Dani Calabresa convida o público para um "dani-se" coletivo em novo programa no GNT

Foto: Leo Lemos

Com muito humor e irreverência, Dani Calabresa comanda, ao lado de Pedroca Monteiro, seu parceiro em cena, o inédito "Dani-se", no GNT. O programa, que estreia no dia 05, às 22h30, é um convite para se libertar das pressões e chatices do dia a dia, jogar tudo para o alto, rir de si mesmo e se divertir. Tudo isso através de um bate papo leve e despretensioso, esquetes e quadros cheios de improviso. "O amor e o humor salvam. A gente precisa rir. O ‘Dani-se’ é um programa leve e divertido. Faço com o meu parceiro Pedroca, que é muito engraçado e amoroso! A gente recebe dois convidados pra bater um papo descontraído, com reflexões e histórias engraçadas, fazemos esquetes, improvisos, imitações e damos um ‘Dani-se’ pra tudo que nos pressiona", comenta Dani.

A cada dia, os apresentadores recebem uma dupla de convidados para entrar na brincadeira. Participam nomes como Fábio Porchat, Lucio Mauro Filho, Flávia Reis, Luis Lobianco, Ingrid Guimarães, Marcos Veras, Thati Lopes, Nicole Bahls, Eduardo Sterblitch, Debora Lamm e George Sauma. "Fazer o Dani-se foi o melhor desafio da minha vida. Foi um sonho estar junto da Dani, de quem sempre fui fã, recebendo amigos e ídolos para uma conversa íntima e descontraída. Tivemos a possibilidade de conversar sobre temas importantes e ao mesmo tempo chorar de rir com nossas opiniões e histórias. A entrega de todos os convidados foi incrível. Nós nos divertimos muito nos esquetes e poder contracenar com tantos artistas, que eu admiro, foi muito emocionante. Dani é um sonho. Ganhei na minha vida a parceira de trabalho mais engraçada do mundo e uma amiga afetuosa e generosa. Estou apaixonado por tudo", conta Pedroca.

Com direção artística de Lilian Amarante, "Dani-se" conta com um cenário alegre, lúdico e aconchegante, e traz quatro ambientes versáteis que se comunicam entre si. O ponto de partida de cada episódio é uma apresentação no Palco Stand Up, onde Dani e Pedroca apresentam a reflexão do dia sobre alguma inquietação contemporânea, como: "Por que temos que ser sempre originais?", "Por que temos que ter opinião sobre tudo?" ou "Por que ostentar virou a palavra da vez?".

É no palco Mesa de Leitura que os apresentadores recebem os convidados e o bate papo começa. A partir das trocas de vivências e percepções, nasce uma conversa divertida e informal que vai costurar o programa e lançar gancho para um esquete, um desafio, uma entrevista diferente ou imitação que ilustra o tema e diverte ao mesmo tempo. Já no Palco Camarim, eles se preparam para as cenas e improviso, brincando de forma espontânea. Por fim, no Palco Central, a turma dá vida aos personagens e, com a ajuda de um telão de LED, se transporta pelos quatro cantos do mundo. Em vários momentos, eles quebram a quarta parede para dialogar e se conectar diretamente com o público.

"Este é um programa híbrido, é de entretenimento e de humor. Acho que as pessoas vão assistir a uma atração que propõe uma construção um pouco diferente e isso pode surpreender! O ‘Dani-se’ é apresentado por uma dupla de atores que recebe uma dupla de convidados para que todos, juntos, participem de uma conversa muito informal e gostosa de acompanhar", diz Lilian Amarante, diretora artística da atração. "'Dani-se' chega em um momento necessário que todos nós precisamos de um respiro das pressões e cobranças do dia a dia. Dani Calabresa e Pedroca formam uma dupla incrível que consegue debater pautas atuais e necessárias com muita leveza e bom humor: tudo o que está faltando nesse momento no mundo. Estamos muito felizes com a chegada dos dois ao GNT e esperamos que o público também fique quando vir o ‘Dani-se’ no ar", completa Mariana Koehler, diretora de conteúdo artístico do GNT e VIVA.

Entre uma atividade e outra, os apresentadores comandam quadros que prometem arrancar boas risadas. Além de paródias de programas de TV e mini talk shows nada convencionais - comandados por Dani Calabresa na pele de Ivete Sangalo, Hebe, Narcisa e outras grandes personalidades -, os apresentadores dão vida ao "Disk Princesas", em que encenam duas operadoras de telemarketing. Durante uma pausa no trabalho, elas se transformam em duas princesas politicamente incorretas, que respondem perguntas e tweets da audiência de forma ácida e sincera. Pedroca ainda traz interpretações de diferentes deuses para um 'ping pong' inusitado e para lá de divino com os convidados.

