Home Top Ad

'Esporte Espetacular' mostra esporte que serve de exemplo na luta contra a violência de gênero

Share:

Divulgação Globo
Bons exemplos no esporte estão servindo como modelo na luta contra a violência de gênero. No ‘Esporte Espetacular’ deste domingo, dia 23, uma reportagem especial conta que clubes de futebol da Argentina estão incluindo no contrato dos jogadores uma cláusula de rescisão unilateral em caso de violência contra a mulher. Nos últimos seis anos, 14 jogadores do país foram denunciados, entre eles Centurión e Cristaldo, que jogaram no futebol brasileiro. A reportagem mostra a reação das equipes e como o River Plate determinou que 20% dos candidatos à sua mesa diretiva devem ser mulheres. O repórter Raphael Sibilla entrevista Mercedes Palazzo, integrante da torcida Feminismo Xeneize do Boca Juniors, que trabalha com outras torcedoras para implementar protocolos contra a violência de gênero no clube. 
 
O segundo episódio da série ‘Fórmula 1 – 70 anos’ mostra como foi a estreia do Emerson Fittipaldi na categoria, em 1970. Jochen Rindt, seu companheiro de equipe, liderava o campeonato, mas sofreu um acidente e morreu durante os treinos para o GP de Monza. No penúltimo GP da temporada, em Watkins Glen, nos Estados Unidos, Emerson venceu pela primeira vez na F1, resultado que deu o título póstumo a Rindt. 
 
Após a primeira parte do ‘Esporte Espetacular’, a TV Globo transmite a Corrida do Milhão da Stock Car, direto de Interlagos. Este ano, a solidariedade já é a vencedora da prova: a premiação será revertida em doações para entidades assistenciais e de combate à pandemia de coronavírus. Sergio Mauricio comanda a transmissão ao lado do comentarista Luciano Burti. No autódromo, Filipe Cury acompanha todos os detalhes da etapa, que será a segunda do fim de semana em São Paulo. A primeira acontece no sábado, às 11h, com transmissão do SporTV2.
 
O 'Esporte Espetacular' deste domingo começa depois do 'Auto Esporte'.


Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.