Home Top Ad

UFC Docs: terceira temporada de Viver Para Lutar chega à plataforma

Share:

Divulgação
Produzida pela Mixer Films em parceria com o UFC® e o Combate, a terceira temporada da série documental “Viver para Lutar” chega ao UFC Docs. Os episódios, que foram ao ar em novembro no Canal Combate, estarão disponíveis de forma gratuita na plataforma a partir desta segunda-feira, 10 de fevereiro. Para assistir, o fã só precisa acessar o site https://www.ufcdocs.com.br/ e realizar seu cadastro na plataforma.

Na série, o ex-campeão peso-pesado e hall da fama do UFC Rodrigo “Minotauro” Nogueira investiga o passado e o futuro das artes marciais. A cada episódio, ele visita grandes mestres e treina com lutadores uma modalidade diferente. Nos seis capítulos da terceira temporada, Minotauro passa por Grécia (Pankration), Emirados Árabes Unidos (Jiu-Jitsu), Coreia (Hapkido), Indonésia (Pencak Silat), França (Savate) e Havaí (Kajukenbô).

Lançado em novembro de 2019, o UFC Docs é uma plataforma que reúne todo o conteúdo audiovisual produzido pelo Canal Combate e produtoras nacionais em parceria com o UFC Brasil. Ao todo, mais de 70 horas de material, divididas em mais de 100 episódios de 16 títulos diferentes estão disponibilizadas de forma gratuita pelo site.

Confira as sinopses dos episódios:

Grécia: Pankration

Luta praticamente sem regras, o Pankration era um dos eventos mais populares das Olimpíadas da Antiguidade e reunia os principais guerreiros dos exércitos gregos. Rodrigo Minotauro segue as pistas das pinturas e textos antigos e visita em Olympia o lugar onde aconteciam essas disputas. Ele também encontra os lutadores que fizeram o resgate das técnicas antigas e praticam a versão moderna do Pankration.

Emirados Árabes: Brazilian Jiu-Jitsu

Há alguns anos, o Jiu-Jitsu brasileiro caiu nas graças da família real dos Emirados Árabes Unidos, que fez dessa arte marcial o esporte oficial no Exército e nas escolas públicas. Rodrigo Minotauro reencontra brasileiros, amigos de tatame, que hoje são professores em academias e escolas de Dubai e Abu Dhabi e mostram como os Emirados se tornaram referência em Jiu-Jitsu brasileiro.

França: Savate

Mais conhecido como “boxe francês”, o Savate nasceu nas brigas de rua de centros urbanos no norte e no sul da França. Neste episódio, Rodrigo Minotauro vai conhecer as origens do Savate nas academias do porto de Marselha. E depois treina com alguns dos atuais medalhistas da modalidade nas academias de Paris. Vai desvendar as técnicas que dão a agilidade e a precisão característicos dessa arte marcial.

Indonésia: Pencak Silat

O Pencak Silat fez este ano sua estréia nos Asian Games, os jogos olímpicos da Ásia. Luta tradicional de povos indígenas do sudeste asiático, o Silat é praticado em países como Malásia, Filipinas, Tailândia e é a principal arte marcial da Indonésia. E assim como o Kung Fu, na China, o Pencak Silat abarca inúmeros de estilos de luta que variam conforme a região, a religião e até a tradição familiar. A viagem de Rodrigo Minotauro se concentra na ilha de Bali, onde ele vai conhecer a história e a tradição de alguns dos principais mestres e praticantes dessa luta.

Coreia: Hapkido

Praticantes de Hapkidô podem se considerar privilegiados no universo da luta, pela variedade das técnicas que compõem a prática. Desde poderosos chutes voadores, socos, projeções, até uma infinidade de tipos de torções. Rodrigo Minotauro vai a Seul encontrar os mestres que aplicam a tradição da origem militar no ensino contemporâneo do Hapkidô. E sai da zona de conforto para se juntar a um grupo de atletas em treinamento intensivo nas montanhas do norte da Coréia.

Havaí: Kajukenbo

Nos anos 40, no Havaí, cinco mestres de diferentes nacionalidades e artes marciais fundaram a “Black Belt Society”. Eles moravam em um distrito violento da ilha de Oahu e decidiram treinar juntos e trocar conhecimento das diferentes técnicas para aprimorar a defesa pessoal. Dessa união surgiu uma arte marcial mista, chamada Kajukenbo – com técnicas do Karate, do Jujitsu e do Judo, do Kenpo e do Boxe. Rodrigo Minotauro vai à procura dos herdeiros da “Black Belt Society” no distrito de Palama, em Oahu. O objetivo é entender como se dá essa combinação de artes marciais que tem se tornado cada vez mais popular nos Estados Unidos.