Home Top Ad

VIVA - Destaques da programação de 15 a 21 de abril

Share:

Divulgação VIVA
Conheça os destaques da programação do Canal VIVA de 15 a 21 de abril.

Segunda-Feira, dia 15

Os Caras de Pau, 21h
Episódio 09

Os seguranças Pedrão e Jorginho estão agitando o VIVA em ‘Os Caras de Pau’. Sob o comando de Marcius Melhem e Leandro Hassum, a série narra em divertidas esquetes as aventuras de dois amigos atrapalhados que conseguem transformar qualquer situação do dia a dia em verdadeiras confusões.
O programa, que começou como um quadro no ‘Zorra Total’ e virou um especial de fim de ano na TV Globo em 2006 e em 2009, ganhou espaço na grade fixa do canal em 2010, com 3 temporadas no total. Com inspirações nas grandes duplas de humor como ‘O Gordo e o Magro’, ‘Jerry Lewis e Dean Martin’, ‘Didi e Dedé’ e ‘Abbott e Costello’, a série humorística conquistou prêmios nacionais e internacionais: o ‘Prêmio Extra de TV’, como Melhor Série, em 2010 e o ‘Montreux Comedy Awards’, na categoria Especial, em 2011.

Terça-Feira, dia 16

Malhação 2007, 13h
Capítulo 3092

Vivian (Fiorella Mattheis) fica irritada com o desenho que fizeram no quadro contra ela e briga com os alunos. Cecília (Maria Eduarda Machado) não aguenta ser hostilizada na escola e volta para casa. João (Java Mayan) consola André (Rômulo Neto). Marcela (Thaila Ayala) conta para os pais que terminou com André. Edu (Gabriel Wainer) e Francesca (Fernanda de Freitas) apresentam o vídeo sobre preconceito para os alunos. Adriano (Daniel Boaventura) chama Jaguar (Bruno Udovic) para falar e todos vaiam ele. Pedro fala para os alunos sobre ser vítima do preconceito. Cecília é demitida do emprego e chega em casa chorando. Os avós de Vivian percebem que ela não está arrependida do acidente e ficam arrasados. Edu convida Francesca para participar de outro vídeo, ela fica pensativa porque a gravação será na cachoeira. Começa a audiência e Vivian presta depoimento. 

Quarta-Feira, dia 17

Porto dos Milagres, 15h30
Capítulo 51

Rosa dá uma chave de pescoço no homem e com o punhal ameaçando-o manda que ele solte Adma, que está desacordada. Félix olha de longe Guma sendo aclamado como o rei do mar. Alexandre leva flores para Lívia e pede que eles sejam ao menos amigos. Rodrigo examina Epifânia e conclui que ela está com estresse. Genésia e Socorrinho culpam-se mutuamente. Rosa coloca Adma no banco do carona e leva-a para a cidade. Socorrinho e Genésia fazem uma trégua. Leontina percebe o interesse de Lívia por Guma. Rita tenta convencer Rufino a aceitar Selma de volta. Esmeralda arma novo plano para seduzir Guma. Babau vê de longe, mas reconhece Rosa Palmeirão. Félix é avisado que Adma chegou em casa desmaiada trazida por uma mulher. Jacques quer desistir de ir buscar o contrabando, mas Eriberto tenta-o com o dinheiro. Amapola desmaia ao dar de cara com Rosa. 

Quinta-Feira, dia 18

Pé na Cova, 21h
Episódio 15

O público acompanha no VIVA o dia a dia da excêntrica e divertida família Pereira em ‘Pé na Cova’. Com elenco de peso - Miguel Falabella, Marília Pêra, Luma Costa, Daniel Torres, Lorena Comparato e Mart'nália, entre outros -, a primeira temporada da série de humor conta com 22 episódios.

Na trama, a família de Ruço, interpretado por Miguel, vive no subúrbio do Rio de Janeiro e ganha seu sustento com a morte dos outros. Eles são donos da Funerária Unidos do Irajá, conhecida como F.U.I.  “A morte é o nosso negócio. A sua tristeza é a nossa alegria”, é o slogan do estabelecimento. Como o grande patriarca, ele vive articulando para ganhar mais dinheiro. É casado com Darlene (Marília Pera), alcoólatra que trabalha na empresa da família como maquiadora de defuntos. Mas essa união é só no papel, pois apesar de não serem mais um casal, não se separam oficialmente e vivem sob o mesmo teto.

