Home Top Ad

Sem Censura aborda assuntos relacionado à saúde nesta quarta na TV Brasil

Share:

Divulgação TV Brasil
O programa Sem Censura debate temas associados à saúde no bate-papo via Skype com o psicólogo Rafael Jucá e com o médico Edmar Maciel nesta quarta (12), ao vivo, às 14h, na TV Brasil. Os entrevistados comentam com o apresentador Dylan Araújo sobre transtornos de ansiedade e estudos para usar pele de tilápia no tratamento de queimaduras.

O psicoterapeuta Rafael Jucá explica diversos males que afetam a saúde da população como a ansiedade, em especial nesse momento em que a sociedade passa com a pandemia do novo coronavírus e a necessidade de se manter o isolamento social. O psicólogo fala sobre a importância de se identificar o que é normal e aceitável e o que é patológico nessa condição.

Ainda nessa edição, o programa da emissora pública destaca um estudo brasileiro que é pioneiro na pesquisa sobre a utilização da pele de tilápia pode cicatrização de queimaduras, técnica que pode ajudar as vítimas da recente explosão no Líbano.

Especialista no assunto, o cirurgião plástico Edmar Maciel participa do programa Sem Censura. O médico conta que desenvolve técnicas de aplicação da pele do peixe em pacientes com lesões há pelo menos seis anos. Atualmente, ele preside o Instituto de Apoio ao Queimado (IAQ).

Segundo Edmar, pesquisadores da Universidade Federal do Ceará se mobilizaram para ajudar as pessoas prejudicadas com a tragédia que deixou 4 mil feridos e mais 100 mortos após uma explosão no porto de Beirute, capital do país árabe.

Os cientistas desenvolvem uma análise inédita sobre uso de pele de tilápia para tratar queimaduras. Eles ofereceram a doação de mais de 40 mil cm² de pele de seu estoque para os cuidados necessários com as vítimas libanesas.

A pele de tilápia age como um curativo para queimaduras de 2º e 3º grau. De acordo com o médico, esse uso acelera o processo de cicatrização além de diminuir a dor do paciente. Por enquanto, mais de 350 pessoas já foram beneficiadas com o procedimento só no Brasil.


Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.