Home Top Ad

Dez candidatos conseguem vaga no terceiro dia de ''Audições às cegas'' do 'The Voice Brasil'

Share:

Divulgação Globo

Com a terceira noite de programa, dez novas vozes chegaram ao ‘The Voice Brasil’ nos times de Carlinhos Brown, IZA, Michel Teló e Lulu Santos. Até o momento, 30 participantes já estão confirmados na disputa musical, que este ano tem 64 vagas totais disponíveis. Saiba mais, a seguir, sobre os recém-chegados:
 
Nanara Bello (27 anos, Arcoverde/PE)
Filha de músico, a pernambucana cresceu vendo o pai tocar e cantar e, desde os três anos, dizia que queria ser cantora. Aos sete, subiu no palco com a banda do pai pela primeira vez e aos 12 anos gravou seu primeiro CD. Aos 15, entrou para uma banda baile e durante toda a adolescência se apresentou sozinha e em grupo em Pernambuco. Em Caruaru, já fez show para mais de 100 mil pessoas. Até antes da pandemia, seguia viajando pelo estado para se apresentar em diferentes cidades em um ônibus envelopado com sua foto. Agora, seu show é em lives na internet. Cantando “Ciumeira”, de Marília Mendonça, Nanara virou as cadeiras de Michel Teló, Lulu Santos e Carlinhos Brown e escolheu representar o Time Teló.
 
Alana Sant (22 anos, Vitória de Santo Antão/PE)
Alana não consegue se lembrar de nenhum momento da sua vida em que esteve longe da música. Aos oito anos já cantava na escola e em pequenas festas músicas de ídolos como a dupla Sandy & Junior e Michael Jackson, e sempre era incentivada pelos amigos a ser cantora. Já mais velha, teve um projeto em que cantava músicas da MPB com uma banda. Depois, decidiu seguir em carreira solo. Também gosta de tocar instrumentos como piano e ukulele. Em 2019, lançou um EP de canções autorais. Para a audição no ‘The Voice Brasil’, escolheu o clássico “Billie Jean”, de Michael Jackson, e foi aprovada por todos os técnicos. Na decisão, ficou com o Time Lulu.
 
Filipe Toca (26 anos, Natal/RN) 
Natural do Rio Grande do Norte e atualmente morando em São Paulo, Filipe exerce na cidade seus talentos musicais como cantor e compositor. Começou a compor ainda na infância e, desde que se profissionalizou na área, já escreveu mais de 60 canções, algumas delas gravadas por nomes como Saulo e as bandas Scalene e Plutão já foi planeta. Fazendo shows de abertura para outros artistas, já se apresentou para grandes públicos. Em 2019, lançou um trabalho autoral nas plataformas digitais. No ‘The Voice’, com a música “Deixa”, de Lagoon”, ele virou as quatro cadeiras e decidiu entrar no Time IZA.
 
Yesica Sales (30 anos, Rio de Janeiro/RJ)
Nascida na Espanha, Yesica veio para o Brasil com quatro anos de idade. Com pai baterista e mãe cantora, sempre esteve imersa no universo musical. Ainda na infância vestia roupas da mãe para fazer shows no quintal de sua casa para os vizinhos. Aos 16 anos, começou a se apresentar em barzinhos e aos 20 entrou para a Orquestra Superpopular, que dava novos arranjos a músicas populares no Brasil. Ficou no grupo até ele acabar, dois anos depois. Sem cantar há mais de cinco anos, viu no ‘The Voice Brasil’ a possibilidade de retomar um antigo sonho, por isso resolveu se inscrever na competição musical. A escolha para sua audição foi a música “King of pain”, de Alanis Morissette, que conquistou o técnico Lulu Santos.
 
Adma Andrade (29 anos, Monteiro/PB) 
O trabalho de Adma com música começou aos sete anos de idade: um tio dono de estúdio, vendo seu talento cantando em karaokês, chamou-a para gravar jingles para políticos e comerciantes de sua cidade. Já a partir dos 20 anos, começou a assumir os vocais de grandes grupos de forró do nordeste. O primeiro deles foi o Forró Anjo Azul, e alguns anos depois, vieram as bandas Perfil e Magníficos – que foi para ela um sonho realizado. Em 2017, deixou o grupo e entrou para a banda Limão com Mel, onde está até hoje. Nessa trajetória, já soma dez CDs, dois DVDs e três clipes gravados. Com “De volta pro aconchego”, sucesso na voz de Elba Ramalho, Adma virou as cadeiras de todos os técnicos e optou pelo Time Brown.
 