A confusão está garantida quando o dono da F.U.I. começa a namorar Abigail (Lorena Comparato), que é trinta anos mais jovem, e leva a moça para morar com toda sua família. Odete Roitman (Luma Costa) e Alessanderson (Daniel Torres) são os filhos de Ruço e Darlene. A mais velha ganhou esse nome pela admiração que os pais tinham pela personagem de Beatriz Segall em Vale Tudo (1989). Odete faz strip-tease na internet e contribui com as despesas da casa com seu desempenho erótico. A beldade namora Tamanco (Mart’nália), a borracheira homossexual do bairro. Já Alessanderson é iletrado, mas quer ser vereador e faz de tudo para angariar votos. Fala como se estivesse discursando em um palanque e inventou a bolsa-funerária para conquistar o eleitorado do Irajá.

Entre muitas confusões, brigas e demonstrações de carinho e amor, os ‘Pereira’ lidam com a vida e as dificuldades com muito bom humor. Apesar da atividade mórbida e dos vizinhos e agregados esquisitos, os laços são fortes e é isso que torna essa família tão especial.

Sexta-Feira, dia 19

Estrela-Guia, 11h45
Capítulo 10

“Estrela-Guia” contrapõe os avanços tecnológicos e científicos da sociedade moderna aos valores espirituais de uma comunidade alternativa, propondo uma conciliação das duas culturas para a construção de um mundo melhor. Dividida em duas fases, a trama se inicia no início dos anos 80, com os amigos yuppies Tony e Paulo Roberto (Marcos Winter) como estagiários em uma corretora financeira.

Já cansado da correria do Rio de Janeiro e do estresse na Bolsa de Valores, Bob abandona tudo e viaja para os Estados Unidos, onde conhece Catherine (Maitê Proença) em uma comunidade alternativa da Califórnia. Com a ajuda do amigo Purunam (Nelson Xavier), o casal retorna ao Brasil e funda a comunidade Arco da Aliança nas terras da Fazenda Jagatah, no interior de Goiás, adotando os nomes de Hanuman e Kalinda. É nesse novo lar que os jovens apaixonados têm Cristal (Sandy), sua única filha. Ainda quando criança, seu mapa astral revela que seu destino está ligado a Tony, amigo de infância de seu pai, e que juntos têm uma missão a cumprir na vida. Por isso, ao completar 2 anos, Cristal é batizada por Tony.

A fictícia comunidade Arco da Aliança abriga diversos personagens, como a radical Su-Sukham (Mônica Torres), sua filha Sukhi (Fernanda Rodrigues) – que sonha em ir para a cidade grande e virar uma estrela – e o forasteiro Santiago (Sérgio Marone), personagem com poderes paranormais. A comunidade hippie tem como filosofia de vida a união de forças em torno de ideais como a busca da paz, a preservação da vida, a celebração da amizade, do amor e da fraternidade.

É a ambiciosa Daphne Aroeira (Lilia Cabral), mulher de Alaor (Sérgio Mamberti), rico fazendeiro e dono da Fazenda da Rainha, vizinha às terras de Jagatah, a responsável por abalar a harmonia do lugar. Daphne não hesita em usar o próprio filho Carlos Charles (Rodrigo Santoro) para seduzir Cristal (Sandy) e convencê-la a vender a propriedade. Carlos Charles é o típico jovem mau-caráter que se vale da impunidade para envolver-se em confusões. Assim como sua mãe, ele está de olho na fortuna da jovem, e aceita participar de suas armações, mas é Gisela (Thaís Fersoza), filha de Vanessa (Carolina Ferraz), quem se apaixona pelo rapaz. Daphne também conta com a cumplicidade do empregado Ignácio (Floriano Peixoto) para atingir seus objetivos.

