Home Top Ad

Sem Censura abre espaço para estreia do documentário "Luthiers"

Share:

Divulgação TV Brasil
A estreia do documentário “Luthiers - mãos que soam a vida” na TV Brasil pauta o Sem Censura exibido ao vivo às 17h, nesta sexta-feira (16). O luthier (profissional na arte de consertar e construir instrumentos de cordas) Andrea Spada e o contrabaixista Leonardo Uzeda, que participam do primeiro episódio da trilogia, estão entre os convidados do programa.

Andrea Spada conversa com a apresentadora Vera Barroso e a jornalista Tâmara Freire sobre seu ofício especializado na construção e no reparo de instrumentos de cordas com caixa de ressonância. Isto inclui o violão, violinos, violas, violoncelos, contrabaixos, violas da gamba e todo tipo de guitarras, alaúdes e bandolins.

No documentário “Luthiers - mãos que soam a vida”, que estreia sábado (17), Andrea explica como começou a prática dos luthiers, as técnicas adaptadas para os dias de hoje, a importância da escolha da madeira e a relação com os donos dos instrumentos.

Já o contrabaixista Leonardo Uzeda faz, durante o Sem Censura, uma apresentação mostrando toda a arte do instrumento de cordas. Em “Luthiers”, Leonardo revela como se dá a relação entre músico, luthier e instrumento.

Ainda no programa desta sexta, a educadora e filósofa Tânia Zagury fala de se novo livro infantil “O bolinho que andava”. A obra aborda, de forma lúdica e divertida, a ideia de que, assim como o bolo de aniversário tem a função de servir ao aniversariante e aos convidados em festas, cada um de nós tem a sua função no mundo.

Miguel Azevedo, gestor de projetos sociais do Viva Rio, também está no bate-papo do programa. Ele conta sobre a plataforma de ensino à distância para o público de baixa renda, criada com o objetivo de capacitar jovens em situação de vulnerabilidade.