"Dani-se" vai ao ar toda sexta-feira, às 22h30. A atração conta com dez episódios e foi gravada nos Estúdios Globo, seguindo todas as recomendações e protocolos de segurança.

Foto: Guto Costa

Foto: Leo Lemos

Entrevistas com Dani Calabresa, Pedroca Monteiro e Lilian Amarante:

Dani Calabresa

Qual foi o maior desafio durante todo o processo de produção e gravação?

Acho que o maior desafio foi durante o processo de criação do programa, porque a gente se falava por zoom, cada um na sua casa, e eu particularmente gosto muito de reunião de roteiro, gosto de leitura de mesa, pra gente trocar ideias e sentir na leitura o que a gente acha que funciona ou não. Mas com esse distanciamento (necessário) eu senti que foi mais difícil criar tantas ideias. Por exemplo, até hoje não conheço pessoalmente a nossa chefe maravilhosa de redação Hell Ravani! A gente só se fala pelo computador! rs

E o que você 'tirou de letra'?

Eu amo atuar, amo fazer comédia e amoooo contracenar! To muito apaixonada pelo meu parceiro Pedroca!!! Ele é muito engraçado, talentoso e tem muita doçura. Ele me ajudou muito! Logo no piloto descobrimos que a nossa química é especial! Isso me deu muita segurança, e consegui me jogar nas gravações com muita alegria.

O que 'dani-se' para você?

Dar um "dani-se" é uma libertação. É trazer leveza pra tantas coisas que pesam e nos aprisionam. Aproveito pra dar um "dani-se" pra perfeição! Felicidade não é perfeição! A gente precisa parar de se cobrar tanto, de se comparar, se diminuir, nossa única obrigação é ser feliz. E comer chocolate! rs.

Pedroca Monteiro

Como é estar no comando de um programa de humor ao lado de Dani Calabresa? De onde vem essa química em cena?

O melhor presente que eu poderia ganhar em 2021 é estar ao lado de Dani Calabresa em um projeto tão maravilhoso, bem cuidado e divertido. Dani é uma rainha da comédia, uma mulher que eu admiro muito há muito tempo, então eu tô exatamente onde eu gostaria de estar. Acho muito difícil alguém não ter química com ela, que é uma explosão de carisma e rapidez de pensamento. Desde a primeira vez que falamos sobre o projeto eu senti a abertura dela comigo. Nós estávamos com muita vontade de que essa parceria desse certo então nos abrimos um pro outro e nos deixamos levar pelo afeto. Acho que afeto é uma palavra importante nesse momento e foi assim, com muito afeto, que nós encontramos nossa parceria e nosso humor juntos..

Qual foi o momento mais engraçado durante as gravações?

Difícil eleger um momento mais engraçado. Passei todo o mês de gravações dando gargalhadas altas. Muitas vezes rimos no meio da cena e acho que tudo isso vai pro ar. Mas eu posso dizer que a 'Dona Elza' é um personagem que me faz chorar de rir e eu amo estar em cena com ela. Também ri muito gravando todos os "Disk Princesas".

Qual quadro você mais gostou de fazer? Tem algum em especial?

O quadro mais legal de gravar foi o das Paquitas. Vestir aquela roupa de soldadinha vermelha segurando pompons foi a realização de um sonho. Tô louco pra ver no ar.

O que 'dani-se' para você?

Dani-se pra mim é um grito de libertação e de resistência. Estamos vivendo um momento muito difícil e poder passar por ele com humor, leveza e encontros tão especiais é muito maravilhoso.

Lilian Amarante

Qual é a principal força do programa?

Eu acho que temos um trunfo, que é essa dupla maravilhosa: Dani e Pedroca. Eles se complementam. O programa tem o que a Dani faz melhor e ela está plena nisso. As imitações, conversar com as pessoas e as observações dela sobre a vida são muito engraçadas. Já o Pedroca traz uma energia, uma liberdade que eu acho que está no DNA do "Dani-se".

O que o público pode esperar com a estreia de "Dani-se"?

O programa traz um processo de criação a partir de um tema, de uma ideia, que vai sendo trabalhada, primeiro em uma mesa de leitura e depois nessas brincadeiras e cenas de improviso. Cada episódio é um encontro criativo para atender ao que a Dani sempre quis: um programa no qual ela pudesse brincar com as pessoas. Acho que o "Dani-se", no fim das contas, permite que todos brinquem juntos. De alguma maneira, ele é um escape do momento difícil que estamos vivendo e um convite para conversar sobre a gente mesmo e dar umas risadas do nosso jeito de ser.

O que 'dani-se' para você?

Eu daria um "dani-se" para os excessos das redes sociais porque batalho para viver a vida de verdade, que é essa aqui que vivemos do lado de fora.

"Dani-se" no GNT
Estreia: 05 de março, às 22h30
Exibição: toda sexta, às 22h30
Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Postagem Anterior Próxima Postagem