Aline Souza (27 anos, Salvador/BA)
A experiência de Aline com a música teve início na infância, cantando na igreja. Aos sete anos, ganhou um concurso de canto com uma música composta por seu pai, que também canta e toca violão. Junto com ele, começou a se apresentar em bares, eventos e festas de aniversário. Em 2016, participou do quadro “Iluminados”, do ‘Domingão do Faustão’, e saiu vencedora. No ano seguinte, em uma viagem que fez para Doha, no Qatar, passou a se apresentar sozinha. Tem um EP com cinco músicas autorais gravado e mais de 30 composições próprias. Com a apresentação de “A Loba”, de Alcione, Aline conquistou IZA, Lulu Santos e Carlinhos Brown e entrou para o time de IZA.
 
Dan Gentil (18 anos, Belo Horizonte/MG)
Dan iniciou aulas de violão aos seis anos de idade. Também na infância, começou a cantar, mas dizia que as pessoas não gostavam tanto de suas performances. Apenas em 2018, quando começou a postar vídeos cantando na internet, vieram os primeiros retornos positivos e o incentivo para a carreira musical. No ano seguinte, ganhou seu primeiro concurso na escola, onde além de cantar fez um beat box. Já fez shows em pubs e em um evento comemorativo no estádio Mineirão. Seus estilos musicais preferidos são o Pop internacional e a MPB, com inspirações em artistas como Ed Sheeran, Seu Jorge e Beatles. Com uma apresentação de “Caça e caçador”, de Fábio Junior, ele foi aprovado por todos os técnicos e ingressou no Time Teló.
 
Leyllane Carla (28 anos, Brasília/DF)
Os pais de Leyllane sempre incentivaram seu gosto pela música e, desde pequena, a levavam para cantar na igreja. Até os 13 anos, se apresentou em muitos eventos evangélicos de sua cidade. Dos 14 aos 18 anos, estudou canto popular e começou a cantar música secular. Na sequência, ingressou em um curso técnico de música e, depois de concluir, passou a dar aulas para adultos e crianças, o que faz até hoje. Há três anos comanda o Instituto de Música Harmonia, que atualmente segue com aulas online, e faz apresentações em aniversários e eventos corporativos. Não gosta tanto de cantar sozinha, por isso sempre se apresenta junto com uma banda acústica. Cantando “Respeita as mina”, de Kell Smith, ela garantiu vaga no Time Lulu depois de ter sido aprovada por todos os técnicos.
 
Tecca Maris (55 anos, São Paulo/SP) 
Tecca cresceu ouvindo artistas como Elis Regina, Chico Buarque e Kiss, e sempre gostou muito de música. Aos 14 anos, entrou para um grupo na igreja e cantava nas missas. Aos 18, começou a cantar em bares do ABC Paulista. Casou-se com um músico e montou um repertório autoral de Rock e Pop. Aos 30 anos, entrou em uma banda baile com a qual se apresentou durante dez anos. Depois disso, foi convidada para ser backing vocal da cantora Roberta Miranda e com ela fez shows dentro e fora do país. Há dez anos, canta e toca violão para pacientes de hospitais e clínicas de São Paulo. Com a música “Miss Celie’s Blues”, de Quincy Jones, ela virou as cadeiras de Carlinhos Brown e Lulu Santos e decidiu representar o Time Brown.
 
Daphne (22 anos, Blumenau/SC)
Com 15 anos, Daphne foi convidada pelo ex-participante do ‘The Voice Brasil’ Sam Alves a subir no palco em um de seus shows e cantar uma música. O vídeo da participação viralizou e já ultrapassa um milhão e meio de visualizações. Aos 18 anos, a catarinense começou a cantar em bares, restaurantes, pubs e casamentos em sua cidade. No mesmo ano, foi convidada para se apresentar em uma festa eletrônica, se apaixonou pelo estilo e passou a fazer live vocal para DJs. Hoje em dia vive da música: é DJ, produtora e sua própria live vocal. Para tentar vaga no programa, ela fez uma apresentação de “Dog days are over”, de Florence + The Machine. Encantou todos os técnicos, que viraram suas cadeiras, e entrou para o Time IZA.
 
Os times até o momento:
 
Time Brown
Tibí, Izrra, Simone Mazzer, Cleane Sampaio, Karina Zeviani, Adma Andrade, Tecca Maris.
 
Time IZA
Mayra Rodrigues, Luli, Luciana Ribeiro, Bruna Black, Anna Lima, Filipe Toca, Aline Souza, Daphne.
 
Time Teló
Fabiana Souto, Thalita Maciente, Érica Timóteo, Sérgio Dorneles, Tamara Salles, Nanara Bello, Dan Gentil.
 
Time Lulu
Nat, João Marcelo Prevedel, Rick Santos, Angel Sberse, Gabriel Nogueira, Alana Sant, Yesica Sales, Leyllane Carla.
 
O ‘The Voice Brasil’ tem direção artística de Creso Eduardo Macedo e apresentação de Tiago Leifert, com Jeniffer Nascimento nos bastidores. O reality vai ao ar às terças e quintas, após ‘A força do querer’, na TV Globo, e às quartas e sextas, no Multishow.


Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.