Home Top Ad

Canal Brasil - Filmes em destaque na programação de 07 a 13 de setembro

Share:

Divulgação Canal Brasil
Conheça os filmes em destaque na programação do Canal Brasil de 07 a 13 de setembro.

SEGUNDA-FEIRA, 07 DE SETEMBRO

Mussum – Um Filme Do Cacildis (2019) (75’)
Horário: Segunda, 07/09, às 19h45
Classificação: 10 anos
Direção: Susanna Lira

Sinopse: O filme promove um mergulho na biografia do comediante Antonio Carlos Bernardes, o Mussum, a partir de uma vasta recuperação de imagens de arquivo, entrevistas dadas pelo próprio protagonista e depoimentos de quem conviveu com o querido trapalhão. Indo além da verve artística do protagonista, o documentário dedica uma parte relevante do seu roteiro a dissecar a vida pessoal de Mussum. Seus filhos – todos oriundos de diferentes relacionamentos – falam sobre a convivência familiar e desmistificam a diferença entre o personagem e a pessoa. O guião dedica ainda um momento para mostrar como Antonio Carlos refutava o racismo da época. Os depoimentos de Renato Aragão e Dedé Santana reforçam a importância do trabalho do comediante e lembram com saudade os momentos de convivência ao seu lado.

TERÇA-FEIRA, 08 DE SETEMBRO

Chicuarotes (2019)(95’)
[Estrangeiro Film Festival]  
Horário: Terça, 08/09, às 22h
Classificação: 16 anos
Direção: Gael García Bernal

Sinopse: Cagalera (Benny Emmanuel) e Moloteco (Gabriel Carbajal) são jovens do subúrbio da capital mexicana. Sem estudos e emprego formal, eles tentam ganhar a vida fazendo pequenas esquetes como palhaços em ônibus, mas a pouca habilidade para comédia dificilmente conquista adeptos e as contribuições recebidas são poucas ou nulas. Em um ato desesperado, Cagalera rebela-se contra as tentativas honestas e arrasta o companheiro para o mundo do crime, sem ter, no entanto, a noção da espiral de violência que será desencadeada a partir dessa decisão.

QUARTA-FEIRA, 09 DE SETEMBRO

Olho Nu (2014) (105’)
[Mostra Docs Musicais] 
Horário: Quarta, dia 09/09, às 20h
Classificação: 12 anos
Direção: Joel Pizzini

Sinopse: Produzido pelo Canal Brasil em parceria com a Paloma Cinematográfica, o filme-ensaio mostra a vida e a obra de Ney Matogrosso a partir de um conjunto de imagens e sons reunidos pelo protagonista, em contraponto às sequências atuais. Num espetáculo sobre o seu percurso musical, o longa-metragem evoca a história nos palcos e no cotidiano. Sem nostalgia ou reverência, Olho Nu revela o homem por trás do personagem, sondando as motivações de sua arte, o senso crítico e o caráter libertário e político que permeia seu repertório, pautado sempre pela coerência e qualidade estética.

QUINTA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO

Divino Amor (2019) (101’)
Horário: Quinta, 10/09, às 22h20
Classificação: 18 anos
Direção: Gabriel Mascaro

Sinopse: O Brasil vive uma nova era em 2027. O carnaval foi substituído por festas gospel. A tecnologia avançou para possibilitar um estado hi-tech, mas os fins dados ao progresso são temerosos. Agora, scanners são capazes de dizer o estado civil de uma pessoa, existem exames expressos de DNA e igrejas em estilo drive-thru. A burocracia neopentecostal e suas incoerências estão representadas na figura de Joana (Dira Paes), uma funcionária pública que utiliza seu trabalho para convencer casais que desejam o divórcio a continuarem juntos. O casamento com Danilo (Julio Machado) é perfeito, exceto pela falta de um filho que, apesar de diversas tentativas, teima em não vir. A fé de ambos, no entanto, sofre um golpe duro quando o casamento entra em crise e as novas liturgias são questionadas.

SEXTA-FEIRA, 11 DE SETEMBRO

Domingo (2019) (95’)
[Festival de Veneza]
Horário: Sexta, 11/09, às 23h15
Classificação: 16 anos
Direção: Clara Linhart e Fellipe Barbosa

Sinopse: No primeiro dia de 2003, quando Lula assume a presidência do Brasil, uma família burguesa se reúne em uma decadente casa de veraneio no interior do Rio Grande do Sul. O contraste das paredes descascadas com as taças de cristal funciona como um reflexo dos habitantes, todos à beira do colapso, em seus mais diferentes tipos. Há a excitação efusiva de Bete (Camila Morgado), o machismo e a homofobia de Eduardo (Michael Wahrmann) e comportamento elitista de Laura (Ítala Nandi) ao tratar os empregados. Ainda no elenco, Augusto Madeira, Chay Suede, Martha Nowill e Ismael Caneppele.

SÁBADO, 12 DE SETEMBRO

Mate-Me Por Favor (2016) (83’) 
[Festival de Veneza]
Horário: Sábado, 12/09, às 23h15
Classificação: 14 anos
Direção: Anita Rocha da Silveira

Sinopse: Bia (Valentina Herszage) é uma menina de 15 anos, que mora na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro. A jovem mora com João (Bernardo Marinho), seu irmão, e pouco se sabe sobre a mãe, cuja rotina gira em torno do novo namorado. O bairro no qual reside, um novo reduto da elite carioca, transformou-se em um grande canteiro de obras para a realização das Olimpíadas de 2016. Atrás dos tapumes, poeira e maquinários pesados, no entanto, esconde-se um misterioso assassino em série. Com o iminente perigo a lhe rondar, a jovem vê sua pacata rotina se alterar completamente e começa a ficar obcecada pelos crimes brutais.

DOMINGO, 13 DE SETEMBRO

Não Estou Lá (2007) (135’)
ESTREIA
Horário: Domingo, 13/09, às 23h15
Classificação: 12 anos
Direção: Todd Haynes

Sinopse: Um elenco recheado de grandes estrelas de Hollywood como Heath Ledger, Christian Bale, Cate Blanchett, Richard Gere, Marcus Carl Franklin e Ben Whishaw, entre muitos outros, se reúnem no longa-metragem de Todd Haynes para homenagear e recriar, de forma ficcional, a trajetória de Bob Dylan, um dos maiores ícones da música norte-americana e mundial. Os intérpretes se revezam no papel principal do biografado para mostrar sua vida em diferentes estágios, principalmente durante a década de 1960, quando o compositor ganhou notoriedade e tornou-se uma das mais importantes vozes do folk rock americano por abordar temas ligados à rotina do trabalhador de seu país natal.


Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.