Home Top Ad

ESPN garante os direitos da Liga Americana de Futebol Feminino

Share:

Divulgação ESPN
A ESPN chegou a um acordo global e multimídia com a Liga Nacional de Futebol Feminino dos Estados Unidos (NWSL), considerada a principal competição da modalidade no mundo, e que tem entre as estrelas em campo a craque brasileira Marta, seis vezes eleita pela FIFA a melhor jogadora do mundo. 
 
O acordo para a exibição exclusiva do torneio no Brasil é mais um investimento da ESPN em competições femininas, um dos pilares da programação do canal ESPN Extra. Com a novidade, a ESPN amplia seu o portfólio de esportes femininos que já conta com a transmissão da WNBA e LBF no basquete, US Open e Australian Open no tênis, além da exibição da final da Champions League feminina e também das etapas da WSL, no surfe feminino.
 
"Este é um passo importante para a NWSL fortalecer o alcance da Liga por meio da rede internacional da ESPN", disse a presidente da NWSL, Amanda Duffy. “Nossa parceria com a ESPN já trouxe a competição de classe mundial da NWSL para mais casas e para mais fãs aqui nos Estados Unidos. Expandir a distribuição da rede internacional continuará a elevar o perfil e a visibilidade da Liga em todo o mundo”, completa.
 
Além de Marta, que atua no Orlando Pride e detém o recorde de gols em Copas do Mundo (17), outras grandes estrelas do futebol mundial disputam a competição: as campeãs mundiais pelos EUA na Copa do Mundo da França, Alex Morgan (Orlando Pride) e Megan Rapinoe (Reign FC), a capitã canadense Christine Sinclair (joga no Portland Thorns), que marcou em cinco edições diferentes da Copa do Mundo e a australiana Sam Kerr (Chicago Red Stars), indicada ao prêmio de melhor jogadora do mundo em 2019.
 
"A Liga Nacional de Futebol Feminino abriga muitas das principais jogadoras do mundo e, como marca, a ESPN lidera o fornecimento de conteúdo de futebol de classe mundial para fãs de todo o mundo", disse Scott Guglielmino, vice-presidente sênior de programação e Aquisições da ESPN nos Estados Unidos. "Estamos entusiasmados por poder aproveitar o alcance global da ESPN para trazer as partidas regulares da temporada e do playoff da NWSL para o público de futebol de todo o mundo".