Home Top Ad

A guitarra de Victor Biglione marca presença no Cena Instrumental, da TV Brasil

Share:

Divulgação TV Brasil
Na terça-feira (10), às 22h30, uma edição inédita do programa Cena Instrumental recebe o virtuose da guitarrista Victor Biglione, nos estúdios da TV Brasil. Além do papo descontraído com a jornalista Bia Aparecida sobre seu estilo, Biglione interpreta músicas que marcaram sua carreira, acompanhado por Fábio Cezanne (bateria) e Jorge Pescara (contrabaixo).

Com 40 anos de trajetória artística, o arranjador, compositor e guitarrista nasceu em Buenos Aires – no país errado, segundo o próprio – e se mudou para o Brasil aos seis anos.  Já tocou nos maiores festivais de jazz do mundo e não prende sua música a rótulos. Ele é do blues, do samba, da bossa, e do rock. Mas deixa claro que o seu jeito de ser é rock'n'roll.

"Não me prendo a gêneros. Eu me importo em fazer música boa. Se a música é boa, tô", declara. "Minha música tem liberdade, toco todos gêneros, mas eu modo de viver é rock'n'rollzado."

O repertório do músico no programa inclui "People Make the World Go Round" (The Stylistics), "Fotografia" (Tom Jobim), "Povo" (Freddie Hubbard), "Água de Beber" (Tom Jobim), "Take Five" (Paul Desmond), "Abraço no Bonfá" (João Gilberto) e "Por Uma Cabeça" (Carlos Gardel e Alfredo Lepera).

Victor tem dois Grammys na discografia e parcerias com Wagner Tiso e Andy Summers, do The Police.  Fez parte do grupo A Cor do Som, gravou com muitos dos nomes mais importantes da MPB e sua música já o levou a 23 países.

Celebrada e admirada no mundo inteiro, a música instrumental brasileira ganha uma janela para o público com o Cena Instrumental, apresentado na TV Brasil pela jornalista e cantora Bia Aparecida.

Jazz, rock, blues, regional, frevo, baião, choro e baladas são algumas das sonoridades executadas com liberdade e improviso pelos convidados: instrumentistas consagrados e artistas da nova geração que já se destacam no cenário musical.