquilo, não gosta de se envolver em confusão. Apaixonado, o jovem só tem olhares para Kessya [Duda Pimenta], com quem lentamente vem se aproximando e se entregando para o amor. 

Em “Poliana Moça”, o personagem toca piano, talento que Davi Campolongo carrega há um tempo, quando estrelou um filme sobre o maestro João Carlos Martins e necessitou aprender a tocar o instrumento.

“Foi para o filme ‘João Maestro’ do maestro João Carlos Martins, que é um dos maiores pianistas da história do Brasil. Para mim ele é o maior intérprete de Bach, que é o maior compositor de todos os tempos, um maior gênio que a música já teve, ele tocava tudo e compunha para todos instrumentos, e o maestro gravou toda obra dele em CDs e eu tive a honra de interpretá-lo na infância”, alega Davi.

“O diretor Mauro Lima queria um ator que soubesse tocar um instrumento, que tivesse um contato com música e tivesse alguma noção, porque seria mais fácil para aprender piano - já que o repertório do filme eram três músicas de Bach, era o minueto famoso, outro minueto e uma invenção de Bach, e eu tive que tirar isso em duas semanas e foi um desafio bem grande”, pontua o convidado.

Na atração, o jovem ator leva um teclado musical para dar uma palinha de algumas trilhas sonoras. Em um determinado momento, ele executa a trilha de Bento e Kessya, composição de própria autoria. Campolongo revela quem ele se inspirou para criação da música:

“Essa música é composição minha, está na trilha da novela e está na trilha de Bento e Kessya. Essa música, na verdade, eu já tive uma situação parecida, eu fiz para uma garota que me apaixonei mesmo [...] Eu achei que tinha tudo a ver com a trilha de Bento e Kessya, porque essa relação do Bento e Kessya é mais tímida, é um respeito que eles têm um pelo outro, e é bem interessante que muita gente que tá em casa se identifica bastante com isso, eu recebo muitas mensagens de gente que acaba tendo essa paixão mais tímida, mais devagar, deixando o tempo levar”.

“É diferente do Éric, por exemplo, que é um cara mais descarado, já é um cara mais descolado. O Bento é um cara mais tímido, um romântico à moda antiga, está muito mais no olhar, no jeito que ele fala, e não muito nas ações, eu acho que é tudo mais devagar, aproveitando os detalhes”, pontua.

O convidado expõe um spoiler quentíssimo. A troca de olhares e afeto entre o seu personagem e de Duda Pimenta finalmente vai evoluir para um beijo: “Vai ter uma cena de competição de dança e no final vai ter uma beijoca”.

Mari Campolongo, intérprete de Chloe na trama, é irmã na vida real de Davi. Mesmo não contracenando muito juntos, o entrevistado fala como é a relação deles nos bastidores e o carinho que tem por ela.

“A Marizinha é meu chicletinho, eu a chamo de ‘chicletinho’,  é um termo que eu uso para ela [...] Ela é uma menina incrível, é legal que a gente tem essa troca, porque a gente está trabalhando na mesma novela, que é uma baita experiência, é uma honra está trabalhando com ela, eu passo o texto com ela, ela passa o texto comigo, a gente vai se ajudando dentro da novela, ela pergunta as coisas para mim, eu ajudo”.

“Teve uma cena que a gente tocou lá no pátio, que ela e o Pedro - quem faz é o Tavinho-, pediram ajuda do Bento, e foi superlegal essa cena, divertida. Contracenar com minha irmã é uma coisa que daqui 20 anos a gente vai estar no churrasquinho em família e falar: ‘nossa, Mari, lembra daquele dia de quando a gente trabalhava junto?”, finaliza Davi.

O podcast “Policast” vai ao ar toda terça, logo após a exibição da novela, no canal de Poliana Moça no YouTube e nas plataformas de áudio

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code