Home Top Ad

Bianca Senna é a entrevistada de Roseann Kennedy no Impressões da TV Brasil

Share:

Divulgação TV Brasil
No marco dos 25 anos de morte de Ayrton Senna, neste mês de maio, a sobrinha do piloto, Bianca Senna, é a entrevistada do programa Impressões que vai ao ar terça-feira (28), na TV Brasil. A diretora do Instituto Ayrton Senna destacou o trabalho que a família tem feito para levar um sonho dele adiante: “mudar o mundo pela educação”.

Segundo Bianca Senna, o objetivo não é substituir as ações de Governo, mas unir esforços de toda a população. “A gente precisa de muita gente pra mudar. Não temos a pretensão de virar um MEC (Ministério da Educação). O papel do Instituto é trazer o melhor da ciência, da tecnologia, da inovação, pra dentro da escola, pra ajudar no desenvolvimento das crianças e dos jovens. É isso que a gente vai continuar fazendo sempre”, disse ela à jornalista Roseann Kennedy.

Bianca conta que, em 25 anos de atuação, o Instituto Ayrton Senna levou educação a mais de 26 milhões de crianças e adolescentes em todo o país e formou mais de 230 mil educadores. Neste mês, lançou mais uma fase da campanha Meu Educador Meu Ídolo, que foca na valorização dos professores. “Ayrton é um ícone pra todos nós e a gente gostaria que as pessoas começassem a entender que o professor deveria também ser nosso ídolo”, explicou.

Sobre o futuro ela é otimista. Avalia que nos próximos 25 anos, na educação, “o Brasil será melhor, com mais equidade e mais potencial, com mais futuro”.

Na entrevista à TV Brasil, Bianca Senna também fala do convívio com o tio Ayrton, destaca as lições de vida que o piloto deixou e conclui que, se ele estivesse vivo, estaria muito feliz e orgulhoso com o trabalho do Instituto. A diretora finaliza com um conselho: “acelera na vida em descobrir o que você é, o que você gosta, no que você é bom e corre atrás”.