Home Top Ad

Especial Grandes Musicais ganha faixa própria na TV Brasil com shows históricos

Share:

Divulgação TV Brasil
A série Grandes Musicais, exibida como especial na faixa Verão Show em janeiro, passa a incorporar a programação de linha da TV Brasil a partir desta sexta (12), às 22h. Ao todo, a emissora pública apresenta 13 shows históricos preservados no acervo com imagens raras de grandes ícones. A primeira edição traz um show de Emílio Santiago em 1985.

A produção resgata apresentações com personalidades da música popular brasileira como Roberto Menescal, Wanda Sá, Neguinho da Beija Flor, Leny Andrade, Elza Soares, João Nogueira, Sandra de Sá, Moraes Moreira e o grupo Fundo de Quintal.

Com uma hora de duração, as performances foram gravadas pela TVE do Rio de Janeiro nos anos 1980 e 1990. Exibidas originalmente naquela época, os espetáculos estão preservados no acervo da emissora pública. A série Grandes Musicais combina sucessos do repertório com depoimentos dos artistas.

No ar pela TV Brasil às sextas, às 22h, a produção também tem horário alternativo aos sábados, às 18h30. As apresentações históricas fica disponíveis na íntegra no site http:// http://tvbrasil.ebc.com.br/grandesmusicais.

Emoção no show de Emílio Santiago em 1985

Na primeira edição da série Grandes Musicais, a TV Brasil recupera uma apresentação do cantor Emílio Santiago interpretando sucessos de vários compositores. Com sua voz inconfundível, o saudoso crooner emociona o público numa performance marcante.

Essa produção de 1985 foi dirigida pelo jornalista e compositor Fernando Lobo no programa musical Chão de Estrelas gravado no estúdio da antiga TVE/RJ. O espetáculo tem comentários da atriz Eloá Dias e do próprio Fernando Lobo.

No repertório, o artista entoa clássicos que cantou em sua trajetória como "Tudo é Brincadeira" (Jamil Jones), "Emoção" (Carlos Conceição), "Revelação" (Macau / Graça Matos), "Coragem Pra Se Separar" (Oberdan / Paulinho Tapajós), "A Tua Presença" (Angela Duran / Cesar Duran), "Helena, Helena, Helena" (Alberto Landi), "Feliz" (Tunai / Sérgio Natureza), "Um Homem Uma Mulher" (Ronaldo Barcelos / Pi), "Dois Corações" (Johnny Alf), "Ardume" (Carlos Conceição) e "Tá Na Hora" (Nelson Kaé / Jorge Aragão / Sobreira Batera).