A trama ganha outra direção quando, 15 anos depois, Kalinda e Hanuman morrem em um acidente suspeito e Tony é nomeado tutor da afilhada. Já era intenção da mãe que Cristal vivesse na cidade grande para aprender novas formas de preservar a filosofia da comunidade, que se fechou em suas crenças, mas a menina sempre teve medo de encarar a mudança. A morte dos pais a obriga a ir morar com o padrinho no Rio, a quem ela não via desde menina.

Tony namora a fútil socialite Vanessa (Carolina Ferraz) e tem um filho, Daniel (Netinho Alves), com a artista plástica Dominique (Ana Carbatti), com quem mantém uma relação amigável. Com a convivência, Cristal e Tony descobrem-se apaixonados, mas a concretização do relacionamento enfrenta obstáculos: a hesitação do padrinho em assumir esse amor e se envolver com a afilhada e a rivalidade de Vanessa, que conta com o apoio da esnobe e preconceituosa Carlota (Rosamaria Murtinho), mãe de Tony, para separar o casal.
 
Cristal encontra dificuldades para se adaptar à cidade grande e sua nova rotina. Seus companheiros de Arco da Aliança transferem parte da comunidade para Vargem Grande, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, para ficar mais perto de sua estrela-guia, como Cristal é conhecida pelo povo de Jagatah, e dar suporte a ela nessa fase de muitas mudanças.

Sábado, dia 20

Terra Nostra, 14h30

Tiziu conta a Francesco e Marco Antonio ter visto Matheo rondando a casa antes de Juliana fugir. Rosana não quer cuidar do filho, e a criança não para de berrar. Gumercindo se irrita com o choro do bebê e manda Maria do Socorro cuidar da criança. Ao mesmo tempo Angélica também resolve se levantar e cuidar do bebê. No quarto de Rosana, Maria do Socorro diz que se Rosana não cuidar do filho, pedirá a Gumercindo que o leve embora. Rosana se assusta e pergunta à mãe se ela faria isso mesmo. Maria do Socorro confirma. Marco Antonio resolve ir até a fazenda de Gumercindo procurar Juliana. Está certo de que ela está lá com Matheo. Damião diz a Tiziu que não fique com a consciência pesada por ter contado a Francesco que Matheo esteve rondando a casa. Tiziu diz que gostaria de descobrir uma maneira de ajudar Matheo e Juliana. Mariana diz a Francesco que Juliana pode ter descoberto que a criança não era seu filho verdadeiro, e por isso saído de casa. Francesco se surpreende por Mariana saber a verdade e Marco Antonio lhe diz que contou a Mariana. Matheo sai à procura de trabalho. Rosana finalmente dá a mamadeira ao filho. Janete chega de viagem sem ter avisado. Todos na casa se surpreendem. Janete pede a Mariana que conte as novidades. Mariana conta que Juliana fugiu da casa, e que está grávida. Janete se assusta com as notícias. Francesco e Marco Antonio chegam à fazenda de Gumercindo. Marco Antonio diz a Gumercindo que sabe que Juliana está lá. Gumercindo diz a Marco Antonio que este está redondamente enganado, pois Matheo também foi embora da fazenda, e que já imaginava que Juliana houvesse fugido também. Rosana vai até a sala conhecer Francesco e Marco Antonio. Gumercindo pede que saia, mas Rosana diz que o assunto lhe interessa e fica. Marco Antonio diz que vai matar Matheo e Juliana, depois diz que só falou porque está transtornado. Francesco e Marco Antonio perdem o horário do trem para São Paulo e têm que passar a noite na fazenda. Angélica diz que achou Marco Antonio um homem interessante, e que Juliana não deixou nenhuma porcaria para trás. Leonora diz que Matheo também não deixou nenhuma porcaria. Matheo não arruma emprego. Durante o jantar na casa de Gumercindo, Leonora cita uma frase de Matheo e constrange a todos. Francesco se diverte com a frase.

Domingo, dia 21

Maratona O Cravo e a Rosa, A partir das 19h
Capítulos 19 a 24

Julião Petruchio é dono da fazenda Santa Clara, onde fabrica queijos para vender na cidade. Ele herdou a propriedade do pai em condições precárias, e luta para mantê-la funcionando, apesar de seu trabalho duro mal dar para saldar suas dívidas. Catarina, por sua vez, é uma jovem muito temperamental, conhecida por botar todos os pretendentes para correr. Rica, bem-educada e afinada com a causa do feminismo, que começa a ganhar repercussão na sociedade paulistana, ela está convencida de que homem nenhum presta, e diz que nunca se casará. 

