Home Top Ad

No dia da ''Semifinal'', participantes destacam momentos marcantes do 'The Voice Brasil'

Share:

Divulgação Gshow/Isabella Pinheiro

Hoje é dia de ''Semifinal'' no 'The Voice Brasil'. Nesta etapa, quatro candidatos de cada grupo se apresentam individualmente, mas apenas um garante vaga e representa o time na grande “Final” do programa. O público vota na sua voz predileta. Sem saber o resultado da votação, o técnico escolhe um dos participantes para receber uma pontuação bônus. O candidato que alcançar a maior pontuação, somando o voto do público e o bônus concedido pelo técnico, segue para a “Final” representando o time.
 
Assim como os primeiros, os últimos dois semifinalistas de cada time avaliaram as próprias trajetórias na competição. Escolhido pelo público para representar o Time Brown na nova fase, Izrra explica o significado de ter ido tão longe. “Estar aqui fala sobre a importância da representatividade que hoje levo para dentro de casa. Eu realizei um sonho e, por estar realizando esse sonho, meus familiares e amigos vão acreditar nos sonhos deles também”, reflete. Para brindar a conquista, ele prepara, agora, uma canção especial: “Na ‘Semifinal’ vou cantar a música da minha vida, que foi a chave para abrir todas as portas que um dia eu havia fechado por desacreditar de mim. Ela me traz paz, segurança e um caminhão de emoções”.
 
Carla Sceno avançou no programa por escolha de Brown e, hoje, experimenta um sentimento de vitória. “Qualquer um que sobe naquele palco é um vencedor porque muitos outros artistas gostariam de estar ali. Ir tão longe é uma vitória dentro de outra vitória”, vibra. Ela conta que um dos momentos mais marcantes que viveu no ‘The Voice Brasil’ foi proporcionado pelo apresentador da atração, Tiago Leifert: “Logo após as ‘Audições às cegas’ ele disse ter ouvido minha música autoral ‘Copiloto’. Eu amo interpretar, mas meu coração mora em minhas composições, e ter isso lembrado dentro do programa é muito especial”. Para esta terça-feira, ela promete uma performance animada: “Pode afastar o sofá da sala que nós vamos dançar juntos! Trarei uma música que embala festas no mundo inteiro e tem toda energia e atitude da Soul Music e da Era Disco. Cantá-la será como brindar a este momento lindo que estou vivendo”.
 
Diva Menner, que conquistou do público a vaga de semifinalista do Time IZA, avalia a importância pessoal e social de ocupar este espaço no ‘The Voice Brasil’. “Estar na ‘Semifinal’ está sendo muito importante na minha vida e na minha trajetória enquanto artista e enquanto mulher trans, negra, nordestina. Mostra que a gente pode ocupar qualquer espaço e qualquer função na sociedade, basta ter uma chance. O ‘The Voice Brasil’ me deu essa chance”, comemora. E adianta o que está preparando para esta noite: “O público vai ter uma Diva Menner muito límpida e plena cantando Jazz. E muito grata por estar ali”.
 
Victor Alves foi aprovado por IZA para esta etapa e relembra que está a dois passos da grande “final”. “Estar no ‘The Voice Brasil’ está sendo uma experiência sensacional e tem me mostrado até onde a minha voz pode me levar. Estou muito feliz! Agora é lutar para, dentre tantas vozes incríveis que estão no programa, garantir uma vaga na ‘Final’”, se diverte, sem esquecer que se trata de uma competição. Sua estratégia para ir mais longe é inovar. “Conversando com o produtor musical do programa, decidi fazer uma apresentação diferente, com início e final inéditos. Uma mistura que o público vai gostar”, arrisca.
 
Para Ed Souza, que representa o Time Lulu graças ao voto popular, a participação no reality foi transformadora. “É gratificante ver que o meu trabalho está alcançando, de forma positiva, muitas pessoas. Isso transforma e agrega a minha vida de forma grandiosa”, diz. Rememorando a trajetória até aqui, ela destaca o trabalho que realizou em conjunto com seu técnico. “Lulu é um técnico incrível e que tem muita experiência e sabedoria. Não tenho nem palavras para descrever a nossa conexão. Aprendi com ele a acreditar em mim mesma e a entender que realmente o meu caminho já está escrito”, detalha. E, no que depender dela, estará sempre pautado no amor. “A música que vou cantar tem uma letra linda. Fala de amor, coisa de que estamos precisando em tempos tão difíceis como o que estamos vivendo”, revela sobre a canção escolhida para a ‘Semifinal’.
 
Do mesmo time, aprovada por Lulu, Ana Canhoto vê a própria evolução durante a competição a partir dos conselhos e escolhas dos técnicos que teve. “A ‘Batalha’ foi muito marcante para mim, um salto grande em comparação a minha primeira apresentação, quando eu ainda não sabia lidar com o nervosismo. Hoje já me sinto em casa no palco. Teló foi quem viu algo de bom em mim na minha ‘Audição’, assim como Lulu, que nas ‘Batalhas’ me deu um voto de confiança”, explica. Sua música de hoje é dedicada eles e ao público: “Ela vem em forma de mensagem aos técnicos, aos participantes e ao público. Estamos passando por um momento difícil e devemos nos apegar aos pequenos detalhes da vida”.
 
Representando o Time Teló, Douglas Ramalho foi o eleito pelo público para esta fase. Ele destaca os grandes aprendizados. “Aprendi com Michel Teló que temos que cantar aquilo que nos faz bem, com o que nos identificamos e temos como verdade para nós. Além disso, a humildade, simplicidade e integridade, que sempre enxerguei nele, me inspiram muito”, elogia. Para a ‘Semifinal’, ele decidiu fazer uma apresentação forte, digna de finalista. “Escolhi uma música conhecida há muitos anos, com alto grau de dificuldade. Farei de tudo para ser a melhor apresentação da minha vida”, garante.
 
Larissa Vitorino, que teve a confiança de Teló para representá-lo na ‘Semifinal’, classifica a experiência no programa como “a materialização de um caminho de luta, esforço e entrega”. “O sentimento é de dever cumprido”, completa. Ela também fala sobre ter encontrado no técnico o entendimento necessário para exercer sua arte ao longo da competição. “Ainda nas ‘Audições às cegas’, quando contei minha história olhando nos olhos dele, pensei: ‘esse cara me entende, vai ter a generosidade de me deixar contar minha história aqui’. A partir daquele momento, eu soube que ele me permitiria honrar a minha mãe e todas as pessoas que eu represento”, revela. Ela detalha sua próxima apresentação: “Vou estar ‘desnuda’ musicalmente. A canção e o arranjo são bem simples e eu pretendo entregar toda beleza que existe na simplicidade. É um clássico, de um cantor e compositor bastante conhecido. Será uma responsabilidade muito grande”, antecipa.
 
Confira todos os semifinalistas de cada time:
 
Time Brown
Izrra, Cleane Sampaio, Carla Sceno, Amanda Coronha.
  
Time IZA
Luli, Luciana Ribeiro, Diva Menner, Victor Alves.
  
Time Lulu
Luana Granai, Ed Souza, Ana Canhoto, Dan Gentil.
  
Time Teló
Manso, Douglas Ramalho, Larissa Vitorino, Glícia França.
 
O ‘The Voice Brasil’ tem direção artística de Creso Eduardo Macedo e apresentação de Tiago Leifert, com Jeniffer Nascimento nos bastidores. O reality vai ao ar às terças e quintas, após ‘A força do querer’, na TV Globo, e às quartas e sextas, no Multishow.


Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.