Home Top Ad

Partituras deste domingo tem concerto da Orquestra de Sopros da UFRJ

Share:

Divulgação TV Brasil
Neste domingo (29) a TV Brasil exibe, às 12h30, o programa Partituras com recital da Orquestra de Sopros da UFRJ. Regido pelo maestro Marcelo Jardim, o concerto tem obras de compositores brasileiros e estrangeiros, como Yosuke Fukuda, Francisco Mignone, Murillo Santos e José Ursicino da Silva (Mestre Duda).

Uma das surpresas do recital é a execução do que é considerado o primeiro jingle do Brasil. O músico Everson Moraes realizou, junto com o grupo de choro "Os Matutos", uma pesquisa em antigas fazendas de café no interior fluminense, de onde resgataram diversas partituras de polcas, tangos brasileiros, maxixes, entre outros gêneros.

Em uma fazenda do município de Trajano de Morais, encontraram a escritura do jingle do “Formicida Guanabara”, de aproximadamente 130 anos. Enrico Borgognino criou uma polca de pouco mais de três minutos com o nome do veneno e sua partitura foi impressa na Folha Nova de 19 de agosto de 1883. Era a primeira vez que surgia um bordão, com as palavras registradas sobre as notas para serem cantadas.

Na época da economia cafeeira, os fazendeiros do interior do estado do Rio de Janeiro iam até a capital comprar formicidas para suas plantações e nessas compras ganhavam partituras. Muitas fazendas possuíam pianos e realizavam festas, onde tocava-se muitas músicas, incluindo as dos formicidas, lançando assim os primeiros jingles brasileiros.

A utilização do oficleide, instrumento de sopro de origem francesa que caiu em desuso há mais de um século, é outra surpresa do programa. O músico Everson Moraes adquiriu um oficleide na França, reformou e começou a estudar repertórios. Ele executa o solo com o instrumento em dois momentos do recital: no 3° movimento da Suíte Marajoara (Festa do Círio de Nazaré - Valsa) e no "Formicida Guanabara".