Home Top Ad

Recordar é TV homenageia Nelson Pereira dos Santos

Share:

Divulgação TV Brasil
Em tributo ao diretor de cinema Nelson Pereira dos Santos, a TV Brasil resgata uma entrevista do cineasta ao programa "Os mágicos" da TV Educativa do Rio de Janeiro em 1979. O conteúdo preservado no acervo da emissora pública vai ao ar no Recordar é TV deste sábado (8), às 20h.

Mentor do Cinema Novo, o diretor era um visionário. Nelson Pereira do Santos é referência para diversas gerações de cineastas. A obra dele trouxe para o debate popular uma geografia humana até então excluída das telas. O cinema do saudoso diretor é, antes de tudo, uma prática coletiva e uma forma de entender o que torna o brasileiro um povo único e original.

Nessa homenagem, a TV Brasil reverencia o mestre da sétima arte ao recuperar a entrevista do jornalista Araken Távora com o diretor sobre as adaptações que ele fez da literatura para as telonas. Ele também explica como é o seu método de trabalho e comenta o processo para realizar obras como o clássico "Vidas Secas" (1963).

Durante a conversa, o convidado ainda revela suas influências artísticas. Nelson Pereira dos Santos cita o diretor de cinema Roberto Rossellini e destaca a importância do movimento cultural do neo-realismo italiano.

Nascido em São Paulo, em 22 de outubro de 1928, Nelson Pereira dos Santos faleceu em 2018, no Rio de Janeiro, aos 89 anos.

Filmografia do diretor

Primeiro cineasta brasileiro a se tornar membro da Academia Brasileira de Letra (ABL), Nelson Pereira dos Santos realizou produções que ficaram para a história da sétima arte no país. São longas considerados marcos para o cinema nacional.

Com mais de 20 filmes, alguns dos principais foram "Rio 40 Graus" (1955), "Rio Zona Norte" (1957), "Mandacaru Vermelho" (1961), "Como era gostoso o meu Francês" (1971), "Tenda dos Milagres" (1977), "Memórias do Cárcere" (1984) e "A Terceira Margem do Rio" (1994).

Baseada na obra homônima de Graciliano Ramos, o drama "Vidas Secas" (1963) é reconhecido como a obra-prima da filmografia de Nelson Pereira dos Santos e um dos filmes brasileiros mais premiados em todos os tempos.