Na fazenda de Petruchio também vivem Calixto (Pedro Paulo Rangel), antigo criado da casa, que é como um pai para o fazendeiro; Neca (Ana Lúcia Torre), uma criada esforçada, sempre às turras com Calixto; e Lindinha (Vanessa Gerbelli), sobrinha de Calixto, moça bonita e sem estudo, criada desde pequena na fazenda. Ela é apaixonada por Petruchio, que a trata como irmã. Para conquistá-lo, Lindinha é capaz de qualquer golpe baixo. A jovem é o amor da vida de Januário (Taumaturgo Ferreira), um caipira ingênuo e de bom caráter, cuja única companhia é uma porquinha de estimação a quem ele trata como filha. Lindinha o humilha sempre que possível. 

Apelidada pelos rapazes de “Fera”, Catarina é a filha mais velha do banqueiro Nicanor Batista (Luís Melo), que está sempre à procura de pretendentes para ela – que os despreza. Moça com ideias feministas, luta pela causa ao lado de suas amigas Lourdes (Carla Daniel) e Bárbara (Virginia Cavendish). Quem mais sofre com a atitude de Catarina é sua irmã mais nova, Bianca (Leandra Leal), menina meiga e romântica que sonha em encontrar um grande amor. Para seu azar, seu pai é um conservador que só consente que ela se case depois que Catarina o faça. 

Apesar de opostos um do outro, Petruchio é convencido - pela má influência de seu tio Cornélio Valente (Ney Latorraca) e sua esposa, a dissimulada e ambiciosa Dinorá (Maria Padilha) - de que casar com Catarina acabaria com seus problemas financeiros. É então que o caipira começa a cortejá-la, fingindo ser submisso e pateta, e deixando que ela o manipule à vontade. Após muita resistência e alguns embates, ela aceita se casar com ele para se livrar da pressão do pai. A vida de casado, porém, é um inferno, já que os dois são extremamente geniosos. No entanto, com o tempo, ela começa a perceber as qualidades do marido e se apaixona por ele, que também se apaixona por ela, mas nenhum dos dois dá o braço a torcer. É nessa briga de cão e gato que a comédia está garantida.

Mesmo depois de casado, Petruchio não consegue resgatar a dívida com o agiota Joaquim de Almeida Leal (Carlos Vereza). Fazendeiro poderoso, ele tem ódio de Petruchio, a quem considera culpado pela perdição de Muriel (Drica Moraes), sua única filha. No passado, ela se apaixonou pelo fabricante de queijos, mas foi rejeitada e sofreu muito. O pai a enviou para estudar na Suíça, onde ela se perdeu e seguiu uma vida libertina. Como vingança, Joaquim passa a pressionar Petruchio para que ele lhe entregue a fazenda. 

A novela toma outro rumo com a volta de Muriel, que agora atende pelo nome de Marcela. Ela chega da Europa acompanhada pelo fiel escudeiro Ezequiel (Déo Garcez), disposta a conquistar Petruchio. Quando fica sabendo do seu casamento com Catarina, Marcela seduz Batista por interesse, e o usa para destruir a vida da rival. 

Mesmo com várias armadilhas armadas por Marcela e Lindinha (que fazem tudo para separá-los), com as ameaças de Joaquim e com as inúmeras brigas ocasionadas pelos seus temperamentos explosivos, Petruchio e Catarina finalmente se entendem e admitem que se amam. Catarina descobre que está grávida, e os dois ficam ainda mais felizes. A má notícia do casamento de Batista com Marcela parece trazer uma vantagem para o casal: o banqueiro pretende entregar à filha várias apólices do seu banco, o que a tornará rica e a ajudará a melhorar sua vida com Petruchio. As apólices, entretanto, desaparecem misteriosamente do cofre do pai durante a festa do casamento. A verdade sobre o roubo das apólices só aparece no capítulo final. Petruchio reúne todos os que estavam presentes no dia do crime e pressiona-os até chegar à verdade.